Coluna Edmar Ferreira

445

Com Thiago Ribeiro no ataque no lugar do lesionado Copete, o Santos inicia hoje o mata-mata das quartas de final da Taça Libertadores da América contra o Barcelona de Guayaquil, às 21h45, no Equador. Peixe não perde há 16 jogos e está ainda mais motivado pela vitória no clássico contra o Corinthians, domingo na Vila Belmiro.
Santos pode até voltar com um resultado positivo, mas acho bastante complicado. O Barcelona é rápido e costuma vencer seus jogos em casa, diante de sua fanática torcida. O time equatoriano eliminou o Palmeiras na fase anterior e tem uma equipe bastante entrosada. Peixe jogou 11 vezes em sua história no Equador, vencendo cinco, empatando duas e perdendo quatro vezes.
Hoje também, às 21h45, no Engenhão, o Botafogo recebe o Grêmio pelas quartas de final da Taça Libertadores da América. Fogão está motivado pela vitória no clássico sobre o Flamengo. Já o time gaúcho tem vários desfalques, entre eles o craque Luan, vetado pelo DM. Mais cedo, às 19h15, tem San Lorenzo x Lanús. Amanhã, às 21h45, o Jorge Wilstermann recebe o River Plate.
Quatro jogos, três derrotas e apenas um gol marcado. Esse é o Corinthians, que tentará retomar o caminho da vitória hoje às 21h45, diante do Racing, no Itaquerão, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Técnico Fábio Carille mantém a tranquilidade e segue na liderança do Brasileirão em razão da “gordurinha” que adquiriu no primeiro turno. No returno, Timão estará na zona da degola.
A FOX fez um levantamento sobre as atuações do Racing no Brasil. Foram 15 confrontos em nosso país, com o retrospecto de oito derrotas, cinco empates e apenas duas vitórias, ou seja, um aproveitamento de apenas 24,4%. Curiosamente, uma dessas vitórias foi justamente contra o Corinthians pela Copa Mercosul de 1998. O time argentino venceu no Morumbi por 2 a 1 e depois fez 1 a 0 em casa, eliminando o Timão.
Hoje também pela Copa Sul-Americana, a Chapecoense recebe o Flamengo, às 19h15, na Arena Condá. Time catarinense corre um sério risco de rebaixamento no Brasileirão, vem de três derrotas consecutivas e demitiu seu técnico Vinícius Eutrópio, que em 17 jogos, venceu quatro, empatou dois e perdeu onze. Já o Mengão está focado nesta competição. Técnico colombiano Reinaldo Rueda espera utilizar o que tem de melhor. Amanhã tem Fluminense x LDU.
Rodrigo Caio e Cueva fizeram as “pazes”, pelo menos para a imprensa ver e noticiar. Eu, particularmente não acredito. O peruano segue irritado em razão do comentário do zagueiro, que disse que o meia deveria “se ajudar” para voltar a jogar bem no São Paulo. Os dois tiveram uma conversa particular de meia hora antes do treino. Clima segue quente no CT da Barra Funda.
O empate diante da Ponte Preta por 2 a 2, sábado no Morumbi, aumentou a pressão sobre Dorival Júnior. Alguns conselheiros e parte da torcida tricolor pedem a demissão imediata do técnico, que acumula três vitórias, quatro empates e quatro derrotas no Brasileirão (aproveitamento de 39,4%).
O retrospecto de Dorival Júnior é um pouco melhor que o de Rogério Ceni, que também dirigiu o São Paulo em 11 partidas no Brasileirão e teve três vitórias, dois empates e seis derrotas (33,3% de aproveitamento). Se perder para o Vitória, domingo no Barradão, passarei a acreditar no rebaixamento. Por enquanto ainda acho que o Tricolor não cai. Tem time muito pior.
No treinamento de ontem, Dorival Júnior adiantou Rodrigo Caio para jogar de volante no lugar de Jucelei, que está suspenso. Com isso, Arboleda, que volta de suspensão, formará dupla de zaga com Bruno Alves. Já Júnior Tavares ocupará a vaga de Edimar, que recebeu o terceiro cartão amarelo. Time titular treinou com: Sidão, Militão, Arboleda, Bruno Alves e Júnior Tavares; Rodrigo Caio, Petros, Hernanes e Lucas Fernandes, Marcos Guilherme e Lucas Pratto.
Triste a informação do falecimento do ex-meia Odair Cologna, um dos maiores ídolos da história do Velo Clube. Foi um dos heróis do acesso em 1979. Cologna morava atualmente em São Paulo e trabalhava na Câmara Municipal como assistente parlamentar.
Nascido no dia 4 de setembro de 1949, em São Paulo, Odair Cologna vestiu também as camisas de Noroeste, Comercial de Ribeirão Preto, Pinheiros de Curitiba, América de São José do Rio Preto, Palmeiras e no Madureira, do Rio de Janeiro. Descanse em paz e em nome de todos os torcedores velistas, nosso muito obrigado por tudo o que representou e pelo que fez pela agremiação.
Jogos de hoje da Liga dos Campeões da Europa: Maribor x Spartak Moscou, Liverpool x Sevilla, Shakhtar Donetsk x Napoli, Feynoord x Manchester City, Leipzig x Monaco, Porto x Besiktas, Tottenham x Borussia Dortmund e Real Madrid x Apoel.
Resultados de ontem: Benfica 1 x 2 CSKA, Roma 0 x 0 Atlético de Madrid, Celtic 0 x 5 PSG, Chelsea 6 x 0 Qarabag, Olympiacos 2 x 3 Sporting, Bayern de Munique 3 x 0 Anderlecht, Barcelona 3 x 0 Juventus e Manchester United 3 x 0 Basel.
Guangzhou Evergrande, time chinês comandado por Luiz Felipe Scolari, foi eliminado nas quartas de final da Liga dos Campeões da Ásia. Após perder o jogo de ida para o Shanghai SIPG por 4 a 0, conseguiu reverter no jogo de volta, goleando por 5 a 1, com direito a três gols de Ricardo Goulart, ex-Cruzeiro. Nos pênaltis, o Shanghai venceu por 5 a 4.
Seleção Brasileira Masculina de Vôlei venceu a França por 3 sets a 0, parciais de 27/25, 27/25 e 25/22, na estreia da Copa dos Campeões, que acontece no Japão. A partida foi disputada no Nippon Gaishi Hall, em Nagoya, e teve a duração de 1h29. Próximo duelo será contra a Itália, na reedição da final dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, no ano passado. Naquela ocasião, a equipe verde-amarela saiu vitoriosa.
Curiosidade do dia: Na Copa do Mundo de 1994 o goleiro da Coréia do Sul, ChoiIn-Young, se demitiu e pediu para ser desligado da delegação no intervalo do jogo contra a Alemanha, tal era sua vergonha por ter tomado dois frangos no primeiro tempo.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA