Coluna Edmar Ferreira

379

Flamengo e Cruzeiro começam a decidir hoje, às 21h45, no Maracanã, a Copa do Brasil. Todos os ingressos foram vendidos. Em jogo, além do título, está uma vaga na Taça Libertadores da América do ano que vem. Vale lembrar que a final não tem critério de desempate com gol fora de casa.
O Cruzeiro vai em busca do quinto título na competição, já que levantou o caneco em 1993, 1996, 2000 e 2003. Desta forma, igualaria ao Grêmio, maior campeão. O Flamengo por sua vez, conquistou o torneio em três oportunidades: 1990, 2006 e 2013.
No Flamengo, Reinaldo Rueda mantém o mistério. O treinador colombiano não poderá contar com o centroavante Paolo Guerrero, que está suspenso. Felipe Vizeu, reserva imediato, está machucado. A opção pode ser o garoto Vinícius Júnior, com Berrío centralizado. Lucas Paquetá foi testado como falso nove no último treino.
No gol a dúvida está entre Alex Muralha e Tiago. Por outro lado, o volante Willian Arão se recuperou de uma torção no tornozelo e atuará ao lado de Cuellar. Vale lembrar que Rueda não pode contar com Diego Alves, Rhodolfo, Everton Ribeiro e Geuvânio que não estão inscritos no torneio. Finalista pela sétima vez, o Mengão nunca foi derrotado em um jogo de ida nas decisões da Copa do Brasil.
Com o mesmo número de finais do Flamengo, o Cruzeiro perdeu a primeira partida decisiva em apenas uma ocasião. A única derrota do time mineiro em jogos de ida de decisões foi em 2014, com placar de 2 a 0 para o Atlético – MG.
Técnico Mano Menezes também adota mistério. São três jogadores para duas posições na frente: Arrascaeta, Raniel e Rafael Sóbis. O artilheiro Sassá não está inscrito na competição. Na lateral-direita, Ezequiel, recuperado de uma pubalgia, está confirmado. Léo e Murilo formarão a zaga, uma vez que Digão também não pode jogar o torneio. Já o volante Lucas Romero deve ficar apenas como opção na suplência.
Os dois times foram eliminados na Primeira Liga, mas alegam que estavam focados na Copa do Brasil. O Mengão caiu nos pênaltis diante do Paraná Clube. Também nas penalidades máximas o time mineiro foi eliminado pelo Londrina.
Já nas semifinais da Copa do Brasil, o Cruzeiro passou pelo Grêmio nos pênaltis. Cada time venceu por 1 a 0 como mandante. O Flamengo por sua vez, derrotou o Botafogo por 1 a 0, gol de Diego, após empate sem gols no jogo de ida disputado no Engenhão. A partida de volta da final será no dia 27 deste mês, às 21h45, no Mineirão.
Corinthians espera receber o valor que tem direito pela transferência de Paulinho para o Barcelona. Time espanhol pagou 40 milhões de euros (R$ 150 milhões) ao Guangzhou Evergrande, da China. Timão tem direito a cerca de R$ 1,2 milhão. O clube chinês é que deve efetuar o depósito.
Guilherme Arana teve uma recuperação surpreendente no Corinthians após lesão na coxa direita. O lateral-esquerdo está treinando normalmente e deve enfrentar o Santos, domingo às 16h, na Vila Belmiro, pela 23ª rodada do Brasileirão. A previsão inicial era de seis semanas, mas o jogador retornou aos gramados em apenas 17 dias. Vai depender agora do seu condicionamento físico.
Corinthians deve enfrentar o Santos com: Cássio, Fágner, Pedro Henrique, Pablo e Marciel (Guilherme Arana); Camacho, Maycon, Jadson, Rodriguinho e Romero; Jô. O volante Gabriel perdeu o lugar para Camacho, que tem um passe melhor.
Depois de empatar com a Colômbia por 1 a 1 e perder seus primeiros dois pontos nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018, Tite afirmou que ficou satisfeito com o desempenho da seleção. Na avaliação do treinador, o Brasil foi melhor do que no jogo contra o Equador e só não saiu vitorioso do Estádio Metropolitano Roberto Meléndez por conta de erros nas finalizações.
Demais resultados da 16ª rodada: Bolívia 1 x 0 Chile, Equador 1 x 2 Peru, Argentina 1 x 1 Venezuela e Paraguai 1 x 2 Uruguai. A classificação ficou assim: 1) Brasil 37, 2) Uruguai 27, 3) Colômbia 26, 4) Peru e Argentina 24, 6) Chile 23, 7) Paraguai 21, 8) Equador 20, 9) Bolívia 13 e 10) Venezuela 8. A penúltima rodada terá: Bolívia x Brasil, Chile x Equador, Colômbia x Paraguai, Argentina x Peru e Venezuela x Uruguai.
A nova arena do Atlético de Madrid pode ser inaugurada com um amistoso entre Espanha e Seleção Brasileira, no mês de novembro. O local está em fase final de construção. Tudo dependeria da classificação dos espanhóis para a Copa do Mundo da Rússia, que ainda não se confirmou. Em outubro, a Espanha enfrentará Albânia e Israel. Se não tropeçar, garante lugar na Copa e abre espaço para amistosos na data Fifa de novembro, reservada para repescagem.
A última vez que Brasil e Espanha se encontraram foi na final da Copa das Confederações de 2013, no Maracanã. Na ocasião, o time de Luiz Felipe Scolari venceu por 3 a 0, gols de Fred (2) e Neymar.
Felipe Massa pode estar de saída da Fórmula 1 mais uma vez. Seu destino pode ser a Fórmula 1. O brasileiro não foi bem nos GP’s da Bélgica e Itália e os rumores sobre sua saída da Williams aumentaram. Dificilmente seu contrato será renovado. Sergio Perez, Robert Kubica e Pascal Wehrlein são os mais cotados para substituí-lo.
Brasileiro Antônio Carlos Barbosa, que comandou a seleção brasileira feminina de basquete, é o novo técnico de Camarões, mas no masculino. Seu primeiro desafio será a Copa Africana de Nações, que será realizada este mês na Tunísia. Os camaroneses estreiam hoje contra o time da casa.
Curiosidade do dia: Ladislau Antônio José da Guia é o atacante que mais marcou gols pelo Bangu/RJ em todos os tempos. Em 325 partidas, entre 1922 e 1940, Ladislau marcou 222 gols. Ele é tio de Ademir da Guia.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA