Carretas da Saúde começam a ser montadas em Rio Claro

Na tarde de terça-feira (29) as Carretas da Saúde começaram a ser montadas no Espaço Mais Saúde, localizado na Avenida Rio Claro com a Avenida 12 em Rio Claro. As carretas estão recebendo redes elétrica e hidráulica, bem como mobiliários e equipamentos para iniciar o atendimento à população na segunda quinzena de setembro.
No Espaço Mais Saúde os pacientes poderão fazer consultas médicas, exames e pequenas cirurgias. “Estamos cumprindo o nosso compromisso com a população de melhorar o atendimento na saúde”, afirma o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.
Além da montagem das carretas, o Espaço Mais Saúde receberá cobertura de lona em formato de arena para proteger os usuários do sol e da chuva. A prefeitura também vai oferecer transporte gratuito aos pacientes por meio da Linha Mais Saúde, que fará o itinerário da estação ferroviária, na Rua 1, até o Espaço Mais Saúde.
Com as Carretas da Saúde a prefeitura espera diminuir a fila com mais de 37 mil procedimentos. “Um trabalho conjunto possibilitou a Rio Claro poder contar com mais esse investimento na saúde da nossa população. Esperamos diminuir sensivelmente essa fila de espera”, informa o secretário municipal de Saúde, Djair Francisco. Os serviços serão executados pelo Cies (Centro de Integração de Educação e Saúde) e pagos pela tabela pelo SUS (Sistema Único de Saúde). O investimento inicial da prefeitura é de aproximadamente R$ 5 milhões.CARRETAS DA SAÚDE COMEÇAM (1)
A iniciativa de trazer as carretas para Rio Claro tem o apoio da Câmara de Vereadores que em junho antecipou a devolução de R$ 1 milhão à prefeitura com o pedido de que os recursos fossem utilizados na saúde. “Com as Carretas da Saúde, haverá mais agilidade e respeito aos rio-clarenses que esperam há tempos por uma consulta, um exame ou uma cirurgia”, destaca o presidente da Câmara Municipal, André Godoy.
Nas Carretas da Saúde serão atendidas prioritariamente as pessoas que estão na fila de espera na rede pública. O chamamento será feito por meio da Central de Regulação. “Quem está na fila, deve aguardar ser chamado”, orienta Djair. Para serem atendidos nas Carretas da Saúde é necessário que os pacientes tenham passado por uma unidade de saúde da rede municipal.

Famílias de baixa renda de Rio Claro receberão conversor para sinal digital de TV

A distribuição gratuita de kits de acesso ao sinal digital de televisão vai beneficiar famílias de baixa renda de Rio Claro. Na quarta-feira (30) o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, assinou termo de cooperação com a empresa Seja Digital, que distribui os kits em todo o país, conforme exigência da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). “Com essa parceria estamos garantindo o acesso à informação para a camada menos favorecida da comunidade”, comenta Juninho, que assinou o documento em cerimônia realizada na cidade de Paulínia, com presença dos prefeitos de outros oito municípios, da diretora de Operação Regional da Seja Digital, Andrea Marques, e do diretor de Relações Institucionais da EPTV, Paulo Brasileiro.
As pessoas que terão direito a receber os kits gratuitos em Rio Claro serão avisadas pela Secretaria de Assistência Social e pela Seja Digital, que agendarão com os beneficiados a retirada dos equipamentos nos Centros de Referência de Assistência Social (Cras). “Também haverá suporte técnico gratuito para aqueles que precisarem de auxílio e orientação para instalar o kit”, explica a secretária de Assistência Social, Érica Belomi, que participou do evento em Paulínia.
De acordo com cronograma do governo federal, o sinal analógico de televisão na região de Rio Claro será extinto definitivamente no dia 29 de novembro. A partir daí, só assistirá a programação televisiva quem tiver aparelhos de TV que recebem sinal digital, ou possuírem o conversor para adaptar os televisores mais antigos.
O kit gratuito, com antena e conversor, é destinado aos beneficiários de programas sociais do governo federal, como o Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida, Tarifa Social de Energia Elétrica e outros. Em Rio Claro, o registro dos usuários de vários desses programas é feito no Cadastro Único, gerenciado em âmbito local pela prefeitura por meio da Secretaria de Assistência Social. Hoje existem aproximadamente 13 mil pessoas no Cadastro Único do município.

Prefeitura entrega revitalização da rotatória Dona Jovem

A prefeitura de Rio Claro entregou à comunidade na sexta-feira (25) a revitalização da rotatória “Jovelina dos Santos Vendrami – Dona Jovem”, localizada na Avenida 11 com a Rua 30, no final da Avenida Ápia no Jardim Paulista I. A rotatória recebeu novo paisagismo e várias melhorias que incluem a construção de passagem para pedestres para aumentar a segurança de quem circula pelo local.
A cerimônia contou com a participação de autoridades, familiares da homenageada e pessoas da comunidade. “A família Vendrami sente-se muito honrada com a homenagem”, disse Régis Luiz Vendrami, filho de Dona Jovem que estava acompanhado  do pai Nelson Francisco Vendrami e da irmã Fátima Lúcia Rodrigues Coelho.  “Hoje estamos vendo o reconhecimento pelo trabalho realizado pela minha mãe que conseguiu várias melhorias para o bairro”, destacou.
“Todos nós devemos ser jardineiros na vida, regar, tirar pragas e cuidar para colher bons frutos”, destacou o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, ao lembrar as boas ações realizadas por Dona Jovem. De acordo com ele, a revitalização da rotatória não é simplesmente uma obra e sim reconhecimento a uma pessoa que deixou sua marca no bairro. Juninho lembrou que a rotatória foi uma das poucas praças nomeadas por ele como vereador e agora teve a satisfação de, como prefeito, revitalizar o espaço. “Esse trabalho é um símbolo de que em nosso governo a periferia será lembrada”, declarou.
O vice-presidente da Câmara Municipal, Júlio Lopes, falou sobre o processo de escolha de pessoas homenageadas pelos vereadores dando nomes a praças, prédios e monumentos públicos. Segundo ele, a homenagem é feita àqueles que trabalharam pelo bem comum. “Essa é uma justa homenagem pelo trabalho realizado pela Dona Jovem que sempre atuou em benefício da comunidade”, afirmou Lopes pedindo aos moradores que ajudem a cuidar do espaço revitalizado.
Da cerimônia também participaram o vice-prefeito e secretário de Segurança, Marco Antonio Bellagamba; Paula Silveira Costa, presidente do Fundo Social de Solidariedade; Paulo Roberto de Lima, secretário de Obras; Emilio Cerri, secretário de Agricultura; Ronald Penteado, secretário de Esportes e Turismo; os vereadores Geraldo Voluntário, Irander Augusto, Val Demarchi e Rafael Andreeta; além de familiares da homenageada e populares.

Defesa Civil, bombeiros e equipe da Feena controlam novo incêndio na Floresta Estadual

Novo foco de incêndio na Floresta Estadual Navarro de Andrade (Feena) na noite de terça-feira mobilizou a Defesa Civil de Rio Claro e bombeiros que, junto com equipe da Feena, tiveram muito trabalho para controlar o fogo. A contenção do incêndio se estendeu por horas e foi finalizada por volta das 21h30.
“O início da semana exigiu trabalhos redobrados por conta das queimadas”, diz o diretor da Defesa Civil rio-clarense, Wagner Martins Araújo. “Ainda na terça-feira tivemos que combater focos de incêndio nas áreas sul e oeste da cidade”, acrescenta.
A operação “De Olho na Queimada” prossegue em Rio Claro. A ação da Defesa Civil intensifica o monitoramento para combater incêndio e queimadas, redobrando a atenção nas áreas mais sensíveis a incêndios, como o entorno da Floresta Estadual.

RC está em comissão que vai orientar conselhos paulistas de pessoas com deficiência

Rio Claro integra comissão que vai elaborar ações de fomento e orientação para reestruturação de conselhos municipais voltados à defesa das pessoas com deficiência no estado de São Paulo. Araras, Bragança Paulista e Paulínia são as outras cidades integrantes da comissão, que é fruto das discussões realizadas no encontro regional realizado em Hortolândia na sexta-feira, dia 25. O município rio-clarense está representado na comissão pelo assessor de Direitos da Pessoa com Deficiência de Rio Claro, Paulo Meyer, e pelo analista de Políticas Públicas, Vilson Andrade, ligados à Secretaria Municipal de Cultura.
Segundo Meyer, o trabalho que a prefeitura vem desenvolvendo no setor inclui amplo apoio ao Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência. “Fazendo parte dessa comissão podemos levar experiências do município e trazer outras vivências na área”, comenta, lembrando que Rio Claro está engajado nas lutas e ciente dos desafios para garantir a inclusão da pessoa com deficiência. De acordo com Vilson Andrade, uma das providências da comissão será a elaboração de cartilha detalhando ações dos conselhos municipais.RC ESTÁ EM COMISSÃO QUE VAI ORIENTAR CONSELHOS (1)
A presidente do Conselho dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Rio Claro, Sonia Carrocine, esteve presente ao encontro em Hortolândia e destaca a importância do evento. “Foi muito proveitoso e o fato de Rio Claro estar presente mostra nosso empenho em aperfeiçoar a atuação do Conselho em nossa cidade”, frisa, lembrando que para isso é fundamental que o município trabalhe em sintonia com o núcleo regional dos conselhos. O núcleo ao qual Rio Claro pertence abrange 90 cidades.

Programa Veterinário Mirim em defesa do bem estar animal avança com projeto de Ney Paiva aprovado pela Câmara

Com este objetivo, o vereador Ney Paiva (DEM) apresentou o Projeto de Lei 29/2017 o qual foi aprovado pela Câmara de Rio Claro em segunda discussão que institui o Programa Veterinário Mirim no município.
“Uma situação é gostar de animais. Outra é saber corretamente como tratá-los”, comentou o parlamentar ao defender a apresentação da proposta no Plenário ao fazer alerta sobre a questão das zoonoses. “A meu ver, o trabalho ganha consistência a partir do momento que o público infantil se torna agente multiplicador de informação”, avalia Ney Paiva ao incluir no projeto que o programa é destinado aos alunos da rede municipal de ensino.
Pela proposta, aprovada por unanimidade pelo Legislativo, as atividades, que vão incluem concursos de desenhos, frases ou redações, estimulando o desenvolvimento educacional, serão realizadas anualmente.
O parlamentar detalha a implantação do projeto abrindo espaço para que a sua efetivação seja feita através de parcerias com Organizações Não Governamentais, as ONGs, que atuam na defesa dos direitos dos animais. “Também teremos apoio do Legislativo Municipal, Canil, Centro de Controle de Zoonoses e empresas dos setores público e privado”, afirmou o vereador.
Para Ney Paiva, este projeto vai evitar vários transtornos que norteiam o dia a dia dos animais. Entre eles, a reprodução indesejada, abandono, mordeduras, acidentes de trânsito, entre outros. “Somente com atividades de educação realizadas de maneira articulada e simultânea é que se pode alcançar o sucesso no controle populacional de cães e gatos assegurando assim qualidade de vida melhor tanto para o ser humano quanto para os animais”, defende o parlamentar ao encabeçar o Programa Veterinário Mirim.

Liberação de recurso e transporte gratuito marcam as ações da Câmara em prol das Carretas da Saúde

Agora é realidade. As Carretas da Saúde encontram-se no Espaço Mais Saúde na Avenida Visconde do Rio Claro desde a última terça-feira, 29. Os ambulatórios móveis do Cies Global (Centro de Integração de Educação e Saúde), empresa vencedora da concorrência, têm capacidade para atender cerca de 400 pessoas por dia.
“A gestão pública tem de priorizar ações que atendam os que mais precisam”. Com esta frase o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria salienta que a partir de agora Rio Claro escreve uma nova página na história da saúde do município. “As Carretas da Saúde chegaram e vão ajudar a população que está há muito tempo esperando por atendimento”, acrescentou o prefeito ao frisar que hoje a fila de espera atinge a marca de 37 mil procedimentos.
O presidente da Câmara de Rio Claro, avalia que as Carretas da Saúde chegaram a Rio Claro e com elas “o compromisso assumido com nossa população começa a ser transformado em realidade. É Mais Saúde, agilidade e respeito aos rio-clarenses que esperam há tempos por uma consulta, um exame ou uma cirurgia”.
O presidente, enfatizou ainda que a Câmara, com apoio de todos os vereadores, fez a sua parte. “Com um novo modelo de gestão, baseado na economia dos recursos públicos e eficiência, conseguimos repassar R$ 1 milhão para esse novo serviço que prioriza o atendimento médico aos que mais precisam”, completou.
Outra iniciativa da Câmara diz respeito ao transporte das pessoas que serão atendidas pelo programa. A pedido dos vereadores, a Prefeitura vai disponibilizar a Linha Saúde que vai levar os pacientes que possuem atendimentos agendados da antiga estação ferroviária central ao Espaço Mais Saúde garantindo também o retorno com segurança ao mesmo ponto. “Desta forma, de qualquer parte do município basta o cidadão utilizar o transporte coletivo até o terminal central de ônibus e de lá será levado gratuitamente até o Espaço Mais Saúde”, comentou o presidente André Godoy ao agradecer o prefeito Juninho da Padaria por atender mais esta solicitação do Legislativo.
O secretário municipal de Saúde Djair Francisco explica que a chegada das Carretas da Saúde dá início ao que denomina de amplo trabalho de preparação, processo que antecede o início do atendimento ao público na segunda quinzena de setembro deste ano.
Segundo Djair, as carretas, nos próximos 17 dias, vão ser equipadas e os profissionais envolvidos receberão treinamentos específicos. “O local será aberto ao público no dia 15 de setembro. Antes disso, a empresa responsável pelo serviço vai treinar desde os profissionais de portaria até os médicos”, observa o secretário. “É preciso equipar as carretas e também instalar todos os sistemas de funcionamento: o da empresa e o que funcionará junto com o da Fundação Municipal de Saúde (FMS) por conta da Central da Regulação”, detalhou.
Com relação a mão de obra, ao todo, 120 profissionais estão em fase de contratações. Pelo contrato com a Prefeitura, o Cies deve priorizar a mão de obra local. Também participaram do ato que marcou a chegada das Carretas da Saúde os vereadores: Paulo Guedes (PSDB), Carol Gomes (PSDB), Julinho Lopes (PP), Adriano La Torre (PP), Seron do Proerd (DEM), Geraldo Voluntário (DEM), Val Demarchi (DEM), Hernani Leonhardt (PMDB), Thiago Yamamoto (PSB), Irander Augusto (PRB) e Rafael Andreeta (PTB). Os demais vereadores foram representados por seus assessores.

Paulo Guedes destaca conclusão de USF’s para ampliar acesso à saúde

Ao destacar a importância da ampliação dos serviços prestados através da rede municipal de saúde, o vereador Paulo Guedes (PSDB) enaltece a prioridade dada pelo atual governo municipal ao setor o que, segundo ele, vem sendo demonstrado através de várias ações que beneficiam um grande número de pessoas que dependem do atendimento público.

Entre essas ações, o vereador salienta a retomada das obras de construção das Unidades de Saúde da Família (USF) que estão sendo realizadas nos bairros Bela Vista/Cidade Nova, Jardim Progresso e Mãe Preta, que abrange a região da Vila Verde, Jardim Brasília I, Orestes Giovanni e Jardim Santa Elisa. “Essas unidades solucionam cerca de 80% dos problemas da população e atuam na prevenção e promoção da saúde”, diz.

Recentemente, em companhia do prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, o vereador esteve vistoriando a execução das obras da USF no bairro Orestes Giovanni, região do Mãe Preta.

“Estamos cumprindo nosso compromisso com a saúde e com a aplicação correta dos recursos públicos”, comentou o prefeito na ocasião. Paulo Guedes observou que a conclusão das obras beneficiará cerca de sete mil e quinhentas famílias.

A preocupação do vereador com a conclusão das obras é antiga. “Desde outubro de 2016 eu solicitava, através de requerimento apresentado na Câmara, a retomada das obras que haviam sido paralisadas pela administração passada. Mas, no entanto, não recebi resposta” – lembrou, ao elogiar a atenção dada à expansão dos serviços de saúde por Juninho que, por sua vez, frisou que as obras paradas eram um lamentável desperdício.

Coluna Edmar Ferreira

Tite não manteve mistério e praticamente definiu o time titular do Brasil que enfrentará o Equador, hoje às 21h45, na Arena do Grêmio, pelas Eliminatórias Sul-Americana para a Copa do Mundo da Rússia. Philippe Coutinho, que vem de uma lesão nas costas, será substituído por William.
Nossa seleção está confirmada com: Allisson; Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Marcelo; Casemiro, Paulinho, Renato Augusto e William; Neymar e Gabriel Jesus.
Nos outros jogos da 15ª rodada: Peru x Bolívia, Uruguai x Argentina, Venezuela x Colômbia e Chile x Paraguai. Já classificado para o Mundial, o Brasil lidera com 33 pontos. Em seguida aparecem: Colômbia 24, Uruguai e Chile 23, Argentina 22, Equador 20, Peru e Paraguai 18, Bolívia 10 e Venezuela 6.
Depois de enfrentar o Equador, a Seleção Brasileira fará um treino com presença de torcedores na Arena da Amazônia, em Manaus, no sábado, às 16h. Para entrar no estádio, será preciso trocar alimentos não perecíveis por ingressos. Todo o arrecadado será doado para instituições de caridade. Serão 35 mil ingressos disponíveis. Na terça-feira encara a Colômbia, em Barranquilla.
A novela Philippe Coutinho está perto do fim. De acordo com o Yahoo da Inglaterra, o Liverpool já aceitou a proposta final do Barcelona pelo brasileiro no valor de 160 milhões de euros (cerca de R$ 606 milhões), e o negócio deve ser fechado.
Autor de um dos gols da vitória do Manchester City sobre o Bournemouth, por 2 a 1, Gabriel Jesus entrou na lista dos 15 maiores artilheiros brasileiros da história da Premier League. O jovem atacante chegou aos 8 gols marcados na competição, desde que chegou à Inglaterra, no início deste ano. Jesus já supera as marcas de nomes como Jô, Anderson, Paulinho e Edu, entre outros.
Em uma negociação de R$ 54 milhões, o zagueiro Gabriel Paulista trocou o Arsenal pelo Valencia após quase três temporada no futebol inglês. O brasileiro chega ao clube espanhol com o aval do técnico Marcelino García Toral, com quem trabalhou no Villarreal.
Corinthians fará um jogo-treino hoje no CT Joaquim Grava. O adversário será o Atibaia, que disputa a Copa Paulista. Técnico Fábio Carille não poderá contar com Cássio, Fagner, Balbuena e Romero, com suas seleções, além do lesionado Guilherme Arana. O time titular terá: Walter; Léo Príncipe, Pedro Henrique, Pablo e Moisés; Gabriel, Maycon e Jadson; Clayson e Jô.
Flamengo pode atrapalhar os planos do Corinthians para 2018. Segundo informações, o Mengão entrou no páreo para contratar o zagueiro Pablo, que ainda não teve sua situação com o Timão definida. Esse impasse vem se arrastando há algum tempo.
São Paulo vem batendo marcas negativas na era dos pontos corridos do Brasileirão. Já são 10 rodadas na zona do rebaixamento e a penúltima colocação na classificação. O máximo que o Tricolor ficou na zona da degola foram oito rodadas em 2013.
Dorival Júnior, que foi contratado após a demissão de Rogério Ceni, comandou o São Paulo em 10 rodadas, com três vitórias, três empates e quatro derrotas. O time fez 17 gols e sofreu 19. Ou seja, o aproveitamento é de apenas 40%. Abra o olho Tricolor.
Luís Fabiano ficará seis semanas afastado dos gramados e pode perder o restante do Brasileirão. O centroavante passou por uma artroscopia no joelho direito em razão de uma lesão no menisco medial e de cartilagem. O procedimento foi realizado no HCor e durou cerca de 40 minutos. Volta logo Fabuloso.
Papa Francisco recebeu ontem o elenco e os dirigentes da Chapecoense na Praça de São Pedro, no Vaticano. Após a missa, o pontífice homenageou os jogadores da equipe catarinense que sobreviveram ao acidente aéreo que vitimou 71 pessoas. Alan Ruschel e Jackson Follmann estavam na companhia de seus familiares. O zagueiro Neto não esteve presente.
A Chapecoense está na Itália para jogar uma partida contra a Roma, amanhã às 15h45 (de Brasília). O amistoso beneficente terá toda sua arrecadação destinada as instituições de caridade no Brasil.
Técnica Emily Lima anunciou a lista de 20 atletas convocadas para representar a seleção brasileira feminina de futebol em dois amistosos contra a Austrália, em setembro. Destaques da lista foram as atacantes Marta e Cristiane. No Torneio das Nações, quadrangular disputado há um mês com Estados Unidos, Austrália e Japão, o Brasil terminou em último lugar. Lima prepara a seleção para a Copa América do ano que vem, que valerá vaga para o Mundial da França.
Pela primeira vez na história, a Seleção Brasileira Masculina de Basquete não disputará os Jogos Pan-Americanos. Ao lado dos Estados Unidos, nossa seleção foi a única que participou de todas as 17 edições. A competição de 2019 será disputada em Lima, no Peru. O Brasil, que tem 14 pódios no Pan, decepcionou na Copa América da Colômbia e não conseguiu a vaga. No feminino, o Brasil será representado.
O desafio entre Conor McGregor e Floyd Mayweather no boxe inspirou outros astros a fazer propostas para o irlandês do MMA. Em suas redes sociais, Michael Phelps, dono de 28 medalhas olímpicas, 23 delas de ouro, brincou questionando se deveria desafiá-lo para um desafio na piscina. Seria sensacional.
Curiosidade do dia: Na final do Campeonato Paulista de 1954, em 6 de fevereiro de 1955, em razão de um boato relacionado a “macumba”, o Palmeiras entrou em campo com camisas azuis. O jogo acabou empatado por 1 a 1 e com este empate, o Corinthians sagrou-se campeão.

A França e O Novo é a próxima Mostra do Cine Sesi-Sp No Mundo

O público poderá ver ou rever atuações marcantes de Jeanne Moreau, Brigitte Bardot, Gene Kelly, Catherine  Deneuve, Jack Palance e outros. As sessões acontecem no SESI Rio Claro até 28 de setembro, com entrada gratuita.

Na 11ª edição do Cine SESI-SP no Mundo, que vem sendo realizada desde 10 de agosto a vai até 11 de outubro no SESI Rio Claro, oito filmes propõem uma viagem à Europa Ocidental até o berço do cinema: a França. Com reflexões sobre técnica, temática e estilo, a mostra A França e o Novo traz obras que mostram a originalidade nas composições francesas, que influenciam até hoje o cinema mundial.
O evento é realizado em parceria com a Embaixada da França no Brasil e tem apoio do Institut Français. Todas as sessões são gratuitas e os ingressos podem ser reservados antecipadamente pelo Meu SESI (www.sesisp.org.br/meu-sesi). A França foi o primeiro país a exibir imagem em movimento, por meio dos irmãos Lumière, considerados os pais do cinema. Foi pioneira em efeitos especiais com o filme Viagem à Lua (1902), de George Méliès, e sediou o movimento Nouvelle Vague, que criou técnicas que romperam com as utilizadas, até então, no cinema comercial. Sua vanguarda cinematográfica influenciou inúmeros diretores dos anos de 1970, como o norte-americano Steven Spielberg.
Com curadoria do SESI-SP, os filmes escolhidos ressaltam, por meio de conexões, as técnicas que nasceram no cinema francês e permanecem evidentes nas produções contemporâneas de todo o mundo. A mostra traça um panorama composto em pares e exibe tanto os longas que inauguram estéticas e temáticas, como os que revelam a evolução desses elementos ao longo dos anos. Na mostra destacam-se produções de diretores consagrados, como Jean-Luc Godard e Jacques Tati, e, principalmente, a icônica performance em Ascensor para o Cadafalso, de Jeanne Moreau, falecida no mês passado.
A programação completa irá percorrer 39 unidades do SESI-SP em todo Estado, além do Centro Cultural Fiesp. As datas e horários das exibições podem ser conferidas em https://rioclaro.sesisp.org.br/agenda.
Vândalo
31 de agosto, quinta , às 20h

Programação SESI Rio Claro
Cine SESI-SP no Mundo: A França e o Novo

LIÇÕES DE ÓDIO

Alexandre Garcia
A professora de Indaial que foi agredida por um aluno que jogou nela um livro e depois usou os punhos, havia escrito e depois disse que jogar ovo na cara de políticos de quem ela detesta, como Bolsonaro e a noiva de Curitiba, filha de Ministro, não é agressão nem violência; é revolução. O menino de 15 anos que a agrediu foi mais racional na justificativa. Disse que perdeu a cabeça e está arrependido. Entre o ato revolucionário e a agressão impensada, nenhum dos dois têm razão, porque violência não se justifica, quando se pode usar o cérebro para argumentar. A menos que não haja munição inteligente mais forte que ovos ou livro.
O episódio chama a atenção para a violência nas escolas. Há uma grande quantidade de professores agredidos por alunos e por pais de alunos, assim como cresceu o número de brigas, inclusive com faca e arma de fogo, entre alunos. O Brasil tem quatro vez mais a média de ameaças, numa pesquisa da OCDE entre escolas de 34 países. No Rio Grande do Sul, onde nasceu a professora de Indaial(SC), levantamento durante seis meses em 1.255 escolas estaduais(menos da metade da rede), houve 4.861 casos de violência física entre alunos e 199 agressões a professores e funcionários.
Há uma pregação ideológica pelo ódio. Jogar ovos em “neonazistas”, como expressou a professora agredida em entrevista à Rádio Gaúcha é “revolução”, não violência. A professora da Universidade de São Paulo, Marilena Chauí, diante do ex-presidente Lula, bradou aos quatro ventos “Eu odeio a classe média! A classe média é uma abominação política porque é fascista”. O professor Paulo Freire, guru de professores brasileiros, inspirava-se muito em seu ídolo Che Guevara, que pregava o ódio como forma de matar. “Ódio como elemento de luta; ódio cruel do inimigo, impelindo-nos acima e além das limitações naturais das quais o homem é herdeiro e transformá-lo numa efetiva, violenta, seletiva e fria máquina de matar.” (Trecho da Mensagem de Che à Tricontinental)
É assustador descobrir essa genética do ódio e da violência como solução para discordâncias políticas ou ideológicas. Remete-nos às cruzadas medievais. Os resultados são péssimos. Estamos cada vez mais atrasados nas classificações mundiais de linguagem, ciências e matemática e cada vez mais no topo da violência nas escolas. Livros existem para ler, dar prazer e conhecimento; ovos são o alimento mais completo depois do leite materno. E neurônios são a arma e a munição da argumentação quando se discorda. Sementes de ódio frutificam com mais ódio. O desarmamento precisa chegar aos espíritos que comandam as mãos.

A IMPORTÂNCIA DE SE PRESERVAR O VERDE

Por Alessio Canonice – alessio.canonice@bol.com.br

Preservar o meio ambiente, mormente no que se refere à matas virgens, as árvores e as paisagens, entendemos ser fundamental, para manter a saúde do planeta e de todos os seres vivos que habitam esses aspectos, que correspondem à natureza e que sejam bem-vindos.
Para incrementar esse espaço de proteção aos recursos naturais há de se fazer alusão à árvore, onde todos os anos se comemora a sua importância e o que representa à própria natureza, às aves e a outros animais que dela dependem.
Importante salientar nesta oportunidade que a ecologia é a ciência que estuda as relações entre os seres vivos, além dos meios onde vivem e que fazem parte de uma das riquezas constantes das matas, e que, infelizmente, vez ou outra, observa-se queimadas e destruições de árvores para efeito de comercialização clandestina por parte de quem a pratica, notadamente na Amazônia.
De acordo com os entendidos, os seres humanos só conseguem sobreviver graças à natureza. Afinal, usamos os animais e as plantas para nos alimentar, água para beber e tomar banho, além de outros recursos que passam despercebidos em nossas mentes e de uma importância das mais elogiáveis.
No entanto, para salvar o planeta, todos podem participar. Nunca é tarde ou cedo demais para fazer parte, mediante movimentações e campanhas, através de forças vivas e unidas, visando, exclusivamente, a preservação do verde, por sinal, simboliza uma das principais belezas e imprescindíveis à vivência do dia a dia do próprio ser humano.
Setembro é um mês repleto de datas importantes como o dia da árvore. Nesse caso, as florestas podem ser consideradas um dos grandes patrimônios do planeta por inúmeros motivos, como o fato das árvores possibilitarem a umidade do ar, bem como de permitir a continuidade das chuvas e de outras situações de manter a mata sem a destruição de muitos hectares, que foram destruídos por falta de conhecimento de causa dos destruidores ou pela ganância de enriquecimento ilícito.
Nas últimas décadas, pelo que pudemos apurar, o desmatamento nas encostas das matas tem contribuído pela diminuição dos volumes de água, um bem natural insubstituível na vida do ser humano.
Os cuidados, em consonância com aquilo que a experiência nos ensina, devem se iniciar com a preservação das nascentes, pois são as origens dos rios que abastecem as necessidades que estão na dependência delas.
Os desmatamentos e a ocupação irregular do solo devastam as áreas, o que se torna prejudicial à boa conservação das matas, de tal maneira que a preservação delas é importante e que dá ênfase à própria existência como parte da sua contribuição à humanidade, além da sombra que as árvores oferecem, quando nos protegemos do Sol ardente. Nesse caso, as árvores se destacam com exclusividade.
Em quase todas as cidades espalhadas pelo Brasil existe opção pela preservação das árvores, constantes das áreas urbanas e que se constituem em espaços físicos com prevalência de vegetação, acrescentando a esse aspecto a importância que faz parte dos jardins públicos, praças, parques recreativos e esportivos, bem como de cemitérios, entre tantos outros, a presença da árvore é marcante nesses lugares.
As plantas, por incrível que pareça, entendemos ter muito mais valor do que costumamos a dar, já que não nos oferece apenas o oxigênio, além do fato de serem bonitas e que se deslumbram aos olhos de todos que as admiram.
De acordo com algumas pesquisas, plantas têm fins medicinais que muito provavelmente salvaram a vida de muitos que dependem do que elas produzem e continuam sendo benéficas à existência de todos que se servem dela para esta ou aquela finalidade, portanto, há de se preservar o verde para o bem de toda a humanidade.

Mata que é polícia

Carlos Brickmann

Há poucos dias, 26 de agosto, foi morto o centésimo PM do Rio em 2017. São 13 assassínios de policiais por mês. E o silêncio que se faz é atordoante, como se nada houvesse, como se PM não fosse gente. Imagine se matassem cem juízes, cem garis, cem religiosos. Haveria este silêncio?
Há 130 anos, em onze meses, Jack, o Estripador, matou cinco prostitutas em Londres, cortando-lhes a garganta. O assassino jamais foi identificado, mas a Inglaterra se mobilizou para localizá-lo. E, 130 anos depois, seu nome ainda é lembrado. Aqui, em oito meses morrem cem PMs – e não há qualquer comoção, excetuando-se a das famílias e a de quem é consciente.
Polícia é essencial em qualquer parte do mundo. Na Dinamarca, onde há educação de qualidade para todos, onde a desigualdade social é minúscula, há polícia, e eficiente. Só no Brasil se imagina que a Polícia, executora do monopólio estatal da força, pode ser desprezada. Após a ditadura militar, em que a Polícia aceitou gostosamente a permissão de atuar fora da lei, surgiu a crença de que os policiais foram os culpados pela violência, pelas torturas. Foram; mas houve também promotores que sabiam de tudo e se calaram, juízes coniventes, jornalistas cúmplices. Só os policiais pagam? E nem são mais os mesmos (que, dos velhos tempos, muitos passaram de vez para a vida fora da lei, trabalhando como bicheiros ou milicianos ferozes).
Quando nossa vida corre risco, quem é que chamamos? O ladrão?
Detalhes
O seguro de vida para o policial que expõe sua vida foi criado há pouco mais de 20 anos, pelo governador Mário Covas. Antes, não existia. Colete à prova de balas? Existe, mas não para todos. Um policial tem de esperar a volta do colega para pegar o colete dele, sem tempo sequer para arejá-lo. E, para enfrentar o poder de fogo dos bandidos, só armas nacionais, pequenas.
Como era, como é
Em 1983, ou 84, houve uma onda de assaltos a passageiros de ônibus. O governador paulista Franco Montoro determinou que PM fardado não pagasse passagem. A presença do policial no ônibus afastou os bandidos. Na época, tinham medo. Hoje, o policial esconde a farda fora do horário de trabalho. Não carrega seu crachá, pois os criminosos o matam se souberem que é policial. Os bandidos perderam o respeito. Não têm o que temer.
O crime e a pena
Lembra de Henrique Pizzolato, que foi diretor do Banco do Brasil, fugiu para a Itália usando documentos falsos com o nome do irmão falecido e foi condenado a 12 anos e 7 meses de prisão por corrupção passiva, peculato e lavagem de dinheiro? Ele começou a cumprir a pena em fevereiro de 2014, quando foi preso na Itália (veio para o Brasil em outubro de 2015). Faça as contas: 2014 mais 12 anos=2026, certo? Errado: Pizzolato já está no regime semiaberto, que lhe foi concedido pelo ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo. Dorme na cadeia. De dia, vai trabalhar na rádio OK FM, como assistente de programação, algo que jamais fez na vida. O salário é de R$ 1.800,00 mensais. Mas que fazer? A lei exige um emprego! A rádio pertence a seu companheiro de cela, Luiz Estêvão, hoje também seu patrão.
Exclusividade
Não estranhe o caso de Pizzolato. Num país onde Suzane Richthofen teve folga da prisão no Dia das Mães, que é que se pode esperar?
Sexo é ciúme
A delação mais esperada no país, hoje, é de um tipo diferente: tem, além da ladroeira, sexo, ciúmes, chifres, brigas federais. O que se sabe: um captador de recursos teve um caso com uma parlamentar federal casada. Houve belos hotéis, brigas com arranhões, ciúmes ferozes, erros (o marido entendeu que o casamento agora era aberto, e também andou escapulindo; a esposa não quis saber, e por pouco não se cria uma crise – o Chifrudão).
Sexo é cultura
Nomes? Imagine! Este colunista adora continuar vivo. Mas pitadas de cultura e pesquisa ajudam a chegar lá. Comece por Jacques Offenbach, compositor de sucesso, francês nascido na Alemanha, rei do can-can. E vá para Shakespeare, Julio Cesar, no monumental discurso de Marco Antônio nos funerais de Cesar. Termina aqui a parte cultural: o restante é briga feia de casal. Se a chefia não enquadra marido e esposa, a coisa iria longe. O fato é que os chifres doeram, mas pior seria perder os excelentes empregos.
E calou-se o sabiá
Recife, Praça N.S. do Carmo. Dia 25, a caravana de Lula parou ali para um ato público. Mas, no lugar em que queriam botar o palanque, havia uma palmeira imperial grande, de mais de 20 anos. Simples, não? Só montar o palanque ao lado. Mas o PT não perdoou: cortou a árvore. Tudo (com fotos) em http://www.chumbogordo.com.br/14665-minha-terra-tinha-palmeiras-por-jose-paulo-cavalcanti-filho/. Os sabiás que entrem no MST.
COMENTE: carlos@brickmann.com.br
Twitter: @CarlosBrickmann

Fundação de Saúde paga mais R$ 400 mil à Santa Casa

A Fundação Municipal de Saúde de Rio Claro fez o pagamento nesta sexta-feira (25) de mais R$ 400 mil à Santa Casa de Misericórdia. O valor é referente a mais uma parcela de abatimento do montante de R$ 4 milhões da subvenção que o governo passado deixou sem pagar.
Desde o início deste ano, a nova gestão já pagou R$ 1,7 milhão à Santa Casa. O primeiro pagamento, de R$ 250 mil, foi feito no dia 2 de fevereiro e o segundo em 27 de abril, de mais R$ R$ 381.650,00. O quarto pagamento, feito em 1º de julho, foi de R$ 268.350,00 e a quarta parcela, em 30 de junho, foi de R$ 400 mil. Somando-se aos R$ 400 mil repassados nessa sexta, a Santa Casa já recebeu R$ 2,4 milhões, incluindo os R$ 700 mil repassados em 2016.FUNDAÇÃO DE SAÚDE PAGA MAIS
“A Santa Casa sempre foi parceira do município, realizando um trabalho importante para a comunidade”, afirma o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.
Em junho desse ano, seis leitos hospitalares para internação no setor de urgência e emergência foram reabertos na Santa Casa. A medida foi possível mediante acordo firmado entre o hospital, a prefeitura e a Fundação Municipal de Saúde que renegociou os pagamentos atrasados de subvenção referentes a 2016.

Câmeras e radares de RC serão integrados ao banco de dados policiais ‘Detecta’

A Prefeitura de Rio Claro firmou nessa segunda-feira (28) parceria inédita com o Governo do Estado de São Paulo para que radares e câmeras de monitoramento do município sejam integrados ao Sistema Detecta, o maior banco de dados policiais da América Latina, criado em 2014. Por meio das informações captadas pelo monitoramento e fiscalização eletrônicos do município, será mais fácil e rápido identificar veículos roubados, por exemplo, e vários outros crimes.
“Vamos usar a tecnologia a favor da segurança, fechando ainda mais o cerco contra a criminalidade”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, ressaltando que as parcerias do governo do estado com a prefeitura já resultaram na queda dos índices criminais no primeiro semestre.
“O sistema Detecta permitirá integração ainda maior entre a Guarda Civil com as polícias civil e militar, resultando em um grande apoio para que possamos aumentar a sensação de segurança da população”, explica o vice-prefeito e secretário de Segurança, Defesa Civil e Mobilidade Urbana, Marco Antonio Bellagamba, destacando que outras medidas vêm sendo tomadas pela prefeitura. “Em dois meses conseguimos entregar duas centrais de segurança integradas, que até então eram inéditas no município e região”, comenta, lembrando que as CSIs – nas imediações da rodoviária e na antiga estação ferroviária – têm presença 24 horas de Guardas Civis e vigias patrimoniais, com espaço para ações das polícias civil e militar.
De acordo com o comandante do 37º Batalhão de Polícia Militar (BPM/I), tenente-coronel Márcio Silveira Franco, o Detecta representa um grande avanço para a cidade, pois o sistema integra informações de todo o estado. “São apenas quatro segundos no máximo entre a identificação pela câmera e o recebimento da informação no tablet das viaturas de polícia”, esclarece. O comandante da Guarda Municipal, Luis Fernando de Godoy, vê no Detecta um importante mecanismo para dar mais agilidade a várias ações das forças de segurança.CÂMERAS E RADARES DE RC SERÃO INTEGRADOS (1)
A assinatura da parceria com o governo do estado para Rio Claro integrar o sistema Detecta foi acompanhada pelos vereadores Julio Lopes, Seron, Val Demarchi e Geraldo Voluntário. Paula Silveira Costa, presidente do Fundo Social de Solidariedade, e Luciana Bellagamba, também estiveram presentes.
Detecta
O Detecta integra informações dos bancos de dados das polícias civil e militar, do Registro Digital de Ocorrências (RDO), Instituto de Identificação (IIRGD), Sistema Operacional da Polícia Militar (SIOPM-190), Sistema de Fotos Criminais (Fotocrim), além de dados de veículos e de Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do Detran.
Há referências sobre criminosos procurados, inclusive com fotos, dados do cadastro de pessoas desaparecidas e informações sobre veículos relativas à documentação, furtos, roubos e clonagem.

Olaria é denunciada por irregularidades

Por determinação do Ministério Público Federal, a fiscalização do Centro de Referência em saúde do trabalhador compareceu em uma Olaria que foi denuncida pela Procuradoria do Trabalho. A Cerest acionou os fiscais da Secretaria do Meio Ambiente para acompanhar a ação. No local foram constatadas várias irregularidades como falta de documentação, crime ambiental, total falta de segurança com relação aos funcionários. A empresa teve suas atividades suspensas parcialmente para não prejudica-los financeiramente e com prazo para regularização.

OLARIA INTERDITADA (3) OLARIA INTERDITADA (2) OLARIA INTERDITADA (1) Empresa interditada 5

Carretas da Saúde já estão em Rio Claro

As Carretas da Saúde chegaram a Rio Claro na manhã dessa terça-feira (29). Elas percorreram vários bairros da cidade para que a população pudesse conhecer o novo serviço que começará a funcionar na segunda quinzena de setembro. As Carretas da Saúde estão estacionadas no Espaço Mais Saúde, na Avenida Visconde do Rio Claro com a Avenida 12. Rio Claro é a primeira cidade do interior paulista a ter as Carretas da Saúde.
“A partir de hoje Rio Claro escreve uma nova página na história da saúde do município. As Carretas da Saúde chegaram e vão ajudar a população que está há muito tempo esperando por atendimento”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.
“É um compromisso com a cidade e com os pacientes que aguardam na fila para realizar mais de 37 mil procedimentos. Com as carretas, esperamos diminuir essa lista”, afirma Djair Francisco, secretário municipal de Saúde.
Os vereadores também acompanharam a chegada das Carretas da Saúde. “Na Câmara, fizemos a nossa parte e com um novo modelo de gestão baseado na economia e eficiência conseguimos repassar R$ 1 milhão para esse novo serviço que prioriza o atendimento médico aos que mais precisam”, destaca o presidente. O dinheiro foi devolvido à prefeitura em julho.
A primeira quinzena de setembro será destinada para a instalação dos equipamentos nas carretas e o treinamento dos colaboradores que vão atender a população. No Espaço Mais Saúde, as pessoas que estão na fila de espera na rede pública de saúde poderão fazer consultas, exames e cirurgias de pequena e média complexidade.
Os pacientes serão chamados pela Fundação Municipal de Saúde por meio da Central de Regulação. Para serem atendidos nas Carretas da Saúde é necessário que tenham passado por uma unidade de saúde da rede municipal.

Teve início em Rio Claro o XIII – S.I.P.A.T de Segurança

Programação:
– 29/08 – Abertura Oficial aconteceu às – 14:00h
Palestrante: Drª. Patricia Fassina – 15:00h.
Tema: “Saúde Ergonômica no ambiente de Trabalho”.
– 30/08 – Palestrante: Marcia Galligaris – 14:00h.
Tema: “Segurança eu olho por você, você olha para mim”.
Palestrantre: Dr. José R. Teixeira Leite – 15:30h.
Tema: Saúde Bucal “Qualidade de vida”.

31/08 – Palestrante: Sgto. Francisco R. Gonzalves – 14:00h.
Tema: Primeiros Socorros

01/09 – Palestrante: Eng. Seg.Trab. Antonio Thobias Aguiar
Tema: “Motivação no Trabalho”.
Palestrante: Psicóloga Érica R. dos Santos – 16:00h
Tema: “O papel da Psicologia na prevenção de acidentes”.

Haverá sorteios de brindes ao final de cada palestra, além de prestações de serviços de aferição de pressão, teste de glicemia e outras atividades no local do evento.
O evento tem apoio da Farmazul, Sicredi e Prefeitura Municipal.