O último final de semana foi de estreia das equipes de Rio Claro no Campeonato Paulista sub-20.

O Velo Clube foi até Limeira e venceu a Internacional por 2 a 0. Já o Rio Claro FC recebeu o União Barbarense em casa e foi derrotado por 2 a 1.

83

O Rubro Verde fez uma grande partida no Limeirão. Conseguiu conter o ímpeto da Inter no primeiro tempo e aproveitou os contra-ataques no segundo para matar o jogo. Destaque para Victor, bom atacante que marcou os dois gols velistas e para Rodney, aquele mesmo do time principal e que veste a 10 neste campeonato.

Já o Galo Azul sofreu com os inúmeros desfalques, entrando em campo com uma equipe quase que totalmente reserva, devido ao atraso nas inscrições. O resultado foi o alto preço pago com a derrota por 2 a 1, onde o Barbarense dominou a partida.

No último domingo também tivemos mais uma rodada do Campeonato Amador série Ouro, em sua terceira jornada. Resultados surpreendentes e, como sempre, muitos gols (foram 40 ao todo), fizeram a alegria dos futebolistas pelos bairros de Rio Claro.

Destaque para a goleada do Cidade Nova na partida contra o Pisos Nice por 4 a 1. Os gols do Rubro Negro foram marcados por Guilherme, Anderson, Wenzel e Bruninho. O único gol do Pisos Nice foi do atacante Renan.

Em um dos clássicos de maior tradição do Amadorzão deu Unidos. O alviverde derrotou o Paulistão por 3 a 2 em partida marcada por forte marcação no setor de meio de campo. O América derrotou o Jardim Novo pelo mesmo placar: 3 a 2.

No distrital do Jardim Village, o Vasco da Gama venceu o Inter Mãe Preta também por 3 a 2 em jogo muito movimentado. Na sequência, partida que reuniu duas das maiores torcidas da competição, houve empate: Boa Vista 1×1 Santa Maria.

A terceira rodada contou com mais duas goleadas. O Juventude derrotou o Minativa por 4 a 2, enquanto o CA Juventus comemorou mais uma vitória nesta temporada: 5 a 2 na partida conta o CSA Ajapi.

Quatro partidas fecharam a dinâmica terceira rodada da competição no domingo: Santana 0x2 UPU; Panorama 2x1Ribeirão Claro; IX de julho 2×1 Novo Wenzel e Família CVZ 2×1 São Paulinho.

O último final de semana também contou com o início do Campeonato Brasileiro. 20 clubes estão na disputa da principal competição do futebol nacional, com alguns favoritos e candidatos a rebaixamento.

O Corinthians comprovou o bom momento ao vencer o Fluminense por 2 a 1 em Itaquera, com dois gols de Rodriguinho. O Timão soube superar o bom esquema de jogo montado por Abel Braga com muita paciência e eficiência. Méritos mais uma vez para o técnico Fábio Carille.

E como está jogando o Rodriguinho hein? O clamor pelo jogador chega a níveis de seleção brasileira. Realmente, a fase do meia corintiano é espetacular, de altíssimo nível, porém, acho quase impossível sua ida à Copa.

Já o Santos venceu tranquilamente o Ceará no último sábado por 2 a 0, jogando no Pacaembu. Apesar da sossegada vitória, o Peixe não mostrou um grande futebol, fazendo apenas o feijão com arroz para conquistar o triunfo.

São Paulo e Palmeiras estrearam ontem, após o fechamento desta edição. O momento de ambos é distinto; enquanto o Verdão é o principal favorito à conquista do título, o Tricolor tenta se reconstruir com Diego Aguirre e não passar o mesmo sufoco do ano passado.

A Fifa quer um novo Mundial de Clubes. A proposta foi apresentada ao Conselho da entidade durante reunião no mês passado em Bogotá, num documento de 22 páginas. Uma decisão final sobre o assunto será tomada em junho, em Moscou, quando a cúpula da Fifa volta a se reunir.

A nova competição, a partir de 2021, teria a dupla função de substituir os dois torneios que a Fifa considera fracasso de público e crítica: o Mundial de Clubes, que seria disputado no atual modelo até 2020, e a Copa das Confederações, que teve sua última edição organizada pela Rússia em 2017.

A nova proposta prevê a disputa da competição a cada quatro anos, com a participação de 24 clubes. Da Europa, viriam 12 clubes, sendo os quatro últimos campeões e vices da Liga dos Campeões e os quatro últimos campeões da Liga Europa.

Da Conmebol, os classificados seriam os quatro últimos campeões da Libertadores. Os quatro últimos campeões da Copa Sul-Americana disputariam um playoff onde o campeão enfrentaria o representante da Oceania em uma repescagem por uma vaga na competição.

África, Ásia e Concacaf (Américas do Norte e Central) teriam duas vagas cada uma. O país-sede teria um representante com vaga. O representante da Oceania, como dissemos anteriormente, teria vaga garantida apenas para a repescagem contra um time da América do Sul.

O torneio seria disputado em seis estádios do país-sede, ao invés dos dois atuais. Algumas confederações, como a africana, veem com bons olhos esta possibilidade de novo formato do Mundial de Clubes.

E a Fórmula 1 hein? Parece que finalmente estamos em uma temporada de equilíbrio entre as três principais equipes do certame. Mercedes, Ferrari e Red Bull mostram paridade e Daniel Ricciardo com uma estratégia agressiva no fim da prova, conseguiu surpreender e buscou a vitória nas voltas finais. Vale a pena demais acompanhar a atual temporada.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA