Cá entre nós…

15

Por Eduardo Sócrates Bergamaschi

Papo furado?!…
Esse posicionamento da administração municipal em mudar quase todos os funcionários da UPA da 29 está parecendo blefe. Para alguns servidores municipais com quem conversei tudo não passa de balão de ensaio. Ninguém acredita que possam fazer tamanha asneira (trocar toda a parte administrativa e boa parte da parte médica e de enfermagem). Tem gente que diz que o prefeito não tem o direito de sacrificar inúmeras pessoas (pais e mães de família) para sair ileso das fofocas. Não seria honesto. Mas, como de cabeça de juiz, cabeça de político e bumbum de nenê ninguém sabe o que vai sair! Tudo, mas tudo mesmo é possível…

Se a moda pegar…
Caso o prefeito resolva mudar todo o quadro de funcionários de um departamento a cada besteira feita, meu Deus. Vai ter mudanças semanalmente. Para que isso não aconteça ele terá que acabar com todos os seus cargos “boquinhas”, inclusive alguns bem pertinho dele ali no Paço Municipal, e mudar por profissionais, realmente, capazes. Caso contrário, tudo vai continuar como dantes no quartel de Abrantes…

Está caindo a ficha?!…
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que a reeleição da presidente Dilma Rousseff foi um “desastre” e que não dependia dele tirar da petista a chance de se reeleger, após sucedê-lo no cargo em 2010. Durante entrevista ao radialista Mário Kértesz na manhã desta quinta-feira (15), Lula contou que deixou para Dilma ser presidente plena, o que desencadeou resultados positivos até 2013. “Dilma nunca me procurou para conversar sucessão. Partia do princípio que ela tinha direito de sair candidata, achei que não deveria me meter. Ela tinha direito de ser candidata, foi candidata, se reelegeu. O segundo mandato foi desastre para nós do PT e para o Brasil”, avaliou. É! O homem dá o braço a torcer, mas nunca assume a sua parcela de culpa. Todos erram, menos ele, claro…

A ideia pode ser boa…
“O atendimento ao público na rede pública de saúde requer a adoção de medidas que possam assegurar o funcionamento adequado”. A frase é do vereador Ney Paiva (DEM) autor do Requerimento 719/19 aprovado por unanimidade pela Câmara Municipal na sessão ordinária da última segunda-feira, 12/3. Na avaliação do parlamentar, se faz necessária a implantação de monitoramento eletrônico 24 horas através de câmeras. Ao justificar a proposta, Ney Paiva salienta que o sistema dará condições para que os gestores públicos possam acompanhar em tempo real o atendimento nas Unidades de Pronto Atendimento, as UPAs. A ideia é interessante, pois ela poderia evitar tomadas de medidas tão sem nexo como a que o prefeito quer fazer na UPA da 29. Mas, uma ideia boa também seria que todas as entrevistas dos vereadores com o prefeito, também fossem monitoradas por câmeras e microfones. Que tal?…

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA