Buscando ar…

157

Por Eduardo Sócrates Bergamaschi

Depois do massacre moral sofrido, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, continua a sua peregrinação pelo Brasil em busca de ar.
Tido como carta fora do baralho por alguns que acreditam em sua prisão para bem breve, o ex-presidente parece não acreditar nisso e trabalha arduamente em sua campanha para a presidência, novamente.
A próxima viagem tem como destino a cidade do Rio de Janeiro, de Antony Garotinho e Sergio Cabral.
Dirigentes do partido da estrela, em conversas reservadas, mostram temor em que façam a lembrança de que o Partido dos Trabalhadores participou ativamente das gestões dos ex-governadores e de Luiz Fernando Pezão. Existe até um seguimento do partido que acha que Lula deveria abortar essa viagem onde visitaria as obras do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), um dos principais focos de corrupção na Petrobras investigados pela Operação Lava Jato.
O PT participou ativamente dos governos dos três, Garotinho, Cabral e Pezão e o estado vive uma crise financeira e administrativa sem precedentes na história do Estado e fatalmente os inimigos irão atrelar o partido à essa crise.
Mas, segundo parte do partido não há chance para cancelamento da viagem. Dizem que vão mostrar que à época do governo Lula e Dilma o estado viveu tempos áureos, tentando assim, mais uma vez, alegar que não têm nada a ver com a crise atual.
Assim, o ex-presidente vai tentando apagar de nossas mentes, todo o seu envolvimento em ações judiciais, condenações em primeira instância, caos em que deixou o país com sua política de caridade…
Bem, a mim não convencerá jamais. E a vocês…

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA