Atividades no Mãe Preta marcaram Dia da Cultura em RC

Rio Claro comemorou no domingo, com a mobilização cultural “Cultura Já”, o Dia Nacional da Cultura, celebrado em 5 de novembro. Manifestações artísticas de diferentes gêneros foram realizadas no Centro de Artes e Esportes Unificado (CEU), levando ao público a diversidade cultural existente na cidade.
“A proposta uniu diversas linguagens artísticas, mostrando a riqueza, a pluralidade e a potência da arte e cultura locais”, destacou Daniela Ferraz, secretária da Cultura, acrescentando que, além de uma ferramenta de expressão, a arte e a cultura são agentes de transformação para uma sociedade mais tolerante, acolhedora e consciente.
O “Cultura Já” foi pensado e construído com artistas da cidade em quatro reuniões abertas que definiram o cronograma e intenções dos grupos e fazedores de cultura. Capoeira, apresentações circenses, música instrumental, MPB e rap, danças e performances foram levadas ao público com a participação da Liga de Capoeira, Cia Passarinhar, Banda União dos Artistas Ferroviários, Paulinho do Carmo, Sentimento Real e grupos K. P. Wide e ManxS. Houve ainda declamação de poesias autorais. Os vereadores Geraldo Voluntário e Carol Gomes também estiveram presentes.
“Agradecemos todas as pessoas e grupos que contribuíram para a beleza e força deste evento”, afirmou Daniela.
A programação deste mês de novembro tem ainda muitas outras atrações culturais gratuitas. Nesta semana a Cia Éxciton encena espetáculo de dança na quarta-feira (8) a partir das 21 horas, no Centro Cultural. Também no dia 8 a Exposição 5º Prêmio Nacional Aspacer de Design poderá ser conferida no Centro Cultural a partir das 19 horas. A Mostra de Artes “Novos Olhares” será aberta pelo Arquivo Público de Rio Claro no dia 10, a partir das 20h30, no Casarão da Cultura.ATIVIDADES NO MÃE PRETA MARACRAM DIA DA CULTURA EM RC (3) ATIVIDADES NO MÃE PRETA MARACRAM DIA DA CULTURA EM RC (2) ATIVIDADES NO MÃE PRETA MARACRAM DIA DA CULTURA EM RC (1)

Rio Claro busca reforço médico via governo federal às novas unidades básicas de saúde

Obras abandonadas pela gestão anterior, referentes às novas Unidades Básicas de Saúde, seis ao todo, foram retomadas pelo atual governo nos bairros Bela Vista, Mãe Preta, Jardim Progresso, Jardim Brasília I, Santa Elisa e São Miguel.
Atento às necessidades, no que diz respeito a profissionais, para o funcionamento regular das novas unidades Rio Claro busca apoio do governo federal via Ministério da Saúde para que através do Programa Mais Médicos o quadro de funcionários possa ser aumentado.
O vice-presidente da Câmara de Rio Claro Julinho Lopes e o secretário municipal de Esporte e Turismo (Setur) Ronald Penteado estiveram em Brasília no último dia 25 de outubro onde cumpriram agenda da área da saúde agendada pelo deputado federal Guilherme Mussi (PP).RIO CLARO BUSCA REFORÇO MÉDICO VIA GOVERNO (2)
Após conversa inicial com o ministro da Saúde Ricardo Barros a comitiva de Rio Claro esteve com o secretário geral do ministério, Rogério Abdalla responsável pela gestão do Programa Mais Médicos. “A administração municipal realiza esforço financeiro para terminar seis Unidades Básicas de Saúde que foram abandonadas pelo governo anterior. As obras avançam mas para o funcionamento das mesmas solicitamos o envio de profissionais”, disse Julinho Lopes ao oficializar o pedido para a ampliação do Programa Mais Médicos no município.
De posse do material entregue pelo parlamentar, o secretário Abdalla observa que a solicitação procede. “Vamos incluir o pedido de Rio Claro na agenda de trabalho da nossa equipe técnica. Sabemos do desafio que é colocar seis novas unidades de saúde para funcionar”, afirmou.
Rogério Abdalla sinalizou, na oportunidade, para que Rio Claro tomasse as providências necessárias ao credenciamento do programa Telessaúde Brasil Redes. Segundo ele, através desta ação, profissionais que atuam na cidade podem solicitar suporte do Núcleo Técnico e Científico, via consulta, e desta forma receber respostas de especialistas nas mais diversas áreas antes de fechar o diagnóstico dos pacientes.  “Este programa tem obtido resultados  positivos e atraindo cada vez mais municípios pelo país”, disse o secretário geral.
Para Julinho Lopes, a troca de experiência e o suporte técnico oferecido pelo Telesaúde são fundamentais para o sucesso dos procedimentos médicos. “Estaremos solicitando à Prefeitura de Rio Claro, através da Fundação Municipal de Saúde, que tome as devidas providências para o credenciamento”, afirmou o parlamentar.
No encerramento da reunião, o secretário Ronald Penteado reivindicou apoio do governo federal para que Rio Claro também possa ser credenciada no Programa Academia da Saúde. “São espaços públicos que passam a ser utilizados como pólos dotados de infraestrutura e profissionais responsáveis pela orientação”, enfatizou o secretário ao receber sinalização positiva.

Dança é atração na quarta-feira no Centro Cultural

O Centro Cultural “Roberto Palmari” recebe na quarta-feira (8) espetáculo de dança [insira o seu título aqui], apresentado pela Companhia Éxciton. A atividade tem entrada gratuita e está marcada para as 21 horas.
O espetáculo artístico traz uma temática bastante contemporânea que pretende mexer com o espectador, abordando o tema liberdade na sociedade atual e sua influência sobre as ações de cada um.
A Companhia Éxciton é um projeto de extensão da Unesp Rio Claro e busca a extensão universitária de forma concreta, inclusive por meio de aulas abertas oferecidas ao longo do ano, com diversas modalidades de dança, arte e expressão. O projeto existe desde 1994 e dentre os integrantes estão universitários e membros da comunidade rio-clarense.
A programação cultural na quarta-feira (8) inclui ainda a Exposição 5º Prêmio Nacional Aspacer de Design, que poderá ser conferida no Centro Cultural a partir das 19 horas.

Papai Noel no Shopping Rio Claro

A chegada do Papai Noel no Shopping Rio Claro já é uma tradição no calendário do fim de ano de Rio Claro e região, e novamente o bom velhinho foi recepcionado por muitas crianças e seus familiares no último domingo, 29 de outubro, quando também aproveitaram as diversas atrações programadas, como a Banda de Natal, artistas circenses, pintura facial, brinquedos infláveis, adaptação da peça teatral A Bela e a Fera, encenada pela Cia Mas Por Quê?, assim como houve apresentação da Banda Municipal de Ipeúna e da cantora lírica Bianca Rúbio, na Praça de Alimentação. Sem dúvida alguma, foi um dia muito especial para todos que estiveram no centro de compras.
Após desembarcar do trenzinho que o levou ao Shopping acompanhado por filhos de funcionários, Papai Noel circulou pelos corredores do empreendimento em direção ao seu trono, onde ele fica até 24 de dezembro recebendo as crianças e fazendo selfies. Aliás, o trono do Papai Noel está instalado na Praça de Eventos, ao lado da Vila dos Smurfs, um local muito legal em que as crianças podem brincar e se divertir.
“Apesar de o domingo ter amanhecido com fortes chuvas, tivemos um grande fluxo de pessoas, e as crianças aproveitaram os brinquedos e assistiram à peça A Bela e a Fera, assim como acompanharam o Papai Noel até seu trono com tranquilidade. Realmente, o dia foi muito mágico! O espírito do Natal já está no Shopping Rio Claro, e estamos preparando muitas atrações para deixar esse período que antecede o Natal ainda mais bonito”, destaca Everton Rondini, Gerente Geral do Shopping Rio Claro.
O Papai Noel receberá as crianças todos os dias na Praça de Eventos, até 24 de dezembro, onde está montado o seu trono, de segunda a sábado, das 14h às 22h e aos domingos e feriados das 13h às 19h.

Campanha de Natal 2017
O Shopping Rio Claro não para de surpreender seus clientes em suas campanhas temáticas, e para o Natal 2017 não será diferente: quem fizer suas compras de 29 de outubro a 7 de janeiro de 2018, concorrerá ao sorteio de um Nissan Kicks 0 Km! O sorteio acontecerá no dia 10 de janeiro.
Para participar é simples: basta fazer suas compras até 7 de janeiro e a cada R$ 150,00 em compras o cliente troca por um cupom. As notas são cumulativas, e as chances de levar o carro Nissan Kicks, eleito pela revista QuatroRodas como a melhor compra na categoria SUV até R$ 100 mil, são maiores já em novembro, quando as notas fiscais valem o triplo de cupons de segunda a quinta-feira, e nas sextas, sábados, domingos e feriados as notas fiscais valem o dobro de cupons. De 1º de dezembro a 7 de janeiro, as trocas de segunda a quinta dão direito ao dobro de cupons.

Campanha de Natal
Período: de 29 de outubro de 2017 a 7 de janeiro de 2018
Prêmio: Nissan Kicks 0 Km
Como participar: a cada R$ 150,00 em compras, a nota fiscal vale cupons válidos para o sorteio; em novembro, de segunda a quinta-feira os cupons valem o triplo, e às sextas, sábados, domingos e feriados, valem o dobro; de dezembro a janeiro de 2018, de segunda a quinta os cupons valem o dobro – o regulamento está disponível no sitewww.shoppingrioclaro.com.br
Sorteio: 10 de janeiro de 2018

Alunos e professores montam exposição com recicláveis

A Escola Municipal Sebastião Ambrósio, localizada no Complexo Educacional do Jardim Novo, em Rio Claro, está com exposição aberta aos pais de alunos e público em geral. Os trabalhos feitos pelos professores com participação dos alunos das classes maternais foram produzidos com materiais recicláveis, como garrafas pet e papel, e ganharam um colorido especial.
“São animais definidos pelas próprias crianças, como jacaré, macaco, cachorro, baleia e vaca”, informa a vice-diretora Cássia Queiroz de Castro. Parte da inspiração veio da visita que fizeram à floresta estadual, onde observaram plantas, aves e animais. “As crianças ficaram maravilhadas em ver o jacaré no lago”, conta Cássia.

Unesp comemora com atrações a Semana Nacional do Livro e da Biblioteca

As atividades ocorrem na Biblioteca da universidade. Durante a semana haverá arrecadação de alimentos para o Asilo São Vicente, Exposição Literatura Fantástica e presença da Livraria Unesp Móvel. Evento gratuito e aberto à comunidade.
A abertura do evento ocorre na segunda-feira (06), com Integrantes da Orquestra Intermunicipal de Violões sob a regência de Welson Nadai, às 19h, no Anfiteatro da Biblioteca seguida de homenagem às servidoras aposentadas às 19h30, no mesmo local. No segundo dia (07), a palestra “Busca em Base de Dados” ministrada por Angela Ferraz ocorre das 10h às 12h, logo mais a palestra “Etapas Essenciais da Revisão de Literatura” com a Msc. Luciene Meire Ribeiro, às 14h, ambas no Anfiteatro da Biblioteca e finaliza com a Cantoria Literária II como atração musical apresentada pelos estudantes Ana Carolina Ferreira, Livia Teco, Natanael de Paula e Stephanie Marucci, às 17h, na varanda da Biblioteca; no terceiro dia (08), haverá a palestra “Recursos da poesia” com a poeta Cecília Figueiredo, às 19h, no Anfiteatro da Biblioteca. No penúltimo dia (09), ocorre a palestra “Normas ABNT para Trabalhos Acadêmicos” ministrada por Angela Ferraz, das 14h às 16h, no Anfiteatro de Biblioteca e termina as atividades na sexta-feira (10) com apresentação do grupo musical AcordeSom – Consonância Escola de Música, às 13h,na Biblioteca.
Para mais informações, 019 3526 4134 e acesso: rc.unesp.br/biblioteca. (texto Emely Gomes)

Black Friday: saiba como aproveitar as oportunidades de ofertas do período sem tropeços

De acordo com pesquisa realizada pela Ebit, 81% dos entrevistados pretendem realizar compras na data, no entanto, 38% ainda são céticos quanto às ofertas.
Luiz Pavão, CRO da Infracommerce, empresa líder em Full Service para e-commerce na América Latina, dá algumas dicas que podem ajudar o consumidor a garantir bons preços e evitar cair em fraudes.

1) SEGURANÇA
O grande volume de compras online nesse período é um prato cheio para fraudadores. Por isso, para garantir uma compra segura, o primeiro passo é checar se o site em que você está navegando é um ambiente seguro.
Quando acessar a loja online, verifique se antes do “www” tem o protocolo “https”. Esse “s” significa que o ambiente possui certificado de segurança e atesta que os dados do cliente são protegidos por criptografia. Isso evita que os dados do cliente sejam roubados ou que o cartão de crédito seja clonado, por exemplo.
Além disso, muitas tentativas de fraude chegam através de e-mails falsos com links que se assemelham aos sites verdadeiros e que imitam até mesmo a interface.
É importante se atentar ao caminho que o levou até o e-commerce e, quando buscar o nome da loja no Google, clicar em links patrocinados, os primeiros que aparecem na busca, pois são pagos pela empresa para estar no topo, portanto, oficiais.
Também é importante tomar cuidado com links divulgados pelo Whatsapp ou Facebook e prestar muita atenção antes de clicar em qualquer link de promoção.

2) PREÇOS
Com o crescimento da Black Friday no Brasil, surgiram também sites que fiscalizam as promoções e revelam o serviço prestado pelos e-commerces. No início era muito comum que lojas aumentassem os preços dias antes da promoção e voltassem ao preço original na data, forjando um desconto. O site Black Friday fiscaliza as promoções e oferece dicas para os consumidores; o Buscapé mostra gráficos dos preços e o Reclame Aqui checa a reputação das lojas.
Outra dica é pesquisar com antecedência. A promoção foi se ampliando com o passar dos anos e muitas lojas começam a oferecer descontos antes do dia da Black Friday.
Se você tem interesse em um produto ou marca, acesse o site e cadastre-se para receber e acompanhar as ofertas, esse acompanhamento garantir melhores oportunidades.

3) APROVEITE COM MODERAÇÃO
Muitas vezes as promoções fazem o consumidor extrapolar nos gastos, já que têm a sensação de que estão economizando muito e acabam realizando compras das quais se arrependem posteriormente. Prova disso é que as trocas e devoluções registradas aumentam significativamente no pós-Black Friday.
Para evitar compras por impulso, o ideal é fazer uma lista de compras, estabelecer prioridades e estipular o valor máximo que pode ser gasto. Como toda compra, é preciso se planejar.

Sobre a Infracommerce
A Infracommerce é especializada em negócios digitais e atua com o conceito modular, reunindo plataforma, marketing, conteúdo, pagamento, logística e SAC em 3 núcleos centrais de competência: Plataforma Omnicanal, Marketing & Vendas e Operações.
Fundada em 2012, conta atualmente com mais de 500 colaboradores e é referência em projetos Full Service, B2C e B2B na América Latina. Responsável pela operação de e-commerces de marcas como Ambev, BRF, Havaianas, New Balance, Oakley, Ray Ban e Unilever, foi eleita a Melhor Operação no Prêmio E-commerce Brasil 2017, Melhor Empresa de Serviços Digitais do Brasil pela ABCOMM 2017 e Melhor Empresa Full Service 2015 – Eawards 2015.

Abertas inscrições para estágio em agricultura e pecuária no CPMO

As vagas disponíveis são para estudantes dos cursos de graduação em Agronomia, Agroecologia, Biologia, Veterinária e Zootecnia interessados em obter experiência profissional em tecnologias sustentáveis.
O estágio será desenvolvido nos seguintes setores do CPMO: Pesquisa em Manejo de Solo e Planta; Pesquisa e Desenvolvimento de Sementes; Pesquisa em Microbiologia Aplicada à Agricultura e Pecuária e Pesquisa em Animais de Produção.
O candidato deve encaminhar o currículo para o e-mail: estagio@cpmo.org.br, conforme o modelo padrão do CPMO, que consta no site: www.cpmo.org.br,até o dia 30 de novembro e indicar o setor em que tem interesse em atuar. O estágio inicia em 15 de fevereiro.
O processo de seleção, o período de estágio, a remuneração, os benefícios oferecidos e as atividades a serem desenvolvidas estão disponíveis no edital em: http://www.cpmo.org.br/images/Edital_estagio_1_sem18_CPMO.pdf
Mais informações, acesse: www.cpmo.org.br ou entre em contato com a Secretaria de Apoio à Pesquisa: (19) 3576-1588 ramal 206.

Sobre o CPMO
O CPMO tem o objetivo de pesquisar, desenvolver e expandir tecnologias para a agricultura e pecuária sustentáveis, baseadas nos princípios da Agricultura Natural difundidos por Mokiti Okada. É a única instituição do Brasil que pesquisa exclusivamente a Agricultura Natural, Orgânica e Agroecológica, e transforma a base teórica da Agricultura Natural em dados científicos.

Coluna Edmar Ferreira

Que jogão no Itaquera Stadium, como diz o narrador Nilson César, da Jovem Pan. O Corinthians voltou a ser eficiente e venceu o clássico contra o Palmeiras por 3 a 2, pela 32.ª rodada. Timão chegou aos 62 pontos, abrindo seis de vantagem para o Santos, novo vice-líder, e oito de frente para o Verdão, agora quarto colocado.
Time de Alberto Valentim, que reclama com razão do gol impedido de Romero, se distancia da luta pelo título e vê o fim de uma sequência de cinco jogos sem derrota. Os 46 mil pagantes significaram o recorde de público em jogos do Corinthians em sua arena.
Matematicamente, a disputa ainda está aberta. O Corinthians voltou a respirar aliviado e ganhou força psicológica faltando seis rodadas para o fim. Amanhã, às 21h, visita o Atlético Paranaense, enquanto o Santos recebe o Vasco da Gama na Vila Belmiro. O Palmeiras por sua vez, vai a Salvador enfrentar o Vitória.
Com a vitória no clássico, o Corinthians encerrou uma sequência de quatro jogos sem vencer (três derrotas e um empate). A última vitória havia sido diante do Coritiba, há um mês. Timão fecha o ano com sete vitórias, quatro empates e apenas uma derrota nos 12 clássicos da temporada.
Elano disse que gostaria de ser efetivado no Santos. O iracemapolense foi bicampeão brasileiro pelo clube como jogador. Mas o presidente Modesto Roma Júnior disse que o interino ficará apenas até o final do Brasileirão e que precisa fazer cursos em 2018 antes de assumir para valer o Peixe, talvez em 2019.
O técnico José Pékerman convocou os palmeirenses Yerry Mina e Miguel Borja para os amistosos da Colômbia contra a Coreia do Sul e China, nos dias 11 e 14 de novembro. A dupla não enfrentará o Vitória, amanhã no Barradão e o Flamengo, dia 12, no Allianz Parque. Como os amistosos acontecem na Ásia, é possível que ambos não cheguem a tempo para o confronto com o Sport, dia 16, em São Paulo.
Técnico Dorival Junior inicia a semana procurando um substituto a altura de Cueva. O meia viajou para Lima onde se apresentou à seleção do Peru para a repescagem das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018 contra a Nova Zelândia. Lucas Fernandes é o principal candidato para enfrentar a Chapecoense, na quinta-feira em São Paulo.
A 34ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B foi aberta ontem com Luverdense x Internacional/RS. Hoje, às 19h15 – Criciúma x Boa Esporte, Vila Nova x Santa Cruz e América-MG x ABC; às 20h30 – Náutico x Paysandu, Oeste x Figueirense, Brasil x Paraná e Londrina x Goiás e às 21h30 – Ceará x Guarani e CRB x Juventude.
A classificação, sem contar o jogo de ontem, está assim: 1) Internacional 62, 2) América-MG 60, 3) Ceará 58, 4) Paraná 56, 5) Oeste 55, 6) Vila Nova 52, 7) Londrina e Juventude 49, 9) Goiás e Criciúma 43, 11) Paysandu e Figueirense 42, 13) Boa Esporte 40, 14) Brasil, Guarani, CRB e Luverdense 39, 18) Santa Cruz 32, 19) Náutico 31 e 20) ABC 28.
A Seleção Brasileira se apresentou ontem em Paris para dois amistosos diante de equipes que estarão no Mundial da Rússia em 2018: Japão, dia 10 de novembro em Lille e Inglaterra, dia 14, em Londres. O treinador convocou a base que tentará o hexa.
Todos os titulares do Brasil estão entre os 25 jogadores convocados. Tite contou com 23 deles no primeiro treinamento da semana. O meia Diego, do Flamengo, e o atacante Diego Souza, do Sport, chegam somente hoje à capital francesa.
Tite dificilmente poderá contar com Philippe Coutinho no amistoso contra o Japão. Segundo o médico Rodrigo Lasmar, o meia do Liverpool sofreu uma lesão muscular no adutor da coxa esquerda. O jogador desfalcou a equipe inglesa nas últimas partidas.
Ex-presidente da CBF, José Maria Marin sentou ontem no banco dos réus do Tribunal do Brooklyn, em Nova York, nos Estados Unidos. O julgamento teve início dois anos e meio depois de ter sido preso na Suíça. Marin é acusado de receber propinas em negociações de direitos de TV em edições da Copa América e ainda suborno em contratos da Copa do Brasil.
Pela primeira vez nesta Copa Paulista a Inter de Limeira, de João Vallim, entrará em campo precisando vencer. Após perder para o XV de Piracicaba, sábado no Barão da Serra Negra, por 2 a 1, diante de 7 mil torcedores, o Leão precisará devolver esse placar para levar a decisão por pênaltis ou derrotar o rival por dois gols de diferença para decidir o título.
O jogo de volta será neste sábado, às 17h, no Limeirão. A Inter reclamou demais da arbitragem de Vinícius Gonçalves, que anulou um gol legítimo de Jow no primeiro tempo e marcou uma falta inexistente de Wesley, que originou o segundo gol do time da casa, anotado por Léo Carvalho. Caiu um verdadeiro dilúvio em Piracicaba e o jogo chegou a ser paralisado por 30 minutos. Na outra semifinal, Portuguesa 0 x 2 Ferroviária.
A abertura do NBB10 foi eletrizante e definida apenas nos instantes finais. Com um arremesso decisivo de Duda Machado nos últimos segundos, o Bauru venceu o Paulistano, em São Paulo, por 72 a 71. Com o técnico Demétrius Ferraciú suspenso quem comandou o Dragão foi o assistente Hudson Previdelo. A suspensão do treinador é de quatro jogos.
Curiosidade do dia: Nos anos 40, Aymoré, que foi nosso técnico na Copa de 1962, era o goleiro do Botafogo/RJ. Quando ele usou uma camisa branca pela primeira vez, o Fogão venceu. Supersticioso, ele não deixou lavar a camisa e a usou nos jogos seguintes e o time foi ganhando. O roupeiro não aguentando mais o mal cheiro, resolveu lavar a camisa. No jogo seguinte o Botafogo perdeu e o roupeiro foi demitido.

Guarda civil localiza Fiat Uno furtado

Na tarde de domingo 05/11/2017, por volta das 15h, a viatura 4.85 da Guarda Civil com os GCMs Gonçalves e Andrade em patrulhamento pela Rua Rua 6 com a Rodovia SP 191, próximo ao Rio Corumbataí, na zona rural,  deparou com um veículo Fiat Uno Eletronic, vermelho, ano 94, placas BPK 0796 do município de Araras abandonado em meio ao matagal.  Através de pesquisa no sistema Sinesp Infoseg, foi constatado que esse veículo havia sido furtado em Araras. Aparentemente o veículo estava intacto. A empesa de guincho que faz a remoção de veículos, informou que não era possível a retirada do veículo devido as condições do local. Foi dado ciência à autoridade Policial, o qual informou que registraria o BO/PC assim que o veículo fosse apresentado no Plantão Policial. Foi registrado o RO/GCM n°2063/2017, natureza Localização de Veículo.

Novembro é mês de licenciar veículos com placa terminada em 9 e caminhões com final 6, 7 ou 8

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) alerta que agora em novembro é a vez dos proprietários de veículos com placa terminada em 9 e donos de caminhões com final de placa 6, 7 ou 8 realizar o licenciamento do exercício 2017. Do contrário, esses veículos não poderão circular a partir de 1º de dezembro.

Não é necessário ir às unidades do Detran.SP ou imprimir boleto para pagar o licenciamento, que custa R$ 85,24 para todo tipo de veículo. Basta informar o número do Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam) ao caixa bancário ou selecionar essa opção nos terminais eletrônicos das agências ou no internet banking.

Para receber o documento em casa, é só pagar mais R$ 11 do custo de envio pelos Correios. O motorista pode acompanhar a entrega do documento pelo portal www.detran.sp.gov.br, em “Serviços Online”. O licenciamento também pode ser feito presencialmente nas unidades do Detran.SP ou nos postos Poupatempo. O passo a passo completo do serviço está disponível no portal do departamento, na área de veículos.

Atualmente, o Estado de São Paulo tem mais de 28,9 milhões de veículos registrados. Independentemente do ano de fabricação, todos têm de ser licenciados anualmente para poder circular nas vias públicas, uma exigência da legislação federal de trânsito.

De olho no prazo – O Detran.SP avisa os proprietários de veículos com um mês de antecedência do vencimento do licenciamento para evitar que o motorista trafegue de forma irregular e seja surpreendido em uma fiscalização.

O alerta é enviado por mensagem de texto (SMS) e via push (notificação no celular). Para receber, basta se cadastrar no portal www.detran.sp.gov.br, informar o número do celular e autorizar o recebimento. A notificação push vai para quem instala o aplicativo de serviços do Detran.SP no smartphone. O app está disponível gratuitamente nas lojas virtuais Google Play ou Apple Store.

Pagar o licenciamento em atraso gera a cobrança de multa e juros de mora. Caso não seja feito, o dono do veículo pode ter o nome inscrito no Cadastro Informativo dos Créditos não Quitados (Cadin) e na dívida ativa do Estado pelo débito em aberto.
Além disso, conduzir veículo não licenciado é infração gravíssima. O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) prevê multa de R$ 293,47, sete pontos na habilitação e remoção do veículo a um pátio.

O valor da humanidade: os Direitos Humanos e a redação do Enem

Primeiramente, o Enem tinha com objetivo avaliar a qualidade do ensino médio no país. A partir de 2009, o exame começou a substituir os vestibulares como forma de acesso ao ensino superior em universidades e institutos federais brasileiros por meio do Sistema de Seleção Unificada (SiSU), assim como em algumas universidades no exterior. Além disso, o Enem é adotado pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) como referência para distribuição de bolsas de estudos integrais e parciais em universidades particulares, bem como para obtenção de financiamento estudantil por meio do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies).

Pela sua magnitude, atualmente é o segundo maior exame de seleção de universidades do mundo, ficando atrás somente do chinês; e pela sua importância por proporcionar a democratização do acesso ao ensino superior público e de qualidade, o Enem sempre esteve em foco político e jurídico. Em 2009, houve suspeitas de vazamento da prova. Em 2010, erros de impressão em 0,05% das 4,6 milhões de provas aplicadas fizeram com que a Justiça do Ceará tentasse suspender os exames em todo o território nacional. Em 2011, novas denúncias de vazamentos estamparam as manchetes de jornais. No entanto, desde então, o exame vem se aperfeiçoando e ocorrendo de forma satisfatória para algo dessa grandiosidade.

Os principais debates sobre o Enem, recentemente, estão ocorrendo em virtude do conteúdo solicitado na prova, inclusive na redação. Por exemplo, em 2016, a prova foi criticada por grupos reacionários em diversas redes sociais por abordar filósofos como, Simone de Beauvoir e Paulo Freire. Esses grupos também se indignaram com a temática da redação daquele ano, que foi: “A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira”. As alegações eram que a prova estava fazendo doutrinação socialista e feminista.

Um dos principais grupos que se revoltaram contra o Enem de 2016 foi o denominado Escola Sem Partido, coordenado pelo advogado Miguel Francisco Urbano Nagib. O Escola sem Partido alega que a educação brasileira faz doutrinação política. Se alguns professores socialistas são autoritários e tentam doutrinar seus alunos, distorcendo fatos e personalidades, o Escola sem Partido quer fazer o mesmo, porém com uma ideologia fascista e reacionária. O movimento é composto por pessoas não especialistas em educação, ligadas ao mercado e com forte influência religiosa.

O viés fascista do Escola sem Partido ficou extremamente claro neste ano de 2017. O movimento entrou com recurso na justiça pedindo o fim da obrigação dos candidatos ao Enem de respeitar os Direitos Humanos em suas redações. Desse modo, a partir dessa decisão, que foi acolhida pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região e que foi mantida pelo Supremo Tribunal Federal – STF, qualquer candidato que fizer apologia ao crime de tortura, de mutilação, de execução sumária, de estupro, etc não poderá ter sua redação anulada mais. Antes o candidato tirava nota zero.

Na sua justificativa para manter o pedido do Escola sem Partido, a presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, usa a argumentação de que é preciso respeitar a liberdade de expressão. Pela lógica, para o STF, o direito de liberdade de expressão está acima do combate às opressões sobre minorias. Por exemplo, se essa regra estivesse em vigor ano passado, o candidato ao dissertar sobre a violência contra as mulheres no Brasil poderia tranquilamente defender que mulher que cometesse o adultério merecia ser apedrejada pela população. Este ano, o tema da redação foi: “Desafios para a formação educacional de surdos no Brasil”. Com a nova regra o candidato tem a “liberdade de expressão” de argumentar o absurdo de que os surdos deveriam ser encaminhados para “escolas” campos de concentrações, como os que existiam na Alemanha nazista e na União Soviética, por exemplo. Ele está livre para defender a eugenia.

O Brasil assistiu ao longo dos 517 anos de sua história, enquanto território vinculado aos valores ocidentais e cristãos, diferentes tipos de massacres. Massacres que passam pelo genocídio indígena, pela vergonhosa e aviltante escravidão negra, pela exploração degradante de trabalhadores e de trabalhadoras. Somos um país em que mulheres são estupradas e mortas às dezenas diariamente. Onde mais mata travestis e transexuais no mundo. Onde homossexuais são agredidos e mortos simplesmente por demonstrar amor em público. Onde a cada 23 minutos um jovem negro da periferia é assassinado. Onde temos a policia que mais mata e mais morre no mundo, só este ano foram mais de 103 policiais mortos no Rio de Janeiro.

O Escola sem Partido e o Movimento Brasil Livre (MBL), com outros setores da sociedade, estão realizando uma campanha de desmoralização dos Direitos Humanos já faz tempo. Os movimentos reacionários precisam compreender que Direitos Humanos não tem ideologia! Não são da esquerda nem de direita, mas pertencem ao conjunto da humanidade. É a evolução da nossa consciência como seres humanos. Somente pessoas com viés totalitário que os menosprezam, independentemente de serem de esquerda ou de direita.
Os Direitos Humanos, quando introjetados na sociedade, proporcionam a capacidade de que todos sejam reconhecidos como iguais. O debate dos Direitos Humanos se levantou de forma significativa na história da humanidade após a Segunda Guerra Mundial. Em 1948, após o horror do nazismo, líderes de diversos países, incluindo o Brasil, se reuniram na ONU e aprovaram em sua Assembleia Geral, a Declaração Universal dos Direitos Humanos. Sua meta é promover a paz e a vida. Impedir que pessoas fossem perseguidas e mortas por suas ideias, seu gênero, sua religião e sua etnia. O Brasil foi um dos primeiros signatários do documento. A decisão do STF, permitindo o discurso de ódio na redação do Enem, sinaliza o retrocesso desse país. Legitimamos o ódio.

A sociedade brasileira precisa recordar que Hitler usou o discurso de ódio na Alemanha; que Slobodan Milosevic utilizou do discurso de ódio para desumanizar e exterminar os muçulmanos na Bósnia; que Josef Stalin lançou mão do mesmo mecanismo contra seus opositores políticos na URSS; que os Hutus usaram discurso de ódio nas rádios chamando os Tutsis de “baratas” e matando quase 1 milhão de pessoas em Ruanda em 1994.

Ao colocar a liberdade de expressão como algo sem limites separando-a do conceito de justiça, o STF comete um pecado social e cultural extremamente perigoso. A liberdade de expressão deve ser prezada e defendida por todos, porém isso não quer dizer que ela não possui barreiras. As barreiras da liberdade são os limites do que nos torna humanos, isto é, do que nos afasta da compaixão racional. Segundo o psicólogo canadense Paul Bloom, a compaixão racional é sentir algo pelo outro, e não sentir algo com o outro. É você observar que o outro tem o direito à humanidade assim como você e os seus.

A nossa esperança é que os jovens nascidos em plena Era da Informação e que estão prestando o Enem este ano não entrem nessa onda reacionária e de intolerância que está cobrindo parte da classe média mundial. Eles possam nutrir a compaixão racional, não saem proferindo e realizando menosprezo pelos sentimentos alheios. E que lutem pelo direito de sermos reconhecidos como seres humanos, coisa que em pleno século XXI parecia tão óbvio, mas não é. Caso contrário, o declínio do valor de humanidade em uma sociedade será o declínio de seu desenvolvimento.

Isaías Albertin de Moraes é doutorando em Ciências Sociais com ênfase em Estado, Sociedade e Política Pública pela Unesp/Araraquara.

Fernando Antonio da Costa Vieira é Professor Adjunto do Programa de Pós Graduação em Sociologia Política do Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (IUPERJ) da Universidade Cândido Mendes.

Encontro de Práticas Populares de Saúde recebe inscrições em oficinas 

O III Encontro de Práticas Populares de Saúde, organizado pelo Projeto de Mapeamento de Práticas de Educação Popular e Saúde (Mapeps), está com inscrições abertas até o dia 9 de novembro, para ouvintes e interessados em participar das oficinas. O evento acontece nos dias 10 e 11 de novembro, no Campus São Carlos da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).
Serão oferecidas as oficinas de Tai Chi Pai Lin, Terapia Vibracional Integrativa (TVI), Yuki, Ioga, Shantala, Tuiná, Auriculoterapia e a oficina “Implementação da Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares em nível local: estratégias para formação e atuação profissional”. Os dias e horários das atividades estão disponíveis na ficha de inscrição para o evento, no blog do Mapeps (http://mapeps.blogspot.com.br).
A terceira edição do Encontro contará, também, com apresentação de trabalhos, debates sobre experiências de práticas integrativas e complementares e práticas populares de cuidado à Saúde no Sistema Único de Saúde (SUS). O prazo para submissão de trabalhos a serem apresentados no evento já foi encerrado.
As inscrições são gratuitas, mas as oficinas têm vagas limitadas. A programação, a ficha de inscrição e demais informações estão disponíveis em http://mapeps.blogspot.com.br e na página do evento no Facebook (http://bit.ly/2xBLVlC). Dúvidas podem ser esclarecidas pelo e-mail mapepssaocarlos@gmail.com. As atividades do dia 10 de novembro ocorrem no Auditório do Edifício de Aulas Teóricas – AT2, na área Sul do Campus São Carlos da UFSCar, e, no dia 11 de novembro, na Unidade Saúde-Escola (USE), localizada na área Norte.

O SERMÃO DA MONTANHA

Ana Lucia Missaglia Guarnieri
“Bem-aventurados os pobres em espírito, porque deles é o reino dos céus.
Bem-aventurados os aflitos, porque serão consolados.
Bem-aventurados os mansos, porque possuirão a terra.
Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados.
Bem-aventurado os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia.
Bem-aventurados os puros de coração, porque verão a Deus.
Bem-aventurados os que promovem a paz, porque serão chamados filhos de Deus.
Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus”Mateus, 5, 1-12, Leitura do Evangelho de Domingo, 05/11/2017.
*********************************
Segundo os maiores seguidores do Senhor, o Sermão da Montanha é o resumo da Sua Vida, Paixão, Morte e Ressurreição pela ascensão da humanidade ao Pai: é a Sua Herança Testamentária a nós todos. Seu cerne é o Seu Sagrado Coração, para que, no caminho, provássemos que na caridade há companhia, enquanto no egoísmo há solidão.
Apesar de a definição científica do ser humano não ter mudado – ser composto de cabeça, tronco e membros – e sua definição diferencial do reino dos mamíferos e dos invertebrados (inventou até a Internet!) também permanecer a mesma – ser composto de mente, alma e espírito – há, hoje, recomendação, inclusive de acadêmicos, para que nas Escolas (!) o Sermão da Montanha seja mencionado como pequenas estórias, fábulas ou ficções, ou como uma partida de futebol, reduzindo a Cristo como uma figura irrelevante na História, revelando o nível de empobrecimento a que se chegou, não só em nível de linguagem, mas de espiritualidade. (Para santo Agostinho, as bem-aventuranças são a a Lei moral, feita de Justiça e de Misericórdia, enquanto que, há milênios, os Budistas já se preocupavam com o sentido do sofrimento da espécie, como sinal de encontro com a Luz, de sua busca pela Paz).
Dia 30 de Outubro de 2017 e o gracioso, alegre e belo menino, Vítor Gabriel Leite Matheus, de 3 anos, é atingido por uma bala perdida que lhe acertou a cabeça, enquanto brincava, com os irmãos, na sala do barraco, onde morava, com os pais, vindo a falecer dia 02/11/2017. A repórter da Globo News não conseguiu dar a notícia sem emocionar-se com o fato, entrando para a lista dos jornalistas mais experientes que participam da sexta bem-aventurança do Cristo: “Bem-aventurados os puros de coração, porque verão a Deus”. O seguir ao Senhor, compartilhando do “fazer a vontade do Pai” ´, é isso, como Ele Mesmo nos fala: é ser sua mãe, seu irmão, sua irmã (Mt. 12, Mc. 3, Lc. 8). O planeta ficou órfão do Vítor Gabriel.
Hoje e PER OMNIA SECULA SECULORUM, há, em Mateus 5, 1-12, a visão profética de Cristo aos escolhidos: “bem-aventurados sois vós quando vos injuriarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo tipo de mal contra vós por causa de mim. Alegrai-vos e exultai, porque será grande a vossa recompensa nos céus”. Na sequência de ser puro de coração, a sinceridade é fundamental para que se restabeleçam relações humanas sem conflitos. Como aconteceu a Augusto Cury que para tornar-se um médico psiquiatra internacionalmente reconhecido passou pela sede do Mestre na cruz. Um copo de água, trazido por sua esposa, não só lhe dessedentou o corpo, mas o completou na alma.(Isso depois da experiência perigosa de atirar pérolas aos porcos, pois, conforme advertência do divino Mestre, pode ser que se revoltem e os despedacem. Ou, então, para os que se acomodam, não são nem frios nem quentes, são mornos, o resultado é serem lançados fora do Sermão da Montanha). Aqui, a beleza dos que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados.
Dialogar com Cristo é entrar em contato com o Vencedor, Dono e Criador de todas as coisas, como Filho único do Pai: Coragem! Tende bom ânimo! EU venci o mundo.(João, 16,33).
Na semana passada, um parlamentar de Brasília, sabendo ou não que 15% é dono de 90%de tudo, disse que “os pobres não roubam como os ricos”… E o Homem que inventou a Internet (“sem alma”) também criou a bomba atômica para a guerra nuclear, caso o “cuidar” dos 90% de tudo não corresponda aos caprichos dos 15% dos seus poderosos donos, apesar de Papa Francisco afirmar que, pela grande injustiça, pela ausência da compaixão, já estamos vivendo a Terceira Guerra aos pedaços. Escravidão repugnante é violência contra o semelhante e “tirar de um homem o pão do seu trabalho é como o assassino do seu próximo”(Eclo.,34,26).
Prof. Felipe Aquino (Canção Nova) autor de 66 livros, palestrante em todo Brasil e no exterior, ,escreve:”Ninguém perdoou tanto como Jesus .Na cruz ele provou com atos o que disse, no Sermão da Montanha, em palavras”. Nos lares e em todos os segmentos sociais, “não há remédio que faça efeito sem que primeiro se restabeleça A DIGNIDADE HUMANA”, herdada definitivamente por Cristo. Dr. Paulo Prata, Fundador do Hospital de Amor, Barretos, Agenda-2018.

IDEOLOGIAS – O QUE SÃO?

Existem muitas definições: “Ideologia é um termo que possui diferentes significados e duas concepções, a neutra e a crítica. No senso comum o termo ideologia é sinônimo ao termo ideário, contendo o sentido neutro de conjuntos de ideias, de pensamentos, de “doutrinas” ou de visões do mundo de um indivíduo ou de um grupo, orientado para suas ações sociais ou políticas. Dentro da crítica a ideologia pode ser considerado um instrumento de dominação que age por meio de convencimento (persuasão ou dissuasão, mas não por meio de força física), de forma prescritiva, alienando a consciência humana.”
Entendemos que numa discussão simples, podemos adotar estes parâmetros de conhecimento público, resumindo num conjunto de ideias que alguém ou um grupo considerada ideais.
Ela se aplica na prática de forma adjetivada, tal como ideologia política, ideologia religiosa, ideologia do naturalismo, e outras tantas e agora incluindo a ideologia de gênero, que nem se sabe ainda se poderia ser chamada de ideologia.
Seria impossível e um atentado à liberdade, censurar a criação de ideologias, porém a forma mais natural seria a adoção (ou não) de uma ou outra pelo indivíduo de forma livre e racional, onde ele tivesse a liberdade de análise e tomada de decisão por si próprio. Para que o indivíduo isoladamente tenha esta condição, a sociedade deveria ter um foco em fornecer ao seu membro uma possibilidade de aquisição de conhecimentos, de meios de desenvolvimento cultural e mental, de forma que este humano pense por si próprio, livre de formações e imposições filosóficas.
Esta ação de provimento de cultura deveria partir de todos os poderes onde o indivíduo, que nasce sem nenhum conhecimento social, receberá influências, tal como do estado, da família, das escolas, porém nunca estes mesmos poderes poderiam implantar qualquer ideologia.
Isto porque as ideologias por mais simples que sejam, hoje embutem o seu caráter doutrinário, o seu caráter direcional e prescricional. E isto, por mais que seja difícil a análise e pelo antagonismo de quem já tem a mente formada ideologicamente, não deveriam ser jamais enfiadas goela abaixo de ninguém e muito menos de seres em formação.
Então não seria papel das escolas ou qualquer outra entidade, inclusive a família, oferecer ideologias, senão apenas do ponto de vista do conhecimento de existência de cada uma delas, estimulando a liberdade de pensamento por si próprio.
Deveriam concentrar na educação das ciências em desenvolvimento, na sociologia, na filosofia, na moral e ética, na psicologia, no civismo e cidadania, nas conhecidas virtudes da fraternidade e empatia, dos sentimentos de igualdade e liberdade (ter e respeitar), inclui-se o amor ao próximo como necessidade de sobrevivência da espécie, o respeito, os limites naturais, sem contudo preocupar em transmitir e impor o seu modo peculiar de pensar a vida.
Se conseguirem formar próximas gerações de indivíduos, dentro de um conceito de senso comum como sendo bons, com certeza as melhores ideologias serão adotadas e seguidas. Quais as melhores? O problema são os que “sabem” e defendem até à morte sem qualquer análise de profundidade, tentando empurrar as suas para os demais.

Roberto Barbieri – Passos – MG
rrbarbieri@terra.com.br

Há vida além da Lava Jato…

Por Eduardo Sócrates Bergamaschi

Todo o noticiário envolvendo a Lava Jato, está levando muitos a imaginar que é só ali naquele nicho é que está envolvida a corrupção no Brasil.
Poucos sabem, por exemplo, que em três anos (março de 2014 a março de 2017), mais de R$ 10 BILHÕES foram desviados de cofres públicos municipais em todo o Brasil.
Como são 5570 municípios espalhados pelo país, não parece ser um valor absurdo se considerarmos a média de aproximadamente R$ 1,8 milhão por município. Porém se considerarmos que as grandes capitais estão fora dessa lista e que a maior incidência dessas fraudes estão no norte/nordeste do país, concluiremos que o rombo, proporcionalmente, é maior do que o da Lava Jato.
O valor é tão absurdo que fica praticamente impossível dimensionar o total de recursos públicos desviados em todo o território nacional.
Somente fatos que foram descobertos e investigados geraram prejuízos à saúde, à segurança, à manutenção de municípios brasileiros, impossíveis de se mensurar.
Esse crime, no meu conceito, é hediondo, principalmente se considerarmos que o maior número ocorreu no Nordeste, seguido pelas regiões Norte e Centro-Oeste.
Uma pequena cidade instalada no sul do Amazonas, de nome Pauini, com 10 mil habitantes (Índice de Desenvolvimento Humano –IDH- de 0,496, um dos mais baixos do país –o indicador vai de 0 a 1 e, quanto mais próximo de 1, melhor é a situação do município) foi formado um esquema que ROUBOU mais de R$ 15 milhões dos cofres públicos, em apenas seis meses de 2016. E só não foi maior porque as autoridades conseguiram estancar em pouco espaço de tempo. Mas, sabe-se lá há quanto tempo não se pratica tais atrocidades com a população de Pauini.
Naquela cidade, a prefeitura chegou a comprar 500 bolas de futebol para uma única quadra e a pagar R$ 1.870 pela lavagem de um micro-ônibus.
Em Mirante da Serra, em Rondonia, apesar do valor desviado não ser muito grande, para os padrões Lava Jato, R$ 20 milhões, por exemplo, representaram quase que a totalidade da arrecadação do município, o que convenhamos é um valor importantíssimo para aplicação em saúde, educação, segurança…
De acordo com a lista de apreensões em outras operações da Polícia Federal havia R$ 230 mil em espécie e mais 27 imóveis, entre os quais fazendas, duas academias de musculação, uma clínica de estética, lojas de roupas, de informática e de produtos agropecuários, casas e terrenos, além de 950 cabeças de gado, 15 cavalos, 13 carros, 18 motos, uma lancha e um canil com mais de 80 cães de raça.
Há ainda muitas informações estarrecedoras sobre esse tipo de CRIME que deveria ser considerado hediondo, pois é responsável por milhares de mortes diariamente no país, por falta de uma saúde de qualidade e de uma segurança que dê segurança. É responsável também pela morte de sonhos de muitas pessoas carentes por não conseguirem alcançar uma educação de qualidade, condenando-as a passar toda a sua vida no analfabetismo, simplesmente para que bandidos encham seus bolsos.
E sempre a motivação maior para esses CRIMES é a notória impunidade, que leva os criminosos a se sentirem inatingíveis.
Segundo relatos de agentes que participaram dessas incursões por diversos municípios brasileiros o que assusta é a desfaçatez e o escárnio com que os CRIMINOSOS afrontam os órgãos de controle, a Justiça como um todo, e a própria sociedade
Se levantarmos todas, vejam bem todas, em TODOS os municípios brasileiros, veremos que a Lava Jato é troco.
E isso nos leva, infelizmente, a transformar os nossos sonhos de um país limpo, transparente, honesto, em pura UTOPIA. Mas, utopia também é sonho e como tal, por que não tentar realiza-lo. Afinal somos brasileiros…