Sem atualizar cadastro, Rio Claro perdeu dinheiro para fazer o transporte de alunos

No ano passado, cadastro não foi feito. Agora atualizado, novo cadastro permitiu aumento de 93% no repasse estadual para os serviços no município

213
Aproximadamente 2.500 alunos da rede estadual de ensino utilizam o transporte escolar diariamente em Rio Claro

A prefeitura de Rio Claro deverá receber em novo convênio com o governo estadual o valor de R$ 5,6 milhões para custear o transporte escolar de alunos da rede estadual de ensino. A quantia é 93% maior que o montante recebido no convênio anterior, que foi de aproximadamente R$ 2,9 milhões. A diferença de R$ 2,7 milhões a mais só está sendo possível porque a Secretaria Municipal de Educação fez o cadastramento dos estudantes atendidos pelo serviço no sistema escolar digital que controla os dados. No ano passado, isto não foi feito. O valor total do convênio é superior a R$ 7,2 milhões, sendo quase R$ 1,7 milhão de contrapartida do município.
Aproximadamente 2.500 alunos da rede estadual de ensino utilizam o transporte escolar diariamente em Rio Claro. “Todos os alunos que recebem passe escolar foram inseridos no sistema que gerou o novo número. Antes, havia discrepância nos valores porque os dados não estavam atualizados”, explica o secretário municipal da Educação, Adriano Moreira. “O município pagava para transportar esses alunos da rede estadual sem que fosse ressarcido. Esses recursos economizados poderão ser investidos em outras áreas da educação”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.
Após cadastrar os dados, a prefeitura renovou em agosto o convênio com o governo estadual. O aditamento tem validade até 31 de julho de 2018. Os repasses são mensais. Com a atualização dos dados, a parcela mensal subiu de R$ 291 mil para R$ 561 mil, valor da transferência realizada em agosto.SEM ATUALIZAR CADASTRO (2)
Hoje, o município custeia o transporte escolar de mais de oito mil estudantes. O serviço é realizado através de fretamento, por meio de convênio com a empresa Rápido São Paulo, fornecimento de passe escolar e com veículos da frota própria da Secretaria Municipal da Educação que atende sete linhas, inclusive na zona rural.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA