Rio Claro consegue R$ 424 mil para modernizar o Banco de Alimentos

A prefeitura de Rio Claro vai investir R$ 424,8 mil na modernização da estrutura do Banco Municipal de Alimentos, projeto desenvolvido pelo município em parceria com a Udam (União de Amigos). O dinheiro será utilizado para a compra de novos equipamentos. O Banco de Alimentos irá receber investimentos de R$ 420,6 mil do governo federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), mais contrapartida de R$ 4,2 mil do município.
O convênio para a liberação dos recursos foi assinado nessa quinta-feira (28) pelo prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, na sede da superintendência regional da Caixa Econômica Federal em São Paulo. “Esse convênio é muito importante porque vai ajudar o município a investir na melhoria do atendimento às pessoas em situação de vulnerabilidade social”, afirma Juninho da Padaria, que falou em nome dos prefeitos na solenidade.
No total, 19 bancos vão receber investimentos em todo o país, sendo 11 no Estado de São Paulo. “Rio Claro se destaca por ter sido um dos municípios contemplados. Vamos continuar buscando recursos com os governos estadual e federal para atender a população que mais precisa”, declara Juninho.
A secretária municipal do Desenvolvimento Social, Érica Belomi, informa que os recursos vão ser investidos na melhoria das estruturas física e operacional do Banco de Alimentos. “Com esse investimento será possível proporcionar maior agilidade e qualidade aos serviços oferecidos pelo banco, além de ampliar o trabalho e potencializar o atendimento às famílias”, explica Érica que também participou da assinatura do convênio em São Paulo.
O secretário nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, Caio Rocha, ressaltou que o objetivo do governo federal é ampliar o atendimento aos municípios para beneficiar um número maior de famílias. Rocha lembrou que, mesmo diante da crise financeira, o ministério liberou R$ 5,8 milhões para o projeto de modernização dos Bancos de Alimentos.
Também participaram do ato em São Paulo, José Valverde Machado Filho, coordenador da Codeagro (Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios), representando o governo estadual; Clayton Carneiro, superintendente da Caixa; Maurício Camada, gerente da filial de governo da Caixa; Mamoru Nakashima, prefeito de Itaquaquecetuba; Felício Ramuth, prefeito de São José dos Campos; e Aline Cardoso, secretária do Trabalho do município de São Paulo.RIO CLARO CONSEGUE (1) RIO CLARO CONSEGUE (3)

Praça de Alimentação do Shopping Rio Claro funciona a partir das 12h no domingo

“O horário tem por objetivo permitir que os consumidores possam almoçar tranquilamente antes das festividades da passagem do ano, e com a abertura das lojas às 13h também terão a oportunidade de fazer as últimas compras para as festas”, destaca Sibelly Paganotti, Analista de Marketing do Shopping Rio Claro, lembrando que o funcionamento do centro de compras no domingo será até às 17h.
Horário de funcionamento do Shopping Rio Claro no dia 31 de dezembro
Praça de Alimentação: das 12h às 17h
Demais operações: das 13h às 17h

Shopping Rio Claro
Com 65 mil m² de área construída, o Shopping Rio Claro é o empreendimento comercial que disponibiliza o maior mix de marcas na macrorregião de Rio Claro, reunindo em um só local uma grande diversidade de lojas e serviços que atraem 600 mil frequentadores por mês.
O Shopping Rio Claro possui 140 operações, sendo seis lojas-âncora (Marisa, C&A, Lojas Americanas, Renner, Poupatempo e Arcoplex – com cinco salas de cinema, sendo uma 3D), quatro megalojas (Centauro, Ri Happy, Polo Wear e DiGaspi), Praça de Alimentação com 13 operações de fast food e um restaurante, além de uma casa lotérica.
Localizado em uma área privilegiada, o mall é um importante local de compras, lazer e entretenimento para adultos e crianças da cidade e região, oferecendo excelentes opções de compras, segurança e estacionamento para 1.000 vagas.

Prefeitura investe R$ 77 mil na reforma do telhado da Escola Maria Hartung

A prefeitura de Rio Claro realizou neste ano vários serviços de reforma e manutenção nas escolas municipais e novas obras devem ser feitas no ano que vem. Uma delas é a reforma do telhado da escola municipal Maria Aparecida Polastri Hartung – Dona Birro, localizada no Jardim Ipanema. Inaugurada em maio de 2014 pela administração municipal anterior, a unidade escolar está com problemas no telhado causando infiltração em dias de chuva.
“Vamos investir quase R$ 80 mil na reforma do telhado que é novo, mas infelizmente já está apresentando problemas”, informa o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria. A licitação já foi concluída e o contrato com a empresa vencedora, Construtora Prodex, foi assinado na quarta-feira (27). A ordem de serviço também já foi emitida autorizando a empresa a iniciar os trabalhos.PREFEITURA INVESTE (1)
“A reforma terá início em janeiro durante o período de férias dos alunos”, comunica o secretário da Educação, Adriano Moreira. Para realizar os trabalhos será necessário retirar as telhas e mexer na laje, madeiramento e calhas. Além do telhado, serviços também serão realizados no refeitório da escola para melhorar o atendimento oferecido aos alunos. A Escola Maria Hartung atende 122 crianças de zero a cinco anos, em período integral.
A prefeitura também tem outras obras em andamento em unidades escolares. Um muro está sendo construído no entorno das escolas Jardim das Palmeiras – Caic e Isolina Huppert Cassavia, no Jardim Brasília, após mais de 20 anos de espera da comunidade. Já a Escola Sueli Aparecida Marin, localizada no Jardim São João, teve muro reconstruído entre maio e junho deste ano.
No Bairro do Estádio, um dos prédios da Escola Antonio Maria Marrote foi reformado. A Escola Lucídia Therezinha Cassavia Escrivão Soares, no Jardim Boa Vista, também está recebendo melhorias que incluem novo banheiro e calçada.

Trinta e duas toneladas de material foram recolhidas nos mutirões contra dengue em 2017

O trabalho de combate à dengue desenvolvido pela prefeitura de Rio Claro inclui mutirões de limpeza que, em 2017, somou mais de 32 toneladas de material recolhido. Quase 62 mil imóveis foram visitados. O serviço é desenvolvido pela secretaria municipal de Saúde por meio do núcleo de combate à dengue do Centro de Controle de Zoonoses, e apoio da Secretaria de Meio Ambiente.
Grande parte desse material é potencial criadouro do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus, além da febre amarela no perímetro urbano. De acordo com a chefe de núcleo da Secretaria de Saúde, Maria Júlia Guarnieri Baptista, os mutirões contribuíram para que Rio Claro termine o ano registrando 14 casos confirmados de dengue. Em 2015, quando a cidade viveu um surto da doença, foram registrados 21.767 casos. Neste ano o município registrou, ainda, dez casos de chikungunya até o momento. “Não podemos baixar a guarda para o mosquito da dengue”, enfatiza Maria Júlia. “Para manter a doença sob controle, é preciso que a população faça o descarte correto de materiais e ajude a eliminar potenciais criadouros do mosquito”, acrescenta, reforçando que a luta contra o Aedes é de todos.TRINTA E DUAS TONELADAS DE MATERIAL (1)
Entre o material recolhido e que precisa de atenção maior dos moradores estão pneus, vasos sanitários, copos plásticos, potes, garrafas, móveis e outros itens inservíveis, descartados em terrenos baldios ou nos quintais. Se permanecerem a céu aberto esses materiais acumulam água e atraem a fêmea do Aedes, que coloca seus ovos, garantindo sua reprodução.

Saúde alerta os cuidados com a dengue no verão

Pensando nisso, a Secretaria de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica de Cordeirópolis, alerta os moradores sobre os cuidados que devem ter contra o mosquito Aedes aegypti, sendo ele o vetor da dengue, Chikungunya e do Zika Vírus, nesta época do ano. Segundo a secretária de Saúde, Jordana Cassetário, neste período há mais incidência de chuvas, conhecidas como chuvas rápidas de verão. “Por conta dessas chuvas, as chances de proliferação do inseto é ainda maior, por isso estamos iniciando o trabalho de prevenção”.
De acordo com a enfermeira responsável pela Vigilância Epidemiológica, Nayara Maria Bellini Motta, os cidadãos precisam criar o hábito de prevenção e conscientização sobre este vírus. “A melhor forma de preveni-lo é a higienização e limpeza dos possíveis locais de acúmulo de água. O foco domiciliar é a nossa principal preocupação porque é onde temos uma proliferação maior do mosquito. Sendo assim, sempre reforçamos a importância da participação da população no combate ao ciclo de procriação do mosquito, ou seja, em locais ou objetos que possam acumular água limpa”.
Ainda segundo a enfermeira, neste ano o município notificou dois casos de dengue, sendo eles importados. “O nosso objetivo é erradicar esses vírus o ano que vem, por isso desde já estamos começando novamente com esta mobilização em nosso município, pois só assim plantaremos a semente da conscientização na cabeça de cada cidadão cordeiropolense e evitaremos a epidemia em nossa cidade”, lembrou a enfermeira que também informa. “A pessoa que suspeitar que esteja com a doença, deve procurar imediatamente o atendimento médico em nossos postos de saúde”, finalizou.
Sintomas
– febre alta; 
– fortes dores de cabeça e atrás dos olhos;
– perda do paladar e apetite manchas, dentre outros sintomas.
Cuidados:
– realizar o armazenamento e destinação adequada do lixo; 
– não descartar lixo ou qualquer outro material que possa acumular água no quintal de casa, no quintal de vizinhos, na rua ou em terrenos baldios; 
– manter a caixa d’água sempre limpa e totalmente tampada; 
– eliminar os pratinhos de vasos de plantas e caso não seja possível mantê-los limpos e escovados; 
– manter as calhas livres de entupimentos para evitar represamento de água nas mesmas; 
– manter limpos e escovados os bebedouros de animais domésticos e trocar a água diariamente;
– manter piscinas sempre limpas e devidamente tratadas.

Defesa Civil dá orientações para reduzir riscos trazidos pelas chuvas

As chuvas de verão trazem riscos que podem ser reduzidos com cuidados da comunidade. A Secretaria Municipal de Segurança, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Sistema Viário reforça orientações que ajudam a evitar problemas maiores em situações de risco relacionadas ao clima. “Este é um período em que são comuns as pancadas de chuva no final de tarde, que podem gerar transtornos como galhos ou árvores que caem, ruas alagadas e outros”, comenta o diretor da Defesa Civil de Rio Claro, Wagner Martins Araújo. “Algumas ações simples são essenciais para evitar contratempos”, acrescenta.
Uma das principais dicas é evitar contato com a água de enchentes ou alagamentos. O risco de a água estar contaminada é alto, o que pode provocar doenças. A Defesa Civil também orienta para que se mantenha produtos de limpeza e alimentos fora do alcance das águas. Se houver contato, pode haver contaminação, portanto esse material deve ser descartado. Também é importante beber somente água filtrada ou fervida.
Não é recomendável transitar em vias alagadas, mas, se for o caso, é recomendável que a pessoa esteja calçada. Por questão de segurança, é importante andar utilizando apoio de muros e paredes. Durante as chuvas não se deve buscar abrigo sob árvores, pelo risco de raios e de quedas de galhos ou da própria árvore.
As pessoas que forem limpar locais atingidos por água e lama devem usar botas e luvas. Não se deve nunca reaproveitar a água das enchentes. É essencial manter equipamentos elétricos longe da água e não encostar nesses equipamentos se estiverem molhados.
“Voltamos a pedir a colaboração da comunidade no sentido de fazer o descarte correto de materiais durante o ano todo”, destaca o diretor da Defesa Civil. “Lixo jogado em terrenos e vias públicas entope galerias e bocas de lobo, prejudicando o sistema de escoamento de águas das chuvas, agravando problemas de inundações”, comenta, lembrando que Rio Claro tem coleta de lixo em todos os bairros e serviços como cata bagulho, coleta seletiva e ecopontos.

Ecopontos ficam fechados e não haverá coleta de lixo na 2ª-feira

Para evitar acúmulo de lixo e sujeira nas vias públicas nesse feriado prolongado, a prefeitura de Rio Claro reforça orientação à comunidade sobre os serviços para a destinação de materiais. Na segunda-feira, feriado de Ano Novo, não haverá coleta de lixo domiciliar na cidade, nem coleta seletiva ou cata bagulho, e os ecopontos estarão fechados. A partir da terça-feira (2), esses serviços voltam a atender normalmente em Rio Claro.
No caso da coleta de lixo, o serviço é realizado em cada bairro três vezes por semana. Ou seja, moradores onde há coletas às segundas-feiras não devem colocar o material na calçada nesse dia primeiro de janeiro, e sim no dia 3, quarta-feira.
De acordo com o gerente da Secretaria de Meio Ambiente, Willian de Oliveira, a colaboração da comunidade é fundamental. “Deixar lixo na rua ou materiais nos portões dos ecopontos no dia primeiro de janeiro pode gerar problemas, já que animais ou chuvas podem espalhar o lixo e dificultar a limpeza da cidade”, explica.
Os ecopontos funcionam de segunda a sábado, das 8 às 20 horas e em feriados, das 8 às 17 horas – a exceção são os feriados de Natal, Ano Novo e Sexta-feira Santa. Nos ecopontos podem ser depositados até um metro cúbico de galhos, restos de podas de árvores e entulhos de materiais de construção; móveis, eletrodomésticos, madeiras MDF, colchões e outros objetos velhos; pilhas e materiais recicláveis, lâmpadas e óleo de cozinha. Lixo orgânico, hospitalar e de empresas não são aceitos nos ecopontos, pois têm outros modelos de descarte.
Os seis ecopontos estão nos bairros São Miguel (anel viário, perto da Avenida 62A), Inocoop/Guanabara (Avenida Tancredo Neves com a rodovia Fausto Santomauro), Jardim Figueira (Avenida 54 em frente à Rua 27), Jardim das Palmeiras (Avenida 3JP, ao lado da Estação de Tratamento de Esgoto), no Cervezão (Rua 6A, Avenida M21) e Jardim São Paulo (Rua 1A).ECOPONTOS FICAM FECHADOS (1)
Os calendários dos sérvios de cata bagulho e da coleta seletiva estão disponíveis no site da prefeitura www.rioclaro.sp.gov.br, no link ‘Serviços’, na parte superior da página.

Câmara devolve mais R$ 1 milhão e encerra ano com nova postura diante da sociedade

Ao final de junho, o Legislativo já havia antecipado o repasse de R$ 1.000.000,00 para viabilizar a criação do complexo médico-hospitalar na Avenida Visconde do Rio Claro a partir da chegada das “Carretas da Saúde” ao município.
A devolução da nova quantia de mais de R$ 1 milhão foi oficializada na manhã dessa quinta-feira (28) ao prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, pelo presidente da Câmara André Godoy (DEM), que credita o repasse desses montantes ao novo modelo de gestão baseado na economia e eficiência, endossado por todos os vereadores da Casa.
“A exemplo dos demais vereadores espero que o prefeito faça bom uso desses recursos, priorizando os serviços essenciais à comunidade. Afinal, é o dinheiro dos impostos pagos pelos contribuintes que deve voltar em benefício dos que mais precisam, como no caso do ‘Espaço Mais Saúde’, que em fevereiro inicia as cirurgias de catarata e já tem mais de 400 cirurgias vasculares programadas para 2018” – observa André.
Para o presidente, o primeiro ano da atual legislatura foi marcado pelo esforço feito pela Câmara para estar em sintonia com as exigências da sociedade. “As novas regras que restringem o uso de veículos oficiais e regulamentam o pagamento de diárias, bem como a implementação da reforma administrativa que atendeu os apontamentos do Ministério Público e as decisões da Justiça, são exemplos dessa nova postura” – diz.
Ele lembra que a racionalização de gastos e a busca de soluções criativas para barateamento do custo final, também marcaram a realização das obras de adequação dos espaços físicos para atender de forma igual os 19 vereadores, já que a estrutura herdada mal supria as necessidades dos 12 parlamentares da legislatura passada, apesar da reforma realizada à época.
A Câmara – prossegue André – ainda investiu na inovação e modernização operacional do processo legislativo, com a implantação de um novo sistema eletrônico de votação e a reformulação do site, que agora é responsivo. “Quando há vontade para fazer o que é certo, é possível encontrar um caminho que atenda as expectativas da população e contar com o apoio de todos os vereadores” – conclui.

Após sete meses de criação de postos de trabalho, país fecha 12.292 vagas em novembro

Brasil fechou 12.292 vagas de trabalho com carteira assinada em novembro deste ano, segundo números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados pelo Ministério do Trabalho nesta quarta-feira (27).
O número é a diferença entre as contratações, que somaram 1.111.798, e o de demissões no mês passado, que totalizaram 1.124.090.
Em novembro, começou a vigorar a nova lei trabalhista que, entre as mudanças, trouxe a possibilidade de contratos de trabalho intermitente e com jornada parcial.
De acordo com o ministério, no mês passado foram contratados:
* 3.067 trabalhadores via contrato intermitente;
* 231 trabalhadores via contrato parcial (a nova lei trabalhista elevou de 24 horas para até 30 horas semanais os contratos desse tipo).

Nova lei trabalhista pode inflar estatística
Conforme mostrou o G1, a metodologia de registro das vagas de contrato de trabalho intermitente nas estatísticas do Ministério do Trabalho pode inflar o número de postos criados a partir de agora.
O coordenador-geral de Estatísticas do Ministério do Trabalho, Mário Magalhães, confirmou nesta quarta que o governo registrará cada vínculo de trabalho intermitente de forma separada, mesmo que dois ou mais vínculos estejam relacionados a um mesmo trabalhador.
Ele disse também que o governo não tem como saber se esse trabalhador recebeu salário no mês em questão, considerando que, pela modalidade de contrato intermitente, ele pode ser registrado na base de dados de uma empresa, mas não ser convocado para trabalhar em um determinado mês.
“O escopo do Caged não traz a perspectiva da informação de quanto o trabalhador efetivamente recebeu. O Caged trata exclusivamente dos contratos de trabalho firmados e rescindidos, razão pela qual não há a menor possibilidade de que se divulguem dois índices de emprego”, declarou.

Magalhães acrescentou que, se um trabalhador recebeu salário na modalidade intermitente, essa informação estará disponível somente na Rais, cuja divulgação é feita anualmente.
Fechamento de vagas é o 1º em 7 meses
Com o resultado de novembro, foi interrompida uma série de sete meses seguidos em que as contratações superaram as demissões. O resultado foi o pior desde março de 2017 – quando foram fechadas 57.625 vagas.
Apesar das demissões, houve melhora frente a novembro de 2016, quando houve 116.747 demissões, e de 2015, quando 130.629 perderam o emprego.
“Isso não significa interrupção do processo de retomada do crescimento do país. A recuperação da economia vem ocorrendo de forma gradual e consistente”, afirmou o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, em entrevista nesta quarta.
* No acumulado de janeiro a novembro deste ano, foram gerados 299.635 empregos com carteira assinada.
* Se considerados os últimos doze meses, porém, as demissões superam as contratações em 178.528 vagas com carteira assinada.
* Ao fim de novembro, o Brasil tinha 38,62 milhões de pessoas empregadas com carteira assinada. No fim do mesmo mês do ano passado, o número era maior: 38,79 milhões.
Os números de criação de empregos formais do acumulado de 2017, e de igual período dos últimos anos, foram ajustados para incorporar as informações enviadas pelas empresas fora do prazo nos meses de janeiro a outubro. Os dados de novembro ainda são considerados sem ajuste.
Para 2018, o governo estima que o Brasil deverá criar 1,78 milhão de empregoscom carteiras assinadas.

Em novembro deste ano, de acordo com o Ministério do Trabalho, sete dos oito setores da economia demitiram mais do que contrataram. Veja abaixo os resultados:
* Comércio: abertura de 68.602 vagas;
* Serviços: fechamento de 2.972 vagas;
* Indústria de transformação: fechamento de 29.006 vagas;
* Agricultura: fechamento de 21.761 vagas;
* Serviços de utilidade pública: fechamento de 814 vagas;
* Indústria extrativa mineral: fechamento de 1.155 vagas;
* Administração pública: fechamento de 2.360 vagas;
* Construção civil: fechamento de 22.826 vagas;
Segundo o Ministério do Trabalho, em novembro as demissões superaram as contratações em três das cinco regiões do país. Veja abaixo a variação do emprego formal por regiões:
* Nordeste: +3.758 vagas;
* Sul: +15.181 vagas;
* Centro-Oeste: -14.412 vagas;
* Norte: -398 vagas;
* Sudeste: -16.421 vagas.

Ser Grato é Ser Feliz…

Por Eduardo Sócrates Bergamaschi

Recebi via WatsApp um pequeno texto que fala de gratidão, que achei muito interessante e resolvi usá-lo como base para mais um artigo de feliz ano novo.
“Obrigado à vida que me inspira, me renova e me dá chances de evoluir diariamente”. Pois é, poucos de nós, percebemos que cada dia vivido é mais 24 horas de novas experiências, que nos tornam mais sábios.
“Obrigado ao lugar onde estou aqui e agora, pois esse lugar precisa de mim e eu dele”. Sim, todas as nossas experiências, vivências, dores e alegrias são obras Divinas e se estamos neste lugar, aqui e agora é porque Ele definiu que isso é bom pra nós.
“Obrigado à todos os órgãos do meu corpo que funcionam em plena harmonia e perfeição”. Pois é, apesar de alguns acertos necessários terem sido feito na máquina, a verdade é que ela está aqui, funcionando, me permitindo respirar, sentir a brisa, ver os amigos e os inimigos. Enfim, se estou aqui é porque a máquina ainda funciona e como dizia um velho amigo: “o pulso ainda pulsa”.
“Obrigado a casa onde moro, que me serve de refúgio e descanso”. Esta talvez seja a mais imperceptível das nossas faltas de percepção do que é bom ou ruim. Basta olharmos para as ruas, altas horas da noite, em baixo de pontes, de viadutos, sobre bancos de praças, e veremos que o valor do meu lar, da minha cama é infinitamente maior do que aquele que lhes dedicamos.
“Obrigado às oportunidades de trabalho, conquistas e evolução que se abrem diante de mim diariamente”. Mais uma das dádivas que Deus nos premia e que muitas vezes não valorizamos. Estarmos empregados hoje em dia, já é uma graça divina, quando conhecemos as evoluções profissionais então é algo que temos que agradecer com muita ênfase.
“Obrigado a todas as pessoas que cruzam meu caminho”. Amigos ou inimigos, ninguém entra em nossas vidas por acaso.
“Obrigado às pessoas que me fizeram mal, porque assim desenvolvi força e coragem para seguir sempre adiante”. Repetindo, nada é por acaso, se me fizeram mal e eu ainda estou aqui, em pé, lutando é porque tive força, coragem, Fé e perseverança para sacudir a poeira.
“Obrigado às pessoas que me fizeram bem, porque assim me senti muito amado e abençoado”. Aqui não precisa de complemento.
“Obrigado a todas as oportunidades de sucesso pessoal que recebo, identifico e aceito”.
“Obrigado a mim mesmo que encontro a gratidão em todas as pessoas, coisas e fatos”.
Isso se eu for assim mesmo. Se tiver a sabedoria para absorver tudo o que se passa em minha volta e em minha vida, como ensinamento de Deus para o meu crescimento.
E enfim, “Obrigado ao Deus maravilhoso que existe dentro de mim, sou parte de sua divindade e por isso espalho luz, amor e paz onde quer que eu esteja”. Obrigado por me fazer compreender que dentro de cada ser humano existe Deus. Agradeço também quando me permite buscar o Deus interior do outro e quando ao encontra-Lo consigamos espalhar esse Deus (Amor) à toda a comunidade.
E para que possamos ter um 2018, 2019, 2020…, sem restrições, precisamos só de
“Gratidão, gratidão, gratidão!”

2018, UM ANO CLARAMENTE ESCURO

Carlos Brickmann

O presidente Michel Temer, usando sem parar a máquina do Governo, prometendo ampliar ainda mais as vantagens oferecidas a quem o apoia, mantendo-se ao lado de cavalheiros amplamente conhecidos como Romero Jucá, Eliseu Padilha, Moreira Franco, atraindo para seu grupo mais pessoas vocacionadas para integrá-lo, como o deputado Carlos Marun, tem o apoio de 6% do eleitorado – um número como o ostentado, veja só, por Dilma. Por que usar maneiras tão discutíveis de fazer política, para ter resultados tão frustrantes? Por que, com tão pouco apoio, ensaia tentar a reeleição?
Simples: porque a primeira obrigação de um político é sobreviver. Vale tudo, portanto, para manter-se no cargo, mesmo tendo de chamar de Vossa Excelência alguns cavalheiros que só agora aprenderam a usar talheres às refeições (e a devolvê-los no final do banquete). Sobreviver não quer dizer que continue dando as ordens – que essas, mesmo em seus melhores tempos, dava em voz tão baixa que o gravador de Joesley não pôde captá-las direito. Sobreviver significa ficar livre de juízes de primeira instância, como Sérgio Moro. Tentar a reeleição segue a mesma lógica: findo o mandato, Temer perde o foro privilegiado e cai nas mãos dos juízes de primeira instância, como Moro. Temer só não tentará a reeleição se houver um acordo que lhe garanta foro privilegiado ou indulto. Sem isso, não perguntem a Temer se prefere o demônio ou Moro. E se ele responde?
Perdão demais
Indulto é decisão privativa do presidente da República. O Supremo não deveria se intrometer no assunto, mas se intrometeu (e, cá entre nós, foi bom). O presidente decide, mas decidir aumentando ainda mais as regalias dos delatores é meio muito. Pense num dedo-duro bem safado, que trocou amigos e cúmplices por uma pena que é quase um prêmio. Ganharia mais um prêmio, ficando livre de cumprir outro pedaço daquela pena de mentirinha com a qual foi premiado, e sem pagar multa nenhuma? Dá inveja dos bandidos que roubam o Tesouro e, sem dó, entregam até a mãe.
Temer, mestre de Constituição, sabe que foi além do razoável. Se sabe, por que fez? Para indicar a aliados que, se apanhados, terão apoio, pois alguém lá em cima gosta deles. Que sigam votando com Temer. A arma de Temer para a reeleição é a economia. Se tudo der certo e ele ficar, será bom para o bando todo. Bando, claro, no bom sentido; é sinônimo de “grupo”.
É isso aí
Por falar em Carlos Marun, uma pessoa nova no grupo sempre é alguém que ainda não se acostumou a narrar os fatos da maneira que agrade os companheiros. Pois não é que Marun, agora ministro da Secretaria de Governo, acaba de admitir que está pedindo apoio à reforma da Previdência especialmente para quem recebe recursos oficiais?
“Não vamos abrir mão de pleitear o apoio dos agentes públicos brasileiros e, especialmente, daqueles beneficiados por ações do Governo”, disse. Ou, em linguagem menos rebuscada, é recebendo que se dá. É bom aproveitar a verdade antes que o ministro Marun aprenda a dizê-la.
O golpe e “o górpi”
O governo da Venezuela expulsou o embaixador brasileiro, por “representar um Governo de extrema direita” – na linguagem petista, “o górpi”. As coisas estão agora mais claras: a Venezuela está entre os quatro países bolivarianos que pegaram dinheiro do BNDES para realizar obras e, agora, dão o golpe no credor, não pagando as prestações. Segundo a Operação Lava Jato, há nesses empréstimos, com os quais seriam pagos os serviços de empreiteiras brasileiras, farto superfaturamento, que em parte voltou ao Brasil para pessoas bem relacionadas. Maduro falou mal do Brasil, do Canadá (que também expulsou diplomatas venezuelanos) e de Portugal (ver nota abaixo). Mas a crise que a Venezuela procura para ter um inimigo externo e abafar a crise interna é com outro país: a Guiana. Tão logo o vizinho descobriu petróleo na fronteira com a Venezuela, Maduro passou a reivindicar a região. Tenta intimidar o vizinho com os jatos Sukhoi que comprou da Rússia. Não vai adiantar: a Guiana tem o apoio de Brasil e Colômbia. E os Sukhoi são caças ótimos mas não voam sozinhos.
A Guerra do Pernil
O presidente venezuelano Nicolás Maduro está também em crise com Portugal. Prometeu distribuir pernis de porco neste fim de ano a todas as famílias venezuelanas, encomendou o produto a Portugal e só se esqueceu de pagar a conta – deste ano e do ano passado. Os exportadores portugueses suspenderam a operação, e Maduro acusa o Governo português de sabotar o socialismo venezuelano por ordem, claro, dos Estados Unidos.
O curioso é que o Governo português, como o brasileiro, não exporta carne nenhuma: quem exporta são as empresas produtoras. E todas têm o vicio capitalista, neoliberal e pequeno burguês de exigir o pagamento.
COMENTE: carlos@brickmann.com.br
Twitter: @CarlosBrickmann

UM BRINDE AO TRABALHADOR

Devido ao final de Ano e à comemoração das festas específicas desta época muitas empresas, aqui no Brasil, aproveitam a oportunidade para conceder férias aos seus funcionários.
Mesmo com os problemas que o país enfrenta, algumas dessas empresas paralisam as suas atividades neste período. Dependendo da área de atuação e do produto e serviço oferecido, este é um momento muito interessante para esta paralização.
Já para os funcionários este é um momento importante para estar mais próximo da família e para aliviar as tensões provocadas por um ano todo de trabalho, principalmente em função do contexto das exigências cada vez maiores que o mercado impõe para as empresas, e, em consequência para seus profissionais.
A parada para o descanso, tem se tornado cada vez mais importante na vida do profissional moderno, independente da função que exerce.
Aliviar o estresse é fator essencial para que o trabalhador possa manter seu nível de atividade e de produtividade em níveis elevados, e essa época é muito propícia para isso. Especificamente em nosso País, este é um período de festas, de compras e dedicado ao convívio familiar.
As empresas organizam suas festas de confraternização em muitos casos para comemorar suas conquistas e também para, de alguma forma, agradecer a participação de todos ao longo do ano. Muitos de nós, portanto, estarão em férias num merecido descanso.
Estive refletindo sobre isso e me dei conta de um fato real – apesar de todo esse clima de festa, as “coisas” não param. Os aviões continuam a sobrevoar as cidades, a polícia estará nas ruas e a comida estará sendo servida nas mesas dos restaurantes.
Isso só será possível caro leitor, porque muitos profissionais estarão trabalhando durante esse período, inclusive alguns na passagem do Ano Novo.
São policiais, garçons, pilotos de aeronave, vigias; enfim profissionais de diversas áreas que estarão realizando seu trabalho da mesma forma que sempre o fizeram, alguns inclusive poderão ser mais exigidos, mas independente da data e da hora eles estarão lá – a postos.
Estes trabalhadores todos não estarão, como muitos de nós, no convívio da família, brindando a chegada de mais um ano, porém estarão realizando seu trabalho para que suas empresas e organizações possam continuar produzindo e entregando seus produtos e serviços ao mercado e principalmente para que nós possamos celebrar e aproveitar esse período.
O trabalho desses profissionais, nesta época, passa quase despercebido. É para esses profissionais que dedico este último espaço do Ano, uma homenagem para os trabalhadores anônimos, que fazem um início de ano cada vez melhor.
A todos vocês trabalhadores e profissionais dedicados, um final de ano de muita paz e muita saúde, com Deus em seus corações.
Um brinde ao trabalho, um brinde ao trabalhador!
Até…
Prof. Moacir Martins Junior Conferencista e Consultor empresarial. Autor do livro Labor e Divagações.
Envie suas sugestões de temas para o prof. Moacir. Para contatos e esclarecimentos: moa@prof-moacir.com.br Viste também: www.prof-moacir.com.br

Construção de muro das escolas Caic e Isolina entra na reta final 

Iniciada em novembro, a construção do muro ao redor das escolas Jardim das Palmeiras – Caic e Isolina Huppert Cassavia, no Jardim Brasília, avança rapidamente e está perto de ser finalizada. Os trabalhos que começaram no fundo das escolas na Avenida 14, passaram pela Avenida dos Costas e agora se concentram na Avenida 18 onde ficam as fachadas e os portões de entrada das unidades escolares. A parte de alvenaria está praticamente concluída faltando a instalação do alambrado na borda superior e os portões de acesso às escolas.
“O muro é uma reivindicação antiga da comunidade que espera pela melhoria há mais de 20 anos. Muitas promessas foram feitas e nenhuma cumprida, agora, felizmente, conseguimos atender esse pleito”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria. Segundo ele, o muro irá proporcionar maior segurança para alunos, professores e funcionários. “A cerca de alambrado que havia no local não oferecia a segurança necessária e o muro é uma barreira física mais segura que garante maior proteção e dificulta invasões às escolas”, destaca Juninho.
O muro tem 400 metros de extensão e mais de três de altura. A prefeitura está investindo R$ 224,7 mil na obra. Na terça-feira (26), o secretário da Educação, Adriano Moreira, visitou o canteiro de obras para verificar o andamento dos trabalhos, acompanhado da diretora do Departamento Administrativo da Secretaria da Educação, Mônica Christofoletti, e da engenheira Monique Neiva.CONSTRUÇÃO DE MURO DAS ESCOLAS (1)
“Nossa expectativa é que a obra seja concluída antes do início do ano letivo em 5 de fevereiro”, observa Moreira, ressaltando que com a finalização do muro tanto os professores, quanto os pais dos alunos, podem ficar mais tranquilos em relação a segurança das crianças no ambiente escolar.
Outra obra que terá início em breve é a reconstrução de parte do muro de arrimo da escola “Armando Grisi”, no Jardim Paulista II. O investimento da prefeitura é de R$ 120 mil. Também está em andamento o processo para reedificação do muro da Escola Luiz Martins Rodrigues Filho, no bairro Novo Wenzel. As duas unidades aguardam a obra há quase dez anos.

Daae trabalha para melhorar fornecimento de água no Jardim Floridiana

O Departamento Autônomo de Água e Esgoto (Daae) de Rio Claro está, desde quarta-feira (27), trabalhando no bairro Jardim Floridiana com equipamentos de geofonia para verificar eventuais vazamentos e/ou ligações clandestinas. O objetivo é solucionar problema de baixa pressão na rede de abastecimento nas Avenidas M-39 e M-41.
Para fazer esse trabalho foram abertos alguns pontos da rede para verificação de eventuais vazamentos. Por isso, poderá haver interrupção temporária no fornecimento de água nos locais citados.
O Daae orienta que os consumidores do bairro redobrem a atenção ao uso racional da água. De acordo com o Código Sanitário Estadual, as residências devem ter reservatório (caixa d’água), o que ajuda a evitar problemas em caso de interrupção temporária no fornecimento de água.
Mais informações podem ser obtidas na central de atendimento do Daae, pelo telefone 0800-505-5200.

Com devolução de mais R$ 1 mi pela Câmara prefeitura vai comprar duas vans para saúde

A prefeitura de Rio Claro já tem destinação para o montante de R$ 1.125.757,14 devolvido pela Câmara de Vereadores aos cofres públicos municipais. Duas vans serão adquiridas para o transporte de pacientes da rede municipal de Saúde, em investimento de aproximadamente R$ 350 mil. O restante será utilizado na folha de pagamento dos servidores municipais que será paga no próximo mês. A devolução foi oficializada ao prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, na quinta-feira (28) pelo presidente da Câmara, André Godoy.
“Esse dinheiro vem em boa hora, pois vai ajudar em nosso objetivo de renovar a frota dar mais conforto e segurança aos pacientes transportados pelo município”, comenta Juninho da Padaria, lembrando que em junho a Câmara antecipou a devolução de mais R$ 1 milhão, que também foi investido no setor de saúde. “Reitero os agradecimentos à Câmara, que mesmo com a crise e o aumento no número de vereadores, conseguiu economizar recursos para beneficiar a comunidade”, reforça Juninho.
“Mais uma vez o prefeito teve a sensibilidade e o bom senso de utilizar o dinheiro devolvido pela câmara para atender a população que precisa de atendimento público de saúde”, destaca o presidente da Câmara Municipal, André Godoy. “Esse modo de agir do prefeito, com ênfase às prioridades, é a mesma dos vereadores”, acrescenta.
De acordo com Juninho, a decisão de adquirir as vans foi tomada em conjunto com os vereadores, assim como os investimentos realizados no Espaço Mais Saúde a partir da devolução feita em junho pela Câmara. “É uma postura inédita no município, pois, mesmo não havendo necessidade de destinação específica para o dinheiro devolvido, houve amplo entendimento entre o Executivo e o Legislativo para investir parte desse dinheiro na Saúde”, comenta. Segundo Juninho, essa postura da Câmara abre possibilidade que futuramente outros setores do município também sejam beneficiados a partir da economia dos vereadores e diálogo com a prefeitura.
Para o secretário municipal de Saúde, Djair Francisco, as novas vans que serão adquiridas vão permitir melhor atendimento às pessoas que fazem tratamentos médicos em outras localidades. Cada uma das vans terá 16 lugares. “Hoje temos alguns veículos que, por não serem mais novos, têm a manutenção complicada e dão pouco conforto aos usuários”, explica. “As novas vans vão melhorar bastante as condições de atendimento”, complementa.
De acordo com o coordenador de Transportes da Secretaria de Saúde, Rodinaldo Godino, duas das peruas kombis que atualmente são utilizadas para transportar pacientes serão substituídas pelas novas vans. “Será um ganho enorme em conforto para os pacientes”, resume, informando que atualmente o setor municipal de saúde conta com seis veículos – três kombis e três vans – para o transporte de pacientes, além de ambulâncias.

Consumidores têm até 7 de janeiro para participar da Campanha de Natal do Shopping Rio Claro

Quem quiser participar do sorteio de um Nissan Kicks 0 Km na Campanha de Natal do Shopping Rio Claro ainda tem chances de começar o ano com esse carro na garagem, mas é preciso correr fazer suas compras, porque as notas fiscais das compras devem ser trocadas por cupons até 7 de janeiro. E as chances são em dobro para aqueles que fizeram as trocas por cupons de segunda a quinta, pois receberá o dobro de cupons para participar do sorteio, que acontece em 10 de janeiro.
“Ainda dá tempo para os clientes do Shopping Rio Claro concorrerem ao sorteio do Nissan Kicks, um dos carros preferidos pelos brasileiros em 2017, aproveitando a troca em dobro de notas fiscais por cupons de segunda a quinta-feira”, destaca Sibelly Paganotti, Analista de Marketing do centro de compras.
E participar da Campanha de Natal do Shopping Rio Claro é simples, basta fazer suas compras até 7 de janeiro e a cada R$ 150,00 em compras o cliente troca por um cupom. As notas fiscais são cumulativas e de 1º de dezembro a 7 de janeiro, as trocas de segunda a quinta dão direito ao dobro de cupons.CAMPANHA DE NATAL DO SHOPPING RIO CLARO -Nissan Kicks_Campanha de Natal (3) cópia

Sobre o prêmio da Campanha de Natal 2017
Lançado no Brasil em 2016, o Nissan Kicks ganhou a preferência dos brasileiros por oferecer uma boa relação entre equipamentos e preço. O Nissan Kicks é um crossoverversátil e também é um dos primeiros modelos da Nissan a aplicar o conceito de “Mobilidade Inteligente”, que reúne diversos recursos de engenharia, construção e tecnologia para transformar a maneira como os carros são conduzidos, impulsionados e integrados na sociedade. O Nissan Kicks traduz esses conceitos com muita inovação tecnológica e um projeto moderno, que conta com um conjunto de atributos-chave, como um motor moderno, transmissão X-TRONIC CVT de última geração, o menor peso da categoria e uma aerodinâmica eficiente.

Campanha de Natal 2017
Período: de 29 de outubro de 2017 a 7 de janeiro de 2018
Prêmio: Nissan Kicks 0 Km
Como participar: a cada R$ 150,00 em compras, a nota fiscal vale cupons válidos para o sorteio; em novembro, de segunda a quinta-feira os cupons valem o triplo, e às sextas, sábados, domingos e feriados, valem o dobro; de dezembro a janeiro de 2018, de segunda a quinta os cupons valem o dobro – o regulamento está disponível no sitewww.shoppingrioclaro.com.br
Sorteio: 10 de janeiro de 2018

POLÍCIA MILITAR PRENDE CRIMINOSO POR PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO

Durante patrulhamento no bairro do Estádio, os policiais foram informados pelo COPOM de uma ocorrência de agressão entre marido e mulher, ao chegarem ao local acalmaram as partes e durante a abordagem policial, visualizaram um veículo caminhão M.Benz modelo LS1935 de propriedade de uma das partes e ao realizar a busca veicular lograram êxito em localizar no interior do veículo 02 porta munições com 09 munições deflagradas marca CBC, 07 munições intactas todas calibre .38 e no interior do porta luvas um revolver marca Rossi com a numeração suprimida municiado com 06 munições intactas.

Polícia militar prende indivíduo por embriaguez ao volante

Equipe policial foi acionada pelo COPOM a comparecer na Rua 14 x Avenida da Saudade onde constataram um acidente de trânsito sem vítima e foram informados pelos condutores que o condutor/indiciado J.A.Z estava conduzindo seu veículo GM/Montana, de cor branca, de Rio Claro, pela Rua 14, quando em dado momento veio a colidir com um veículo e esse colidiu com outro e assim sucessivamente, totalizando dano em quatro veículos, além do condutor J.A.Z. Foi verificado que o condutor aparentava sinais de embriaguez, sendo convidado a fazer o exame do Etilômetro nº teste 03576, versão nº 348C, série 089354, apurando-se como resultado 1,15 mg de álcool por litro de ar alveolar. Diante dos fatos todos foram encaminhados e apresentados ao Plantão Policial, onde a Autoridade após tomar conhecimento da ocorrência ratificou a voz de prisão ao condutor