“Não compre nem solte fogos”: Rio Claro contra o barulho,em defesa dos animais

Se as festas de Natal e ano-novo são motivos de alegria para muitas pessoas, para cães e gatos essa época é sempre traumática. Muitos ainda acham que é exagero, mas basta dar uma olhada nas redes sociais (como por exemplo o Grupo Rio Claro, do Facebook) e lá estão diversos exemplos de incidentes que foram provocados neste Natal e em outras ocasiões, em função da soltura de fogos de artifício. E, com a chegada do réveillon, a situação tende a ficar ainda mais grave.
Isso porque o medo de fogos é uma fobia mais comum nos cães do que se imagina. Para eles, é realmente assustador o barulho alto e repentino , além do clarão que se forma no céu. Mesmo o cão mais confiante e equilibrado pode se assustar e reagir de maneira desesperadora, sofrendo riscos de todo tipo de ferimentos e até mesmo de morte.
Para J.S. o susto foi grande. Ela conta: “estávamos em um rancho na véspera do Natal e, por Deus, meu marido e eu resolvemos pegar a chave e ir à casa da minha mãe para ver como estava a She-ra (cachorra) e os pássaros”. Ela conta que, ao chegar na residência, se deparou com uma triste e assustadora situação. Desesperada com o barulho dos rojões, a cachorra tentou fugir quebrando uma porta de vidro. “No desespero ela perdeu dentes, se machucou e rasgou a boca”, diz a proprietária, alertando: “isso é para quem não pensa nos animais e solta esses malditos fogos que não trazem nada de bom. Apenas sofrimentos para nossos bichos de estimação. Nosso Natal foi a maior parte na clínica veterinária, mas graças a Deus ela está viva”.CUIDADO COM ANIMAIS E FOGOS1
A mesma sorte, no entanto, não teve a pit bul Mel. O barulho dos rojões que foram disparados na vizinhança na véspera de Natal provocou um colapso no animal, que acabou morrendo devido a uma parada cardio-respiratória.
Casos como esses levaram muitos rio-clarenses a realizar uma campanha através das redes sociais, apelando para que as pessoas evitem soltar fogos de artifício na virada do ano e, mais ainda, que troquem o rojão por um saco de ração, doando-o a uma ONG ou instituição voltada a cuidar de animais resgatados das ruas. “Não compre nem solte fogos: troque o rojão por um saco de ração” é o título da campanha que tenta sensibilizar as pessoas não apenas para o bem dos animais, como também em respeito a idosos, doentes e crianças, que também são prejudicados pelo barulho dos fogos.
Técnica para acalmar o animal – Para quem tem animal de estimação e já se preocupa com as conseqüências dos fogos, uma técnica pode ser usada para acalmar o cão. Ela consiste em atar o animal com uma faixa de pano para que a circulação sanguínea das regiões extremas do corpo sejam estimuladas, amenizando as tensões localizadas no dorso e diminuindo sua irritabilidade. O pano amarrado provoca a mesma sensação que o animal tem ao se sentir abraçado, deixando-o mais calmo. É importante tomar cuidado para não apertar a faixa e deixar o nó no dorso do animal. Se possível, coloque tufos de algodão em seus ouvidos, para abafar o barulho.
Outros cuidados importantes: não deixe o animal acorrentado; coloque-o num lugar onde se sinta seguro; feche portas e janelas; deixe as luzes acesas. retire do local objetos que possam ser quebrados ou derramados; mantenha-o com uma plaquinha de identificação; pois o pânico deixa o animal desorientado e ele tende a fugir e correr sem rumo.

Fundo Social e shopping presenteiam 250 crianças

O Fundo Social de Solidariedade de Rio Claro recebeu na quinta-feira (28) os presentes doados por meio do projeto Árvore Solidária, realizado em parceria com o shopping Rio Claro. As doações serão destinadas a 250 crianças atendidas pelo Fundo Social.
“Foi uma parceria muito feliz e temos certeza de que para as crianças será também uma felicidade receber os presentes, assim como para nós é muito bom poder proporcionar isso para elas”, ressaltou Paula Silveira Costa, presidente do Fundo Social.
Durante o mês de dezembro, cartões ficaram disponíveis na árvore de Natal do shopping, indicando sexo, idade e presente pretendido por crianças de quatro a 14 anos. Os consumidores abraçaram a campanha, retiraram os cartões e contribuíram com os presentes, doando roupas, calçados e brinquedos. Agora os itens passarão por triagem para que sejam separados de acordo com idade e sexo das crianças e depois serão embrulhados e entregues aos pequenos.FUNDO SOCIAL E SHOPPING (2)
“Nosso objetivo foi alcançado e o resultado nos deixa satisfeitos e felizes pela importância desta ação solidária”, destacou Sibelly Paganotti, analista de marketing do shopping, acrescentando que “a credibilidade do Fundo Social nos estimula a firmar outras parcerias”.

Prefeitura investe R$ 54 mil para reforçar segurança de duas escolas

A prefeitura de Rio Claro continua investindo em ações para reforçar a segurança nas escolas municipais. Duas unidades de ensino vão receber grades de proteção. A Escola Municipal Benjamin Ferreira, localizada no bairro Cidade Nova, será uma das beneficiadas com os serviços. “Vamos investir R$ 27 mil na instalação de grades de ferro nas portas e janelas visando oferecer maior segurança aos alunos, professores e funcionários”, informa o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria. O contrato com a empresa que irá realizar os trabalhos foi assinado na terça-feira (26).
“A proteção extra tem como objetivo dificultar invasões como foi registrado recentemente na unidade de ensino”, comenta o secretário da Educação, Adriano Moreira. A escola solicitou à Secretaria da Educação que fossem tomadas medidas para reforçar a segurança. “As portas terão trancas mais resistentes e as janelas de vidro ganharão grades de proteção”, esclarece Marlene Magalhães, diretora da escola.
Outro estabelecimento de ensino que terá a segurança reforçada é a Escola Municipal Sebastião Ambrosio, instalada no Complexo Educacional do Jardim Novo 1. A prefeitura vai investir R$ 27 mil na colocação de grades de proteção na parte superior do prédio. “Isso vai melhorar a segurança e dar mais tranqüilidade para o desenvolvimento de nosso trabalho”, comenta a diretora Luciana Cristina Colombo de Almeida.
As escolas Jardim das Palmeiras – Caic e Isolina Huppert Cassavia, no Jardim Brasília, também estão recebendo reforço na segurança. A prefeitura está construindo muro no entorno das duas unidades de ensino, após mais de 20 anos de espera da comunidade. As obras iniciadas no mês passado seguem em ritmo acelerado. O muro terá 400 metros de extensão e mais de três de altura, sendo 2,60 metros de alvenaria mais proteção de alambrado na parte superior. O investimento é de R$ 224,7 mil.

Gestão documental vai adequar acervo do Arquivo aos padrões estadual e nacional

O Arquivo Público e Histórico do Município de Rio Claro está tomando medidas para melhorar o arquivamento de documentos e dar mais agilidade no acesso às informações, além de simplificar e racionalizar procedimentos. “Estamos implantando um programa de gestão documental que vai permitir maior produtividade no trabalho desenvolvido pelo Arquivo e favorecer o planejamento, controle e transparência nas atividades de documentação de atos públicos municipais”, explica a superintendente do Arquivo Histórico, Monica Frandi Ferreira.
Entre as ações desenvolvidas está a elaboração de plano de classificação e tabelas de temporalidade que vão normatizar quais documentos, e quando, devem ser descartados. Isso é necessário, pois existem muitos documentos que, após o período de validade, expiram e não têm função histórica, não servem para consulta e ficam acumulados ocupando espaço e dificultando a organização do arquivo. Outros documentos, por outro lado, precisam ser mantidos por seu valor histórico, de consulta ou por questão da transparência. A gestão documental tem como uma de suas funções estabelecer critérios claros para essa triagem.
A política de gestão documental que está sendo implantada em Rio Claro é amparada por dispositivos legais que definem padrões seguros para a gestão e o acesso aos documentos produzidos e acumulados pela administração municipal. No mês passado, representantes do Arquivo Público do Estado de São Paulo (Apesp) visitaram o arquivo municipal para prestar orientações técnicas e levantar subsídios para um diagnóstico da autarquia. Além das orientações da Apesp, o trabalho de organização do acervo segue as normas do Conselho Nacional de Arquivos.
Vários setores da administração pública municipal estão envolvidos no minucioso trabalho de pesquisa e análise da produção documental para a identificação, classificação, avaliação e destinação corretas da extensa e variada produção de documentos pelos órgãos municipais.
Com 38 anos de atividade, o Arquivo Público Histórico “Oscar de Arruda Penteado” tem amplo acervo disponível para consultas e pesquisas, e está instalado no Núcleo Administrativo Municipal (NAM, Rua Dr. Eloy Chaves, 3256, Alto de Santana). O telefone é 3522-1948.GESTÃO DOCUMENTAL VAI ADEQUAR ACERVO DO (3) GESTÃO DOCUMENTAL VAI ADEQUAR ACERVO DO (1)

Detran.SP explica como transportar corretamente bicicletas e pranchas no veículo

As férias chegaram e o Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) preparou algumas dicas para quem vai viajar com a família ou amigos e quer transportar a bicicleta ou prancha de surfe no veículo.

Abaixo, alguns cuidados gerais ao acoplar cargas externas. Quando se trata de prender volumes ao veículo, é essencial que o motorista realize a fixação do bagageiro e da carga (e da distribuição desta no bagageiro) conforme recomendado pelo fabricante do bagageiro. Isso evita que a visibilidade e estabilidade de condução fiquem comprometidas. Outro ponto é que a carga não deve provocar ruído ou poeira; bem como não deve ocultar luzes; exceder a largura ou outras dimensões, tão pouco a capacidade de tração do veículo.

Bicicletas – As bicicletas podem ser transportadas em bagageiros traseiros ou de teto. Se a opção for pelo bagageiro traseiro, você deve ter certeza que a bike está bem afixada para não se soltar. Ela não deve exceder a largura máxima nem tampar as luzes do veículo. Neste caso, a única que pode ficar parcialmente encoberta é a terceira luz do freio.

Também preste atenção para não deixar a bicicleta obstruindo (ainda que parcialmente) a placa traseira; se isto ocorrer, você deve providenciar uma segunda placa devidamente lacrada por autoridade de trânsito.

Outra forma de transportar uma bicicleta é no teto, podendo ficar em pé, desde que fixada no trilho. Se esta for a opção, você deve redobrar o cuidado ao entrar em locais com altura limitada, como estacionamentos cobertos ou subterrâneo, túneis, etc.

Pranchas de surfe – No caso da prancha de surfe, o transporte é permitido na parte superior externa da carroceria, presa a racks fixos, não podendo ultrapassar os limites frontais e laterais do veículo e tampouco impedir a visibilidade do motorista.  Isso vale para todos os tipos de prancha, inclusive longboard e stand up paddle. É proibida a fixação da prancha apenas com a “fita rack”, sem o rack fixo (bagageiro) devidamente instalado no teto do veículo.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), é permitido o transporte de cargas acondicionadas em bagageiros ou presas a suportes apropriados devidamente afixados na parte superior externa da carroceria, desde que a altura do bagageiro mais a da carga, a partir do teto, não seja superior a 50 cm. Além disso, a carga não deve ultrapassar o comprimento do veículo. Uma exceção a esta regra é para carga indivisível, como uma prancha de surfe, que pode ultrapassar até um limite o comprimento do veículo, mas que deve estar bem visível e sinalizada, incluindo luz e refletor vermelho, caso seja transportada no período noturno.

PENALIDADES  – As multas variam de acordo com a infração praticada. Conduzir veículo com equipamento ou acessório proibido (art. 230, inciso XII), como colocar um engate de reboque irregular, é infração grave, com multa de R$ 195,23, cinco pontos na habilitação e retenção do veículo. Já transitar com dimensões de carga superiores aos limites estabelecidos (artigo 231, inciso IV) resulta em multa de R$ 195,23, cinco pontos e retenção do veículo. Transitar com excesso de peso (também artigo 231, inciso V) gera multa de R$ 130,16 acrescida de um valor em função do excesso de peso, quatro pontos no prontuário do condutor, além da retenção do veículo e transbordo da carga excedente.

O artigo 231 do CTB no inciso II ainda prevê que, se a carga se soltar (bicicleta ou prancha) e for lançada ou arrastada, é infração gravíssima, com multa de R$ 293,47, mais sete pontos na CNH e retenção do veículo para regularização.

Traficantes de drogas são presos em Rio Claro

Durante patrulhamento no bairro Jardim Cervezão, os policiais da equipe da viatura I-37019, avistaram três pessoas em atitude suspeita e após realizar os procedimentos de busca, obtiveram sucesso em localizar 139 (cento e trinta e nove) eppendorfs de cocaína, 66 (sessenta e seis) porções de maconha e R$ 40,00 (quarenta reais) em dinheiro.

Coluna Edmar Ferreira

A venda do zagueiro Yerry Mina para o Barcelona depois da Copa do Mundo da Rússia está no orçamento do Palmeiras para 2018. Segundo o site Uol, em previsão entregue ao Conselho de Orientação Fiscal, a diretoria incluiu R$ 27 milhões da possível saída do colombiano em julho. Por outro lado, o time espanhol não garante o negócio.
Raí, novo diretor de futebol do São Paulo, está formando uma comissão técnica fixa, que vai contar com ex-jogadores com passagem pelo clube. A primeira contratação foi do ex-zagueiro Ricardo Rocha, que deixou o cargo de comentarista do SporTV. Ambos foram companheiros na Copa do Mundo de 1994, nos EUA. Rocha foi bicampeão paulista (1989 e 1991) e campeão brasileiro (1991) pelo São Paulo.
Boca Juniors apresentou o lateral-direito Julio Buffarini, que estava no São Paulo. O jogador, que ficou no Brasil um ano e meio e teve pouco destaque, retornou ao seu país para tentar recuperar o sucesso que teve no San Lorenzo, onde conquistou a Taça Libertadores em 2014. Porém o mural com o rosto do jogador em Almagro foi pichado por torcedores do time do Papa, que o chamaram de traidor.
Zeca é o novo reforço do Flamengo. O lateral viajará para o Rio de Janeiro para passar por exames médicos e assinar contrato. Segundo o Lance!, o jogador confirmou o acerto em amistoso em Paranavaí, sua cidade natal. O Corinthians também estava de olho no lateral para o lugar de Guilherme Arana, que foi para o Sevilla.
Vale lembrar que Zeca está travando uma batalha judicial com o Santos. Nesta semana a Justiça do Trabalho negou o recurso do Peixe para derrubar o habeas corpus que liberou o jogador de vínculo com o clube. Zeca estaria liberado para assinar com o Flamengo, mas o Santos não desistiu de buscar novas formas para tentar cassar esta liminar.
Santos acertou ontem o pagamento da segunda parcela do 13º salário aos funcionários, jogadores e da comissão técnica. Era uma das prioridades da nova diretoria, agora comandada por José Carlos Peres. Sem dinheiro em caixa, o novo presidente recorreu a um empréstimo bancário.
O acerto com o Botafogo/RJ para, enfim, oficializar o técnico Jair Ventura agora passa ser prioridade no Santos. O Peixe precisa pagar a multa de R$ 800 mil ao Fogão. Os santistas chegaram a oferecer alguns atletas por empréstimo, mas a diretoria do time carioca quer o valor integral para liberar o comandante, que está apalavrado com o time da baixada.
Milhares de torcedores do Fenerbahçe invadiram uma rede social do meia Jean Motta, do Santos. Foram mais de cinco mil comentários com a mensagem: “Venha para o Fenerbahçe”. O santista estampou a capa do jornal “Foto Maç”. O time turco mira o reforço para janeiro, quando a janela de transferências europeia será aberta.
Danilo Avelar, ex-lateral do Rio Claro, pode ser confirmado como novo reforço do Corinthians. O jogador, que estava há oito anos no futebol europeu, entrou primeiramente na mira do Palmeiras. Com a chegada de Diogo Barbosa, a negociação melou. Sendo assim, o Corinthians entrou no páreo, uma vez que perdeu Guilherme Arana para o Sevilla.
Pouco mais de 47 mil torcedores compareceram ao Maracanã para prestigiar a 14ª edição do Jogo das Estrelas, organizado por Zico. O mais aplaudido foi o centroavante Adriano Imperador, que tenta voltar a jogar profissionalmente. O atacante entrou no primeiro tempo e marcou um gol. O placar do duelo foi 7 a 4 para o time Vermelho, comandado por Zico.
Nos outros oito gols da partida, destaque para Romário, autor de dois para o time Vermelho. Leandrão e Bruno Silva também marcaram para a equipe de Zico. No lado branco, os gols foram anotados por Marinho, Alex, Alcindo e Donizete. O Galinho atuou 89 minutos e mostrou a categoria de sempre.
Por outro lado, quem se deu mal no amistoso foi Léo Moura. O ex-lateral do Flamengo foi vaiado sempre que tocava na bola. A torcida do Mengão não perdoa as declarações do jogador, que cutucou o time carioca após conquistar a Taça Libertadores da América pelo Grêmio.
No fim do primeiro tempo do Jogo das Estrelas, os jogadores campeões da Copa União de 1987 pelo Flamengo foram homenageados. Eles foram ao gramado com uma réplica da taça e fizeram a festa dos rubro-negros.
Fluminense divulgou ontem sua lista de dispensa com dois nomes que causaram impacto: o goleiro Diego Cavalieri e o zagueiro Henrique. O becão ainda pode acertar com o Corinthians. Os outros jogadores que receberam o chamado “bilhete azul” foram: Wellington Silva, Marquinho, Artur, Robert, Higor Leite e Maranhão.
Medina, destaque do Rio Claro FC na última temporada, é o novo reforço da Inter de Limeira. O atacante conhece demais a Série A-2 e sempre foi artilheiro nos clubes que passou. Nas redes sociais, os torcedores do Azulão lamentaram demais a saída do goleador do Schmidtão. Medina esteve recentemente no Limeirão na companhia do meia Moisés, seu parceiro de Rio Claro.
A Justiça proibiu o uso de spray de marcação nas partidas de futebol organizadas pela Fifa e suas confederações ou associações filiadas. O produto é usado para marcar a distância da barreira em cobranças de falta. Segundo a ESPN, A ação foi ajuizada pela empresa Spuni Comércio de Produtos Esportivos e Marketing Ltda. Ela acusa a entidade de desobedecer as leis de proteção da propriedade intelectual. Ainda cabe recurso.
Curiosidade do dia: Um ex-jogador do Santos da década de 70 ao falar de sua renovação de contrato: “assinar eu ainda não assinei, mas já foi tudo acertado bocalmente”.

Política e Amor, difícil convivência

Por Eduardo Sócrates Bergamaschi

Em muitas definições, a palavra “política” está relacionada com cidadania. E cidadania, para mim, nada mais é do que o amor que uma pessoa sente por uma cidade e pelo seu povo.
Porém, quando relacionamos política com Amor vemos que a distância entre um e outro é muito grande. Pelo menos “nisso” que nos apresentam hoje como se fosse política e que para nós não é nada mais nada menos do que uma politicalha (política de canalha).
Se os nossos homens públicos praticassem verdadeiramente a política, não teríamos necessidade de Operação Lava Jato e do surgimento de um juiz com o espírito de cumprimento apenas da lei, para vermos os ladrões serem, pelo menos, acusados, já que condenação depende de ministros do Supremo Tribunal Federal, que não são tão confiáveis assim.
Na politicalha, que hoje somos vítimas, não há espaço para o idealismo, pois o corporativismo é o que move esse meio, e corporativismo entre os três poderes, Executivo, Legislativo e até o Judiciário. Basta ver as última decisões da corte de justiça brasileira. O Ministro Gilmar Mendes tem feito de tudo para parar a Lava Jato, tão defendida pela população brasileira.
Em seu primeiro dia de seu plantão durante o recesso do Judiciário, o ministro soltou Anthony Garotinho, acusado de receber R$ 3 milhões de propina da JBS e que estava preso há um mês.
Em seguida, Gilmar Mendes garantiu a mais oito políticos e empresários, acusados ou suspeitos de corrupção, boas festas ao liberá-los da cadeia.
Ex primeira dama do Rio de Janeiro, Adriana Ancelmo, foi condenada a 18 anos de prisão por lavagem de dinheiro e por te desfrutado de jóias, viagens e diversos luxos do esquema de corrupção comandado pelo seu marido, o ex-governador Sergio Cabral.
E não é que Gilmar Mendes resolveu dar a ela o direito de cumprir a pena em prisão domiciliar. Então, a moça trocou a Prisão de Benfica, em que estava cumprindo a pena desde 23/11/2017 pelo confortável apartamento no Leblon. O Ministro aceitou os argumentos de que ela precisaria cuidar do filho de 12 anos. E as outras mães presas por esse Brasil afora Ministro? Vamos soltá-las todas?
Então, quando se vê, os três poderes juntinhos, com ações totalmente corporativistas, difícil acreditar que haja um mínimo de preocupação com a população de um modo geral. População aquela que morre nas filas de hospitais públicos por falta de dinheiro nos hospitais, dinheiro esse que está nas mãos de bandidos corruptos que usam o dinheiro público para se locupletarem.
A culpa total é do atual sistema que dá aos políticos o direito de elegerem quem bem entendem como Ministro do Supremo.
Ou seja, nós enquanto eleitores, estamos colocando as raposas para tomarem conta do galinheiro.
O grande absurdo hoje é que advogados/políticos travestidos de Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) tem mais força do que juízes de carreira.
Se nós tínhamos um pesadelo antes com um legislativo corrupto, hoje o pesadelo está maior ainda com um Judiciário com infiltrações de Ministros totalmente manipuláveis.
E assim caminha a mediocridade…

FAÇAMOS MELHOR EM 2018

Por Geraldo J. Costa Jr.
28/12/2017
Porque não temos fé em nós o suficiente, por vezes, vemos o pior e o perigo onde eles não existem. E quando temos, vemos oportunidade na dificuldade.
Ao início de um novo ano, é certo que seremos as mesmas pessoas, as coisas estarão do mesmo jeito e no mesmo lugar. Decepção? Nenhuma. Isso não deve ser motivo para descrença nem desânimo de nossa parte.

Reprodução
Se o desejo é de mudança, a mudança interior, aquela que realmente importa, não há calendário que determine o tempo certo para iniciá-la. Todo dia é dia, toda hora é hora, como diz a canção.
Nós somos seres inteligentes e sensíveis, em evolução, material e espiritual. E para que essa evolução seja rápida, que ela atinge os seus melhores objetivos, depende de nossa iniciativa e esforço.
Recomeçar não é admitir o fracasso obtido, mas demonstrar a fé na vida, nas possibilidades, inúmeras, que ela nos apresenta, a cada instante.
O passado serve apenas como experiência. Quem vive com os olhos no passado, não encontra o caminho a seguir, desperdiça as oportunidades do presente e não constrói o futuro.
Não são roupas, amuletos, mandingas, promessas que mudarão nossas vidas, que trarão soluções para os nossos problemas, somos nós mesmos, quando nos dispusermos a isso e começarmos a lutar.
A disposição para o trabalho de renovação interior para melhor é o primeiro passo para a mudança. E ninguém pode fazer isso por nós senão nós mesmos. Buscando nos conhecermos mais intimamente, identificaremos as deficiências que precisam ser eliminadas, porque são elas que atrasam nosso progresso nas duas frentes em que eles se dão a moral e a intelectual. Possibilita também identificarmos as nossas qualidades que podem e devem ser aprimoradas, sempre.
Mudar para melhor está ao alcance de todos. A frustração advém de quando não aceitamos os limites que a natureza nos impõe. Pode ser que esses limites sejam o modo prudente de a vida nos resguardar de dificuldades maiores e acima de nossas forças. Superar limites, entretanto, é possível e é bom quando não traz prejuízo nem a nós e nem a nosso semelhante. É ruim, quando provoca exatamente o contrário. “Tudo posso, mas nem tudo me convém”, disse um dos homens que mais se esforçou, segundo se tem notícia, para superar as suas más inclinações.
A renovação íntima de cada um de nós, obtida com prudência, sabedoria, na exata medida das nossas forças e com trabalho edificante, contribui para o nosso progresso moral e intelectual como pessoa humana e evita a desarmonia, o conflito de interesses entre nós, o inconformismo, a não aceitação das condições em que a vida se nos apresenta, e, por conseguinte, a revolta, que é o estopim de toda a violência presente na humanidade.
Não esperemos 2018 para fazermos melhor do que temos feito até aqui. Comecemos agora, sem olhar para trás, seguindo em frente, olhando adiante. O destino não conhece o ontem, e cada momento da vida representa uma oportunidade para nós.
O colaborador é escritor
Jcostajr2009@gmail.com