Cadeiraço mobiliza a região central

Cerca de mil pessoas são esperadas neste sábado (14), para participarem da terceira edição do Cadeiraço em Rio Claro. O evento, organizado pela Ong Mais Forte que a Deficiência, tem por objetivo conscientizar a população sobre a necessidade de espaços mais acessíveis para cadeirantes e deficientes.
A presidente da Ong, Rita de Cássia Silva Leite, conta que a ideia de iniciar o evento foi da assistente social Juliana Oliva, que trouxe como proposta causar um impacto na vida das pessoas. “Todos os anos foi um sucesso de público, a mudança está acontecendo, ela é lenta mas está acontecendo. Acredito que o poder público abre espaço para que possamos reivindicar nossos direitos, mas a sociedade necessita de mais conscientização”, comentou, “infelizmente, ainda há muito para ser mudado, vários pontos que necessitam de acessibilidade ainda, seja no Centro ou nos bairros”.
Rita foi eleita presidente da Ong no final do ano passado, ela é mãe de um menino com deficiência auditiva e relata como é difícil assegurar os direitos dele. “É uma luta diária para que meu filho tenho uma vida normal e tenha seus direitos assegurados, foi o que me levou a abraçar a causa, não só por ele, mas por todos que necessitam”, explicou Rita.
TRÂNSITO
Os motoristas que transitarem pelo Centro neste sábado (14) devem ficar atentos, pois várias vias da região central ficarão por alguns momentos interditadas. A manifestação terá concentração na Rua 3 entre as avenidas 1 e 2. O trânsito será fechado nos trechos que os manifestantes estiverem percorrendo, e liberado logo em seguida. Da Rua 3, o Cadeiraço seguirá até a Avenida 4, subirá até a Rua 2 e de lá seguirá até a Avenida 7, chegando até a Rua 1, na praça entre as avenidas 7 e 5. A previsão dos organizadores é de que toda a atividade termine às 11h30.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *