Oftalmologia e vascular serão as primeiras especialidades atendidas nas Carretas da Saúde

Pacientes que estão na fila de espera por uma consulta e exames de oftalmologia e também vascular serão os primeiros a serem atendidos nas carretas do Programa Mais Saúde em Rio Claro. O início dos atendimentos está previsto para 20 de setembro, com uma estimativa de realização de até 200 procedimentos por dia nesse começo dos trabalhos.
Esse atendimento inicial, durante o mês de setembro, será essencialmente de consultas exames para o agendamento das cirurgias oftalmológicas e vasculares de baixa e média complexidade aos pacientes que necessitarem. Essas cirurgias terão início em outubro, respeitando o cronograma estabelecido de acordo com a prioridade, isto é, por ordem de urgência, estabelecido pela Central de Regulação da gestão SUS da Fundação Municipal de Saúde, em conjunto com o Cies Global, empresa responsável pelas unidades móveis do Programa Mais Saúde.
As filas de espera nessas duas especialidades, vascular e oftalmologia, somam quase 11 mil procedimentos. A meta é ir aumentando os atendimentos aos poucos, sempre de acordo com a regulação e a agenda estabelecida e diminuir sensivelmente as filas de espera.
Vale lembrar que as pessoas que estão nessa fila de espera serão contatadas por telefone pela Central de Regulação da Fundação de Saúde e receberão toda orientação para serem atendidas nas carretas. Assim, quem está na fila, deve aguardar ser chamado. Para serem atendidos nas Carretas da Saúde é necessário que os pacientes tenham passado por uma unidade de saúde da rede municipal.

Estrada velha de Ipeúna deve receber atenção por parte do DER

Com histórico de acidentes que resultaram em mortes e pessoas gravemente feridas, a estrada velha que liga Rio Claro a Ipeúna através dos bairros da região do Jardim Bonsucesso foi tema central da reunião no Departamento de Estradas e Rodagem, o DER, em São Paulo, nessa terça-feira, 5 de setembro.
Através de agendamento feito pelo deputado estadual Marcos Zerbini (PSDB), o superintendente do DER, Ricardo Volpi, atendeu a comitiva local formada pelo prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, e o vereador Luciano Bonsucesso.
Também participaram do encontro a equipe técnica do DER formada pelo diretor de Planejamento, Laércio Paulino, diretor de Obras Orlando Arantes, diretor de Engenharia José Luiz Preto e o assessor parlamentar Marco Peres.
De acordo com Luciano Bonsucesso, o problema mais grave ocorre no trecho da estrada situado entre a rotatória próxima a Rodovia Washington Luís e os bairros Jardim Bonsucesso, Novo Wenzel e Bom Retiro.
“Este trecho conta com declive acentuado o que causa problema nos dois lados do tráfego”, explica o vereador. “Na descida, veículos e principalmente caminhões trafegam em alta velocidade o que leva a risco permanente de acidentes”, pontuou. “Na subida, caminhões trafegam a 10 quilômetros por hora. Neste cenário é comum ver crianças de bicicletas segurando nas carrocerias fato que já levou a óbitos”, detalhou o vereador.
Juninho da Padaria ressaltou o crescimento populacional nesta região da cidade e a necessidade de atenção especial por parte do governo paulista, via DER, para tornar o deslocamento das famílias mais seguro.
“A nossa reivindicação é para que seja implantada a terceira faixa nesta estrada pelo menos no 1,2 quilômetros onde situa-se o trecho mais crítico”, comentou o prefeito. “Caso a viabilização da obra no momento seja difícil precisamos de algo real para amenizar a situação nesta estrada”, sinalizou o prefeito ao superintendente do DER.
Diante do quadro, Ricardo Volpi confirmou: “O DER vai verificar o que está ocorrendo. Posso afirmar que inicialmente vamos fazer reforço de pintura e através de análise e monitoramento implantar redutores de velocidade se a necessidade for comprovada”, comentou.
O superintendente comentou ainda que o processo que visa a implantação da terceira faixa encontra-se na Regional do DER em Rio Claro. “Vou solicitar o envio desta documentação e apurar qual a possibilidade de realizar a obra. A segurança das pessoas sempre tem de ser prioridade para o governo paulista”, finalizou.

Artista expõe “Nada é o que parece ser” no Casarão da Cultura

O Casarão da Cultura de Rio Claro recebe a partir do dia 16 a exposição “Nada é o que parece ser”, de Luiz Fernando Machado. A abertura será às 20 horas e a entrada é gratuita.
Com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura, a mostra reunirá trabalhos da nova fase do artista, que aplica seu conhecimento do marmorizado, técnica de pintura milenar, sobre a técnica de pintura sobre tela, e é nesta fusão que ele descobre e revela sua linguagem criativa. A exposição poderá ser vista até dia 29 de setembro, das 8 às 12 e das 13h30 às 17 horas.ARTISTA EXPÕES NO CASARÃO DA CULTURA (2)
Nascido em Rio Claro em 18 de julho de 1964, Luiz Fernando Machado foi estudar Letras Clássicas (Latim e Grego) na Universidade de São Paulo.
No mesmo período, fez cursos de encadernação e restauração de livros, tornando-se professor e diretor da ABER – Associação Brasileira de Encadernação e Restauro.
No final dos anos 80, começou a pesquisar a marmorização, cuja principal característica é a de ser realizada sobre uma superfície líquida.
O artista tornou-se um dos maiores especialistas desta técnica no Brasil, participando de apresentações na TV, como no Programa Mais Você da TV Globo, além de ter seus trabalhos vendidos e publicados nos Estados Unidos e Europa. Hoje tem seu Atelier na Vila Madalena em São Paulo.
Há 3 anos Luiz Fernando tornou-se aluno de Paulo Pasta, pintor que abriu-lhe um novo horizonte criativo, unindo o marmorizado à pintura sobre tela.  “Uma mistura de marmorização, expressionismo e cores vulcânicas”, destaca Paulo Pasta sobre o resultado do trabalho.

Sociedade Veteranos comemora 62 anos de fundação

A Sociedade Beneficente Cultural Dançante Veteranos de Rio Claro completou nessa quarta-feira, 6, 62 anos de fundação.
Para comemorar a data, a diretoria, presidida por Sônia Andriolli, estará promovendo baile de aniversário, neste domingo (10), a partir das 15 horas, em sua sede social, à Avenida 8 No. 979, esquina com rua 10, bairro Santa Cruz.
Abrilhantando o evento, a Banda Tok Special, com repertório preparado especialmente para o agrado dos dançarinos de Rio Claro e região que estarão prestigiando o evento.
As reservas de mesas, ao preço de R$20,00, para o baile de aniversário dos 62 anos de fundação da Sociedade Veteranos podem ser feitas na Secretaria do clube. Mais informações pelo fone 3524-2424 e também na web: http://www.sociedadeveteranosderioclaro.blogspot.com ou ainda na página da Sociedade Veteranos no Facebook.

Estados Unidos: Conheça a rota do queijo pela Califórnia

E. Cortez

Um dos grandes atrativos da Califórnia, famoso até em filmes, é conhecer os diversos vinhedos do estado. Muitos fazem o roteiro com devoção e, juram, encontram passeios e vinhos tão agradáveis como na França ou na Itália. Pois agora cresce no estado um novo itinerário, também com um ar totalmente europeu: a rota do queijo.
A Califórnia é o local onde estão alguns dos mais importantes produtores de queijos especiais do país e, assim como ocorreu com o vinho, viveu uma fase de sofisticação e diversificação. Assim, no roteiro, é possível encontrar produtos artesanais e familiares de dar água na boca.ESTADOS UNIDOS (1)
Separe um final de semana ou dois para conhecer os principais estabelecimentos da Rota. Com mais de 70 produtores e vários quilômetros que separam as cidades de Sonoma e Marín, até nas proximidades de Los Angeles, que fica fora do mapa do vinho, é quase impossível conhecer tudo – por isso, a dica é pesquisar o que mais interessa e traçar sua própria rota. No site cheesetrai.org.br encontramos uma lista com os produtores e informações sobre reservas e preços.
O site ajuda a organizar a viagem e, de quebra, permite baixar um aplicativo que torna o roteiro mais fácil — com a vantagem que pode ser facilmente feito de carro, sem a necessidade de ter um “motorista designado”, como na viagem onde o vinho é o carro-chefe.
Em muitas propriedades é possível ver toda o processo de fabricação do queijo, conhecer a história do produtor e as instalações do estabelecimento. Mas, o mais importante é provar os produtos. Diversos locais preparam pratos especiais tendo queijos como mozarela e ricota de búfala como base, feitos por produtores de localidades como Tomales (a cerca de uma hora ao norte de São Francisco). Não faltam são opções, tanto pela origem do queijo — leite de cabra ou de vaca —, como de tipos de passeios e ofertas de diversão.
Com mais de 40 hectares, a Fazenda Barinaga é uma das grandes produtoras da rota. Por lá, é possível fazer um tour pela propriedade, conhecer de perto a criação dos animais e ainda degustar deliciosos queijos artesanais que são fabricados no local.

Sexta-feira termina a missão espacial não tripulada mais bem sucedida da história

Livio Oricchio, de Nice, França

A missão não tripulada enviada ao espaço mais bem sucedida de todos os tempos terá o seu Grand Finale sexta-feira, dia 15. Estou falando da Missão Cassini, que de quando entrou em órbita no fascinante sistema de Saturno, com seus anéis e luas, em 2004, depois de ter sido lançada em 1997, revolucionou nosso conhecimento não apenas dos objetos estudados, mas de nossa compreensão do sistema solar.

Sem falar na contribuição sem igual na busca por formas de vida fora da Terra. Cassini descobriu que duas luas de Saturno, Encélado e Titã, podem abrigar vida. Falaremos mais disso.

Nesse momento a sonda Cassini está em órbita de Saturno, a uma distância aproximada de 1 bilhão e 250 milhões de quilômetros de nós aqui na Terra. É tão loge que as fotos enviadas para o centro de controle da missão, no Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa (JPL), em Pasadena, Califórnia, levam 1 hora e 20 minutos para serem recebidas. E viajam a velocidade de luz, 300 mil quilômetros por segundo.
Você pode acompanhar, ao vivo, o andamento da Cassini através deste link:
https://saturn.jpl.nasa.gov/mission/saturn-tour/where-is-cassini-now/

Repare que em relação a Terra a Cassini se desloca a impressionantes 84 mil quilômetros por hora. A nave se aproxima velozmente das nuvens mais altas de Saturno, onde sexta-feira penetrará para ser destruída. Isso mesmo, o atrito com as camadas de hidrogênio e hélio, os gases mais presentes no planeta dos anéis, fará com que a sonda seja pulverizada. Dentro de um mês, apenas, a Cassini completaria 20 anos de vida no espaço e alguns de seus sistemas já não funcionam como no início da missão.

Os vários recursos da Cassini, como instrumentos capazes de mensurar com precisão a magnetosfera de Saturno, a composição atmosférica, registrar imagens na luz visível, infravermelho e ultravioleta, dentre outros, são alimentados com eletricidade produzida por três geradores termoelétricos que usam plutônio como combustível. Seus sistemas já dão sinais de desgaste, daí a decisão da Nasa de enviar comando para a sonda entrar na atmosfera do planeta, algo inédito em relação a Saturno, e enviar mais dados e fotos para análise, até o calor a “derreter”.

A missão representa uma das maiores conquistas do intelecto humano. Foi lançada no dia 15 de outubro de 1997, de Cabo Canaveral, na Flórida, e entrou em órbita de Saturno a 1º de julho de 2004. Passamos a saber com maior precisão do que é feito Saturno, uma bola gigante de gás com 120 mil quilômetros de diâmetro, dez vezes maior que o da Terra. Muitos dos mistérios dos seus anéis foram desvendados, como sua composição, dimensão e origem. Precisaríamos ilimitadas linhas para descrever o que Cassini nos revelou do complexo sistema de Saturno e suas luas.

Duas áreas em particular merecem maior destaque. O primeiro diz respeito a uma sonda que a sonda Cassini liberou. Foi no dia 14 de janeiro de 2005. A sonda Huygens, projetada para uma proeza sem precedentes, pousou na segunda maior lua do sistema solar, Titã, sexta de Saturno, em órbita do planeta a 1,2 milhão de quilômetros. Para se ter uma ideia da sua dimensão, o diâmetro equatorial de Titã mede 5.151 quilômetros, enquanto a nossa lua, uma das maiores também, 3.474.

Os cientistas ficaram entusiasmados quando viram as imagens da sonda Huygens entrando na densa atmosfera de Titã, única, e pousando na sua superfície. Descobriram que há lagos, estuários, e mares de metano. Faz tanto frio em Titã, média de 150 graus negativo, que os gases metano e etano presentes se apresentam em estado líquido. E chove em Titã, mas não água, senão metano. As condições dessa lua se assemelham a da Terra primitiva.

Outra descoberta impressionante da Cassini aconteceu quando a sonda sobrevoou a baixa altitude (o chamado flyby) outra lua, Encélado, pequena, somente 500 quilômetros de diâmetro. Descobriu que há sob a camada de gelo de água, no polo sul, água em estado líquido. Cassini detectou gêiseres de mais de 100 quilômetros de altura lançados no espaço pela força dos vapores formados nesse oceano de água de Encélado. E junto dele havia partículas de cloreto de sódio, ou seja, sal. Há, com certeza, uma fonte de calor debaixo da camada de gelo, para justificar a água salgada em estado líquido, exatamente como na Terra e onde a vida floresce.

Não é por outra razão que a Nasa e a Agência Espacial Europeia (ESA) estudam enviar para Encelado e a uma lua de Júpiter, Europa, de características semelhantes, uma missão na busca de formas de vida extraterrestre. Estima-se que sua existência, sob a camada de gelo, seja uma realidade, tomando-se por base o que acontece na Terra.

O nome Cassini é uma homenagem ao astrônomo e matemático italiano Giovanni Cassini, que entre 1650 e 1700 exerceu suas atividades científicas mais na França, na Academia de Ciências de Paris, do que próximo a Gênova, onde nasceu. E a sonda Huygens é uma reverência ao astrônomo, físico, matemático e horologista holandês Christian Huygens, cientista que avançou bastante no estudo dos anéis de Saturno e descobriu Titã, a imensa lua explorada pela sonda que leva seu nome.

O Grand Finale da Missão Cassini será transmitida ao vivo pelo site da Nasa (www.nasagov) e do JPL. Convém confirmar o horário, pois sempre pode haver algum imprevisto. A sonda vai deixar a órbita atual para começar a entrar na atmosfera do planeta dos anéis oferecendo nova gama de dados preciosos.

Antes de encerrar, alguns números para expor melhor a dimensão da Missão Cassini. Os homens do comando enviaram, nos 20 anos de sua duração, desde o lançamento, nada menos de 2,5 milhões de comandos, via rádio. A sonda fez 162 sobrevoos (flybys) das luas de Saturno e descobriu seis novas (no total são 62). Cassini completou 294 órbitas ao redor desse gigante gasoso e registrou 443.048 fotos até agora. Na entrada da atmosfera enviará outro lote precioso, pelo ineditismo, como mencionado.

O custo total da missão é de US$ 3,9 bilhões (R$ 14 bilhões), da concepção ao Grand Finale. Em troca, a humanidade ganhou, até o momento, 635 GB de dados científicos de inestimável valor. Nada menos de 27 nações participaram da Missão Cassini. Por conta do seu sucesso, outras estão em curso de produção.

liviooricchio@gmail.com

A verdade vos condenará

Carlos Brickmann

Há gente, sem a qual uma ladroeira desse porte seria inviável, festejando a liberdade. Estão enganados: o tesouro em dinheiro vivo encontrado no apartamento do amigo de Geddel traz o “Abre-te Sésamo” de investigações que poderão chegar a resultados espetaculares. Esqueçamos os dólares e euros: nossa moeda (e nosso tema) é o Real. Os quase 43 milhões de reais.
Imaginemos que o caro leitor tenha fundos para sacar R$ 30 mil de sua conta no banco. Não basta dirigir-se ao caixa: é preciso ligar antes, marcar hora, porque o banco não armazena grandes quantias. Sua transação será comunicada às autoridades e pode entrar nos cruzamentos de informações do seu Imposto de Renda. Aliás, essa comunicação às autoridades é feita a partir de retiradas, cheques ou remessas de R$ 5 mil em diante.
Como ensinou Deep Throat, o delator que ajudou os repórteres Carl Bernstein e Bob Woodward a decifrar o escândalo de Watergate, que derrubou o presidente americano Richard Nixon, siga o caminho do dinheiro. Como é que Geddel pôde juntar R$ 43 milhões sem explicações?
Ou os bancos não informaram as autoridades ou as autoridades fecharam os olhos. Nos dois casos, a falha é suspeita. Não se diga que os corruptores já mandaram as propinas em dinheiro vivo: grandes empresas fazem transferência bancária, pagam em cheque, emitem boletos. Esta é a hora de seguir o caminho do dinheiro. Chegarão aos bancos, ao Governo, a ambos?
Os puros
No quadro de investigações e denúncias da Lava Jato e conexos, brilham os bancos pela ausência. Devemos imaginar que nenhum banco nacional ou estrangeiro concordou em dar apoio a campanhas eleitorais, em nome, claro, da democracia? Nenhum terá oferecido um pixuleco a quem poderia ajeitar alguma situação desconfortável? Nem o BNDES, fonte inesgotável de empréstimos a juros baixíssimos, subsidiados por nós, a empresas como a J&F, de Joesley, controladora de JBS, Friboi e outras? É difícil acreditar que justo quem trabalha com dinheiro nunca tenha sido procurado.
Os impolutos
Há casos que mostram bom relacionamento entre bancos e governantes. Um ocorreu quando uma analista de investimentos fez previsões sombrias, e o próprio Lula exigiu sua demissão (lembra? “Essa moça que falou não entende porra nenhuma de Brasil e não entende nada de governo Dilma. Manter uma mulher dessas num cargo de chefia… Pode mandar embora e dar o bônus dela para mim que eu sei como é que falo”). O banco demitiu a analista imediatamente. Ninguém terá recebido o tal bônus, como agrado?
O demolidor
Não nos esqueçamos de que o ex-ministro Antônio Palocci fez um depoimento devastador por conta própria, sem delação premiada. Ele, antes de qualquer outro petista, estabeleceu contato com os bancos. Sabe o que o sistema financeiro fez no verão passado. Sua delação premiada promete.
O autogolpe
“Quando a esperteza é muita”, ensinava o sábio político mineiro Tancredo Neves, “vira bicho e come o dono”. Joesley Batista pensava ser esperto, depois que gravou uma conversa comprometedora com Michel Temer, para entregá-la à Procuradoria, em troca de pagar uma multinha, ficar livre e se mudar com a família, o dinheiro e as empresas para os EUA.
O mundo real
Não era tão esperto assim. Numa gravação que entregou à Procuradoria, havia uma conversa com assessores diretos em que diz grosserias sobre a presidente do Supremo, usa frases que lançam suspeitas sobre as relações com um procurador que o investigava (e logo se demitiu, mudando de lado, para trabalhar com seus advogados), insinua ter sob controle vários ministros do STF. Há duas versões sobre o áudio que gravou e entregou:
a) Não conhecia direito o gravador, que se liga sozinho quando há som. Ao apagar a gravação, não sabia que ela fica fora do alcance, mas um perito a recupera. Só é mesmo apagada quando algo for gravado em cima.
b) Queria vincular seus assessores à delação, para evitar traições.
Em qualquer caso, agiu como amador. E a Polícia Federal é profissional.
Sonho impossível
Joesley tinha um sonho: fazer a delação premiada antes de ser preso, ficar livre, levar suas empresas para os Estados Unidos (talvez a holding J&F para a Irlanda, onde a tributação é mais civilizada), viver no Primeiro Mundo. Acontece que o acordo da delação prevê a perda dos benefícios em caso de omissões ou falsidades. Seus bens podem ficar indisponíveis. Ele e as empresas podem ser acusados de lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. As ações podem ser leiloadas para cobrir multas e prejuízos. O segundo maior acionista do grupo, o BNDES, passaria a controlador). Temer não perderia a chance de se vingar. Quem tudo quis nada vai ter.

COMENTE: carlos@brickmann.com.br
Twitter: @CarlosBrickmann

Deus escreve certo por linhas tortas…

Por: Eduardo Sócrates Bergamaschi

Uma das mais discutidas e polêmicas decisões judiciais dos últimos tempos foi a premiação dada a Joesley Batista em sua delação premiada acordada com Rodrigo Janot, procurador-geral da República.
Por esta decisão, o procurador recebeu bombardeio de todos os lados: da população, da imprensa e até de alguns de seus parceiros de judiciário.
Na verdade ninguém entendia o porque de um réu confesso ficar livre de prisão, mesmo colaborando com a justiça para desbaratar tramas maquiavélicas.
Mas o destino, será mesmo o destino?, colaborou para que o procurador pudesse “limpar sua barra”. Uma gravação veio parar em suas mãos, onde percebeu-se que os delatores, criminosos confessos, mostravam que sabiam muito mais do que delataram anteriormente, o que possibilitou a quebra do acordo de delação premiada anteriormente assinado.
Pronto, nos últimos dias como procurador-geral da República, Janot enviou ao STF (Supremo Tribunal Federal) nessa sexta (8) um pedido de prisão dos delatores da JBS Joesley Batista e Ricardo Saud e também do ex-procurador Marcello Miller.
A motivação que levou Janot a tomar esta posição não importa, o que importa mesmo é que a justiça está sendo feita.
Muito embora a solicitação de Janot ainda será analisada pelo ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato na corte e o responsável pela homologação do acordo de delação dos executivos do grupo, não se acredita que diante das inúmeras provas a posição do ministro seja outra que não a confirmação da prisão.
Mas, mesmo assim, vai ficar a pergunta que não quer se calar: “Depois de ganharem a maior premiação do mundo, os delatores ficaram fazendo troça do Ministério Público, do Supremo Tribunal Federal e em especial do procurador-geral, a quem consideraram extremamente ingênuo. Depois do vexame, desculparam-se afirmando que tudo o que disseram na gravação sobre Rodrigo Janot e o Supremo Tribunal Federal não é verdade!”. Então, porque será que os “delatores premiados” deixaram que esta gravação chegasse às mãos de Janot? Ingenuidade? Nem pensar. Burrice? Muito menos? Então…
Moral da história: “Os mais céticos dirão que justiça está sendo feita. Os mais religiosos dizem que é Deus escrevendo por linhas tortas. Aqueles que convivem mais neste meio político, porem, dirão: sei não…

O problema não é só o teto constitucional!

A presidente do Supremo Tribunal Federal vem tomando providências para que os super salários sejam explicados, justificados e, se ilegais, banidos das folhas de pagamento do Judiciário. Cármen Lúcia mexe num vespeiro. Ayres Brito e Nelson Jobim, ex-presidentes do Supremo, tentaram, sempre com grandes resistências dos próprios presidentes dos 90 tribunais do País, que tinham, até o último dia 4, para apresentar os dados sobre os pagamentos feitos a magistrados de janeiro a agosto de 2017. Deverão, ainda, a partir de setembro, informar as folhas de salários até cinco dias após os depósitos para os juízes.
Tudo é muito obscuro quando a questão envolve o freio previsto no chamado teto constitucional, que limitaria, ao menos em tese, os salários em R$ 33,7 mil.
Das informações que se têm acesso (tudo é muito reservado, não obstante a Lei de Acesso à Informação permitir que qualquer cidadão saiba o quanto ganham servidores país afora), constata-se que a maioria dos magistrados ganha mais do que o teto, sob argumentos e justificativas legais e técnicas as mais variadas possíveis, tais como, além da base/remuneração, vantagens pessoais, indenizações, vantagens eventuais, gratificações, diárias, auxílios disso e daquilo e por aí vai. Há juízes condenados e afastados que ainda continuam ganhando vencimentos impressionantes, sem trabalhar!
É quase certo que Cármen não conseguirá seu intento. O corporativismo é forte no segmento e o que já se incorporou no bolso são favas contadas. Acredita-se que a Corregedoria Nacional de Justiça não terá condições de abrir procedimentos contra os presidentes de tribunais que não fornecerem os dados e números completos, mesmo que cometam, ao menos em tese, crime de desobediência. Em 2012 o Conselho Nacional de Justiça tentou impor ao Judiciário o cumprimento do teto constitucional, porém vários tribunais nem deram bola, ficando tudo como dantes no quartel d’Abrantes
O ex-ministro Ayres Brito ponderou em matéria à ISTOÉ que o “corporativismo é um dos três pilares do patrimonialismo, ao lado da corrupção e do desperdício. Na democracia tudo vem à luz, não tem como esconder. A democracia não vence por nocaute, ela vence por pontos. Enfrentamos um renitente e insidioso corporativismo. O apego à velha ordem e às suas velhas práticas é muito forte. Mas vai ser vencida”.
O foco é que magistrados devem ser muito bem remunerados, não há dúvida. A dificuldade do concurso de ingresso à carreira, a dedicação exclusiva, o volume de trabalho e a responsabilidade que lhes cabe ao decidir sobre liberdade e patrimônio são inquestionáveis. Outrossim, incontestavelmente todos devem se adequar ao teto constitucional, porque a Lei e a Constituição valem para todo mundo. Chega a ser constrangedor e até perigoso que o valor de salários venha a público escancaradamente, pondo em risco magistrados e famílias, especialmente quando violado o teto e pagos salários estratosféricos, nivelando toda uma classe que, em sua grande maioria, é digna de respeito e admiração. O tema é palpitante e estampa diariamente todos os principais órgãos de imprensa do Brasil.
Porém, o que mais preocupa aos Advogados não é o teto em si (dificilmente alguma coisa irá mudar), mas o dia-a-dia da magistratura e seus reflexos no trabalho forense. Leia-se a condenável postura de magistrados que produzem pouco, são letárgicos, não estudam os casos e o Direito, não decidem de maneira adequada e ainda criam toda ordem de problemas às partes envolvidas nas mais variadas discussões forenses. Mais do que o teto, preocupa à Advocacia o juiz que não está em seu gabinete das 13 às 19 horas diariamente para receber advogados, aquele que não dinamiza o seu acervo, demora ou não prioriza a liberação de valores às partes e de guias de honorários aos advogados, cria empecilhos processuais e faz exigências despropositadas na condução dos processos, atende mal (quando atende) aos advogados, produz decisões lacônicas, superficiais, estereotipadas e passíveis de mais e mais recursos, e por aí vai.
Isso sim é preocupante. Disso ninguém está falando, nem mesmo Cármen Lúcia, uma pena!
William Nagib Filho – Advogado

Prefeitura faz melhorias no terminal rodoviário

Com média mensal de 23 mil embarques, o terminal rodoviário de Rio Claro está recebendo uma série de serviços de manutenção e melhorias providenciadas pela prefeitura. Neste momento a equipe da Secretaria Municipal de Segurança, Defesa Civil e Mobilidade Urbana está renovando a pintura do prédio, que será refeita em toda a parte externa e nas áreas de circulação dos usuários do serviço.
“Há anos o terminal rodoviário não recebia manutenção adequada”, comenta o diretor de Mobilidade Urbana, Adilson Marques. “Vamos deixar esse espaço mais bonito, pois se trata de uma referência tanto para os que moram aqui quanto para quem vem de fora”, acrescenta.PREFEITURA FAZ MELHORIAS NA RODOVIÁRIA (1)
A lista de adequações inclui melhorias nos banheiros, com troca de piso e renovação de peças que atualmente estão em condições precárias de uso. Na parte externa, a sinalização de solo será refeita, para melhorar a orientação dos motoristas. “Em um terceiro momento, pretendemos fazer melhorias também na iluminação da rodoviária”, explica Marques.
Recentemente a região onde fica o terminal rodoviário, perto da entrada da cidade pela rodovia Washington Luís, recebeu grande reforço na segurança com a entrega da primeira Central de Segurança Integrada (CSI) do município, com presença 24 horas da Guarda Civil e espaço para o trabalho das polícias civil e militar.

Defesa Civil controla incêndio em área de difícil acesso na Floresta

Novo foco de incêndio foi contido na Floresta Estadual Navarro de Andrade (Feena) pela Defesa Civil de Rio Claro e equipe da Feena. A ação, realizada na tarde de terça-feira (5), foi mais um trabalho da operação De Olho na Queimada, em que o monitoramento das áreas de risco é intensificado durante o período de clima seco.
“Dessa vez o fogo atingiu uma área de difícil acesso e densa vegetação”, relata o diretor da Defesa Civil, Wagner Martins Araújo.DEFESA CIVIL CONTROLA INCÊNDIO NO HORTO (1)
O trabalho da prefeitura para prevenir incêndios e combater o fogo prossegue em Rio Claro. A Secretaria Municipal de Segurança, Defesa Civil e Mobilidade Urbana pede a colaboração da comunidade, que não deve atear fogo em terrenos, canteiros centrais, rotatórias e áreas verdes. Os contatos com os bombeiros são feitos pela linha 193 e com a Defesa Civil, pela linha 199.

Primeiros pacientes são chamados para atendimento nas Carretas da Saúde

A prefeitura de Rio Claro começou nessa quarta-feira (6) a fazer contatos telefônicos marcando atendimentos nas Carretas da Saúde, a partir do próximo dia 20. Os telefonemas são feitos pela Central de Regulação Ambulatorial da Secretaria da Saúde, que orienta os pacientes quanto a dia, horário e demais procedimentos necessários. As carretas ficam no Espaço Mais Saúde, na Avenida Rio Claro entre avenidas 12 e 10, região central, e fazem parte de uma série de ações do governo municipal para reduzir as filas de espera na rede municipal de saúde.
As primeiras consultas serão nas especialidades oftalmologia e vascular. “O agendamento é feito seguindo os critérios da regulação ambulatorial”, explica Eleny Almeida, diretora da Gestão SUS em Rio Claro e responsável pelos agendamentos para as Carretas da Saúde. “Quem estiver na fila espera deve aguardar o nosso contato”, acrescenta.
Para ser atendido nas Carretas da Saúde é necessário que o paciente tenha passado por uma unidade de saúde da rede municipal. As principais informações sobre o atendimento nas unidades móveis do Mais Saúde estão disponíveis na internet, no site da prefeitura pelo link: www.rioclaro.sp.gov.br/includes/folder_web02.pdf
As Carretas da Saúde representam investimento inicial de R$ 5 milhões. Todos os procedimentos médicos serão pagos pelo município seguindo a tabela do SUS. Nas carretas, a prefeitura oferece consultas médicas, realização de exames e de pequenas cirurgias. A prefeitura também criou linha de ônibus gratuita, para os pacientes e acompanhantes, fazendo o trajeto entre o terminal de ônibus urbano, na antiga estação ferroviária, até o Espaço Mais Saúde.
Além da iniciativa inédita de montar um complexo médico-hospitalar com unidades móveis no município, o programa Mais Saúde da prefeitura inclui ações como a implantação da Farmácia Todo Dia, com atendimento nos finais de semana e feriados, e a retomada da construção de seis unidades de saúde da família que tiverem obras paralisadas na administração anterior.

Juninho recebe protetores de animais

Na tarde de terça-feira (5), o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, recebeu um grupo de protetores de animais para falar sobre denúncias de supostos maus tratos e o atendimento realizado pelo canil municipal. Representantes de entidades de proteção e defesa animal foram informados sobre as providências tomadas pela prefeitura para averiguar os fatos.
Tão logo informado sobre as denúncias no início de agosto, o prefeito determinou a abertura de sindicância para apurar os fatos. Juninho reafirmou sua disposição de punir eventuais culpados apontados pela investigação, sem que sejam feitos pré-julgamentos. “Não admito, não tolero e não aceito maus tratos contra pessoas e animais”, disse ressaltando a importância do diálogo e do apoio das entidades para a realização de um bom trabalho em prol dos animais.
Também presente à reunião, o procurador jurídico Rodrigo Ragghiante, informou que a empresa que presta serviços no canil foi notificada na terça-feira (5) por possível infração contratual. A empresa tem até segunda-feira (11) para apresentar sua defesa à prefeitura. “Vamos aguardar manifestação da empresa para definir o que será feito”, informou.
O vice-prefeito e secretário de Segurança, Marco Antonio Bellagamba, observou que o foco da discussão tem que ser os animais e que as denúncias de possíveis irregularidades devem ser formalizadas e encaminhadas à sindicância para apuração. “Tudo tem que ser posto a termo para que as denúncias sejam investigadas”, declarou.
Na manhã dessa quarta-feira (6), representantes da Uparc (União dos Protetores de Animais de Rio Claro) entregaram ao prefeito Juninho da Padaria um documento com reivindicações para melhorar o atendimento no canil e também contendo denúncias de supostas irregularidades no local. O documento foi enviado à comissão de sindicância para apuração dos fatos.JUNINHO RECEBE PROTETORES DE ANIMAIS (1) JUNINHO RECEBE PROTETORES DE ANIMAIS (2)
Da reunião de terça-feira participaram Alessandro Sonego de Almeida, da Secretaria Municipal de Meio Ambiente; Marina Franceschini, gerente do Canil Municipal; Rita Ribeiro, presidente da ONG Guardiões dos Animais de Rio Claro (Garc); Débora Dezan, vice-presidente do Garc; Márcia Ferrari Maia, do Apoio Independente a Causa Animal (Aica); Eliana Martins Pereira Alfaro, da ONG Bicho é Vida; Ana Paula Arnold e Kauê Baldin, entre outros.

Árvores frutíferas serão levadas para o viveiro municipal

As árvores frutíferas plantadas no canteiro central da Avenida 2, Jardim Floridiana, serão remanejadas para o viveiro municipal, para dar lugar ao projeto paisagístico implantado nos demais canteiros das vias do bairro, que irão receber ipês coloridos.
No local estão plantados pés de manga, jaca, romã e caju, entre outros. “Vamos retirá-las de forma correta e encaminhar ao viveiro municipal, e posteriormente iremos dar todo o cuidado necessário para plantá-las em locais adequados”, comentou o diretor do setor de manutenção da prefeitura, Tadeu Olivetti.
Recentemente a Prefeitura anunciou a implantação de rotatória para ampliar a segurança dos motoristas na Avenida 2-JF com a Avenida M-25 e disciplinar o intenso fluxo de veículos, além do plantio de ipês ao longo da via.

Fundo Social de RC tem vagas para cursos de gastronomia

Três cursos gratuitos da área de gastronomia estão com inscrições abertas Rio Claro. O Centro de Qualificação Profissional, vinculado ao Fundo Social de Solidariedade, tem vagas para cursos voltados ao preparo de diferentes alimentos. Em um dos cursos os alunos aprenderão como fazer canapés quentes e frios, em outro, sanduíches quentes e frios e há também a opção do curso de docinhos para festas.
“A expectativa é de que as aulas tenham início até o fim deste mês”, observa Paula Silveira Costa, presidente do Fundo Social. Os cursos serão realizados em sequência, assim que a primeira turma concluir a capacitação, será iniciado o curso seguinte.
Cada um dos três cursos terá carga horária de 14 horas, sempre com aulas no período noturno, das 19 às 22 horas. As aulas são ministradas de segunda a quinta-feira.
Para se inscrever o candidato deve procurar o Centro de Qualificação, onde o atendimento é feito de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas. É necessária a apresentação de cópia do RG, CPF e comprovante de residência.  Caso o número de interessados ultrapasse o de vagas, haverá seleção dos inscritos. O Centro de Qualificação Profissional, Inclusão Digital e Produtiva, fica na Avenida Visconde do Rio Claro, número 150, entre avenidas 28 e 30.

Memórias de Midiel

O livro foi idealizado por sua filha Fátima Christofoletti dos Santos, que durante 6 anos se dedicou em selecionar crônicas e casos escritos por seu pai. O textos em sua maioria foram publicados neste jornal. Durante 40 anos Midiel foi um dos mais assíduos colaboradores do Diário do Rio Claro. O livro reúne artigos como: “ Ah! Minha Rio Claro, Se eu fosse poeta…Eu Cantava para Ti”! “A primeira missa na região”, “Fundadores de Rio Claro”, “Os Nossos Barões” dentre outros, e em cada texto a gente relembra o requintado português de seu Midiel. Quanta saudade nos envolve neste livro não apenas pelos assuntos mas também pela carinhosa figura do nosso amigo Midiel.
O evento contou com a participação de mais de 200 pessoas entre amigos, familiares ou descendentes de seus personagens, mas todos com algo em comum. Durante o coquetel de lançamento do livro os amigos enalteceram a figura do Sr. Midiel com grande carinho. Ao ocupar a tribuna o deputado Estadual Aldo Demarchi, além de relembrar a figura especial do Sr. Midiel, anunciou seu projeto que está em tramitação junto a Câmara de Deputados para aprovação da lei que dará nome à Estrada Principal da FENA (Floresta Estadual Navarro de Andrade) de Midiel Christofoletti.

livro midiel (59) livro midiel (60) livro midiel (61) livro midiel (62) livro midiel (63) livro midiel (64) livro midiel (65) livro midiel (66) livro midiel (67) livro midiel (68) livro midiel (69) livro midiel (70) livro midiel (71) livro midiel (1) livro midiel (2) livro midiel (3) livro midiel (4) livro midiel (5) livro midiel (6) livro midiel (7) livro midiel (8) livro midiel (9) livro midiel (18) livro midiel (17) livro midiel (16) livro midiel (15) livro midiel (14) livro midiel (13) livro midiel (12) livro midiel (11) livro midiel (10) livro midiel (19) livro midiel (20) livro midiel (21) livro midiel (22) livro midiel (23) livro midiel (24) livro midiel (25) livro midiel (26) livro midiel (27) livro midiel (28) livro midiel (29) livro midiel (30) livro midiel (31) livro midiel (32) livro midiel (33) livro midiel (34) livro midiel (35) livro midiel (36) livro midiel (45) livro midiel (44) livro midiel (43) livro midiel (42) livro midiel (41) livro midiel (40) livro midiel (39) livro midiel (38) livro midiel (37) livro midiel (46) livro midiel (47) livro midiel (48) livro midiel (49) livro midiel (50) livro midiel (51) livro midiel (52) livro midiel (53) livro midiel (54) livro midiel (57) livro midiel (56) livro midiel (55)

Coluna Edmar Ferreira

Excelente notícia para o Rio Claro FC. Técnico Sérgio Guedes está de volta e comandará o Azulão na Série A-2 do Campeonato Paulista. Acho que é a pessoa certa para o lugar certo. Quase subiu para a elite no ano passado e por pouco não decidiu a Copa Paulista. Tem tudo para realizar um grande trabalho em 2018.
A 23ª rodada do Brasileirão tem início hoje com três jogos: 16h – Atlético-MG x Palmeiras; 18h – Vasco da Gama x Grêmio e 19h – São Paulo x Ponte Preta. Amanhã, 11h – Atlético-PR x Coritiba; 16h – Sport x Avaí, Santos x Corinthians e Vitória x Fluminense e às 19h – Botafogo x Flamengo e Chapecoense x Cruzeiro. Na segunda-feira, 20h – Atlético-GO x Bahia.
A classificação está assim: 1) Corinthians 50, 2) Grêmio 43, 3) Santos 38, 4) Palmeiras 36, 5) Flamengo 35, 6) Cruzeiro 31 e Botafogo 31, 8) Atlético-PR e Fluminense 30, 10) Atlético-MG e Sport 29, 12) Vasco da Gama 28, 13) Ponte Preta 27, 14) Bahia e Coritiba 26, 16) Vitória, Chapecoense e Avaí 25, 19) São Paulo 23 e 20) Atlético/GO 18.
Meus palpites para esta rodada: Atlético-MG 2 x 0 Palmeiras, Vasco da Gama 0 x 0 Grêmio, São Paulo 1 x 0 Ponte Preta, Atlético-PR 2 x 0 Coritiba, Sport 3 x 1 Avaí, Santos 1 x 1 Corinthians, Vitória 1 x 2 Fluminense, Botafogo 0 x 1 Flamengo, Chapecoense 0 x 0 Cruzeiro e Atlético-GO 0 x 3 Bahia.
O goleiro Jailson treinou com bola no Palmeiras e pode antecipar seu retorno aos gramados. A recuperação deixou o departamento médico do Verdão bastante animado. Mas ainda não há data prevista para a sua volta. Querido pela torcida, Jailson se machucou no dia 9 de agosto, na eliminação para o Barcelona, do Equador, nas oitavas de final da Taça Libertadores da América.
Thiago Martins é o novo reforço do Bahia. O zagueiro se recuperou de uma lesão no ligamento cruzado do joelho esquerdo, ocorrida em um jogo-treino do Palmeiras no mês de março. O jogador fez apenas dois jogos pelo Verdão em 2017 e vinha trabalhando normalmente com bola. Porém, não estava nos planos do técnico Cuca. Thiago Martins tem contrato com o Palmeiras até dezembro de 2019. No total, fez 35 jogos com a camisa alviverde e marcou quatro gols.
Jogos de hoje pela 23ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro: 16h30 – Juventude x Internacional/RS e Criciúma x Luverdense e às 19h – CRB x Oeste e ABC x Santa Cruz. Já tivemos: Guarani 0 x 0 Vila Nova, Goiás 0 x 1 Paraná Clube e Náutico 1 x 0 Brasil/RS.
Flamengo e Cruzeiro empataram em 1 a 1, no Maracanã, no primeiro jogo da final da Copa do Brasil. Os dois gols foram assinalados na etapa complementar. O atacante Lucas Paquetá, em posição irregular, abriu o placar para os cariocas. Mas o meia uruguaio Arrascaeta aproveitou uma falha do goleiro Thiago para igualar o marcador. Fico imaginando se fosse o Alex Muralha.
A finalíssima da Copa do Brasil será realizada no próximo dia 27, uma quarta-feira, no Mineirão, em Belo Horizonte. Caso haja um novo empate, por qualquer placar, a decisão do título será na disputa por pênaltis. Ainda aposto no Mengão, mas o favoritismo passou para os comandados de Mano Menezes.
Lanterna do Grupo 1 da Copa Paulista com apenas 6 pontos, o Velo Clube enfrenta o Penapolense, hoje às 18h, em Penápolis. Na rodada passada, o Rubro-Verde perdeu para o XV de Piracicaba, em pleno Benitão, por 3 a 0. Ontem jogaram pelo mesmo grupo Noroeste x Linense e XV de Piracicaba x Ferroviária. Sem computar esses resultados, a classificação está assim: 1) XV de Piracicaba 23, 2) Ferroviária 21, 3) Mirassol 17, 4) Linense e Noroeste 12, 6) Penapolense 7 e 7) Velo Clube 6.
Rafael Henzel aceitou participar de vários programas, com exceção do The Noite, de Danilo Gentili, no SBT. O narrador esportivo ficou com receio do humor negro do apresentador. Fez bem.
Prefeito de Chapecó, Luciano Buligon, entregou uma carta pessoalmente ao Papa Francisco no Vaticano o convidando para visitar a cidade catarinense no dia 29 de novembro, exatamente quando a tragédia completará um ano. Nessa data será inaugurado o Marco da Paz.
Boa notícia para Iracemápolis. O Cauí pode retornar as suas atividades na Segundona de 2018. Secretário de Esportes Padovan enviou um ofício para a Federação Paulista de Futebol solicitando uma vaga no Campeonato Paulista. O problema é que ela custa a bagatela de R$ 800 mil. Segundo ele, existe uma luz no fim do túnel.
A LDB está confirmada para as quatro próximas temporadas. Um dos principais feitos do basquete brasileiro nos últimos anos, a competição de base teve sua continuidade assegurada por conta de um projeto da LNB com o CBC (Comitê Brasileiro de Clubes).
Tal acordo garante a realização de mais quatro edições, entre 2017 e 2020. O projeto tem o valor de cerca de de R$ 6,5 milhões no total. A LNB continuará a coordenar a competição, com o CBC (Comitê Brasileiro de Clubes) e com a chancela da Confederação Brasileira de Basketball (CBB), que participará do planejamento e fornecerá ainda a arbitragem, além de colaborar com a comunicação do evento.
Seleção Brasileira de Vôlei Feminino perdeu sua segunda partida na Copa dos Campeões. Ontem, as comandadas de José Roberto Guimarães perderam para o Japão por 3 sets a 2, parciais de 25/18, 25/27, 25/16, 16/25 e 15/6. O resultado praticamente acaba com as chances de título do Brasil no último torneio do ano.
Duas jovens tenistas dos Estados Unidos disputam hoje a grande final do US Open, quarto e último Grand Slam da temporada, que está sendo disputado em Nova York. Sloane Stephens eliminou a veterana Venus Williams por 2 sets a 1 e enfrentará Madison Keys, que passou pela compatriota CoCo Vandeweghe por 2 sets a 0.
Curiosidade do dia: A seleção da Alemanha foi a primeira a sofrer 100 gols em Copas do Mundo. O centésimo gol aconteceu no mundial de 1998, quando o mexicano Hernandez marcou o único tento na derrota de 2 a 1 para os alemães. O jogo foi realizado no dia 29/6/1998.

Equipe Canil detém menor por tráfico de entorpecentes

Na noite de terça-feira, 05/09/2017, a Equipe CANIL durante patrulhamento pelo Jd. São José, realizou abordagem em um indivíduo na avenida M43 X rua 9 – próximo a um terreno, local com histórico de ponto de venda de entorpecentes. Durante a verificação no indivíduo, tratava-se de L.V.S.D. – 16 anos, em sua posse foram encontrados 1 eppendorf contendo cocaína, 6 invólucros de maconha e a quantia de R$320,00 em espécie. Indagado, acabou confirmando que estava no local comercializando entorpecentes. Com o auxílio do cão de faro, foram encontrados no terreno mais 5 eppendorfs de cocaína, 2 pedras de crack e um pequeno tablete de maconha.
Fato foi apresentado no plantão policial, registrados BO/PC N° 8721/2017 e RO/GCM N° 1661/2017 – Ato Infracional / Tráfico de Entorpecentes. O menor foi ouvido e liberado na presença de sua avó, terá que se apresentar posteriormente na Vara da Infância e Juventude.