Dia Mundial para prevenção dos desastres naturais

259
Terremoto Japão - Ano 2011 - Desastre Natural - Imagem do portal eletrônico Top10mais.org

Em 12 de Outubro é comemorado o Dia Mundial de Prevenção aos Desastres Naturais, instituído pela Assembleia Geral das Nações Unidas, fazendo  referência aos desastres naturais que , dependendo o grau de intensidade, pode comprometer comunidades,  trazendo-se uma reflexão sobre a importância de buscar ensinamentos , que levem a mudanças de posturas humanas, a fim de reduzir riscos e impactos ambientais. O desastre natural acontece quando temos acontecimentos físicos e de grandes proporções, tais como: desabamentos, erosões, furacões, incêndios, inundações, e que pode comprometer direta ou indiretamente povos, comunidade, cidade ou país, trazendo consequências devastadoras, configurando em alguns pontos, grandes tragédias. As principais causas dos desastres naturais hoje estão a pressão que a sociedade exerce sobre o ambiente, principalmente em termos econômicos e sociais, trazendo alterações no uso do solo, sistemas hídricos, modificando as relações naturais, a partir de desmatamentos, comprometendo a qualidade ambiental. Além disso têm-se uma instabilidade climática marcada por efeitos antrópicos e naturais, que comprometem a sustentabilidade, vulnerabilidades sociais, devido a ocupação desordenada dos espaços no ambiente, caracterizados de risco, podendo ocasionar grandes prejuízos. Sendo os países pobres mais vulneráveis em relação aos desenvolvidos. Pensando nestes fatores, é necessário alertar e conscientizar a população quanto à responsabilidade que devemos ter em relação à preservação do meio ambiente, orientando quanto aos métodos de conservação e preservação, e reduzindo sobremaneira as ações antrópicas. Outras ações para minimizar os desastres naturais,  estão a preservação de áreas verdes e matas ciliares, tanto em área urbana, quanto rural, margens de córregos e rios, evitando-se devastações e queimadas, ou mesmo ocupações, que comprometam a cobertura vegetal, sendo esta fundamental para o equilíbrio do clima no ambiente. Atitudes como: respeitar os serviços de limpeza urbana, não jogando entulhos e lixo em bueiros, rios, e galerias. Manter calhas e ralos das residências devidamente limpos, contribui também para que em períodos chuvosos não ocorra inundações e deslizamentos. Percebe-se que para uma redução  significativa dos desastres naturais, ainda faz-se necessário mudanças de  posturas por parte da população, seguindo-se uma boa instrução , que só é possível graças a educação, considerada um dispositivo essencial, para se pensar em novas práticas sustentáveis em uma sociedade que se avança em progresso econômico e social, sendo necessário uma adaptação sem pressões ao ambiente.

Terremoto Japão - Ano 2011 - Desastre Natural - Imagem do portal eletrônico Top10mais.org
Terremoto Japão – Ano 2011 – Desastre Natural – Imagem do portal eletrônico Top10mais.org
Furacão no Haiti - Ano 2016 - Desastre Natural - Imagem do portal eletrônico OGlobo.com
Furacão no Haiti – Ano 2016 – Desastre Natural – Imagem do portal eletrônico OGlobo.com
Furacão Irmã no Norte da Flórida - Setembro-2017 - Desastre Natural - imagem da página eletrônica Tecmundo
Furacão Irmã no Norte da Flórida – Setembro-2017 – Desastre Natural – imagem da página eletrônica Tecmundo
 Inundações em Houston-EUA -
Inundações em Houston-EUA –
A cidade de Teresópolis na região serrana do Rio de Janeiroc atingida pelas fortes chuvas há um período atrás. Portal Estadão.
A cidade de Teresópolis na região serrana do Rio de Janeiroc atingida pelas fortes chuvas há um período atrás. Portal Estadão.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA