LUZES DA CIDADE: Crianças e Idosos

Augusto Hofling

Outro dia fomos atendidos em uma Repartição Pública e percebemos que estava sendo recebido ali o idoso de forma prioritária que, aliás é coisa da lei do país. Anteriormente vimos em situações de vacinação os eternos “fura-filas” passando, acintosamente, à frente de idosos e crianças. Vimos, neste caso particular, que tinham ali orientadores do município que cuidavam desta parte, por isto mesmo que devemos realçar o valor desse trabalho.
A lei foi feita para ser respeitada, eis que sabemos o quanto estamos sofrendo, neste instante, os casos revelados pelos órgãos de imprensa na questão de verbas destinadas ao povo sendo desviadas para os bolsos daqueles que justamente deveriam estar protegendo o país! Existe o crime individual e o coletivo: aqueles que são eleitos ou nomeados para cuidar dos cofres públicos têm um dever coletivo tremendamente sério, portanto trata-se de algo que jamais poderia acontecer, milhões de pessoas estão sofrendo, neste momento.
Em nosso caso pagamos anos e anos o máximo, ou seja, a aposentadoria de 20 salários e recebemos hoje o valor de três salários e já reclamamos, por várias vezes o lastimável caso e único “consolo” é o fato de que muitos outros estão curtindo situação idêntica. Está sendo anunciado na imprensa que haverá reduções na aposentadoria do INSS. Há muitos homens sérios na política e na administração do país de forma que temos esperança que tudo será resolvido de acordo com o interesse do povo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *