Carreata de São Cristóvão em Rio Claro bate recorde com mais de 2.000 veículos

A 43ª Carreata de São Cristóvão realizada sábado (29) em Rio Claro foi sucesso de público. Entre carros, motos, ônibus e caminhões, mais de dois mil veículos participaram do evento que homenageia o santo padroeiro dos motoristas e viajantes. A estimativa foi feita por Gilvon Barbosa, primeiro vice-presidente do Sintrarc (Sindicato dos Transportadores Autônomos Rodoviários de Rio Claro), entidade responsável pela organização da procissão em parceria com a prefeitura e a Paróquia Nossa Senhora de Aparecida.
“Foi a melhor carreata que organizamos, reunindo mais de dois mil veículos. O evento também teve recorde de público com participação de mais de quatro mil pessoas”, avalia Barbosa. Os organizadores já pensam na carreata do próximo ano, para repetirem o excelente resultado obtido neste ano. “Para nós todo ano tem carreata e em 2018 não será diferente”, comenta.
O pároco da Igreja Nossa Senhora de Aparecida, Renato Luís Andreatto, afirma que a participação do público superou todas as expectativas e ultrapassou os números do ano passado. “A carreata foi espetacular. Foram 2h40 de bênção para mais de dois mil veículos”, estima. Padre Renato fez a bênção dos veículos que percorreram o trecho da Via Kennedy até a Avenida 32 na Avenida Visconde do Rio Claro.
Na carreata, os motoristas pedem a intercessão de São Cristóvão para proteger os caminhos. A homenagem a São Cristóvão continuou no domingo (30) com a realização de missa na paróquia contou com a presença de centenas de fiéis.

CARREATA DE SÃO CRISTOVÃO EM RIO CLARO (2)

Rio Claro sedia oficina para discutir desenvolvimento urbano da região

Rio Claro sediou nessa sexta-feira (28) uma oficina de trabalho do Plano de Desenvolvimento Urbano Integrado (PDUI) da região. O evento foi realizado pela Emplasa (Empresa Paulista de Planejamento Metropolitano) no auditório da Faculdade Asser. Essa foi a quarta oficina promovida pela Emplasa para elaborar um diagnóstico dos problemas da Aglomeração Urbana de Piracicaba (AUP) composta por 23 municípios que juntos somam 1,45 milhão de habitantes (3,25% da população paulista). As três reuniões anteriores foram realizadas em Capivari, Limeira e Piracicaba.
A Emplasa explica que o PDUI “é um instrumento de planejamento que estabelece diretrizes, projetos e ações que visam orientar o desenvolvimento urbano e regional, buscando reduzir as desigualdades e melhorar as condições de vida da população”. A oficina de Rio Claro teve participação de representantes da prefeitura, da Câmara Municipal, do Ministério Público, da sociedade civil organizada e da comunidade acadêmica.
As pessoas participaram das salas temáticas e apresentaram questões que foram debatidas em plenária sobre os temas desenvolvimento urbano e econômico, meio ambiente, redes estruturais e atendimento social. “É importante aproveitar este momento de interlocução com o governo estadual na definição de políticas públicas de âmbito regional”, explica Mônica Frandi Ferreira, superintendente do Arquivo Público e Histórico do Município.
Da oficina também participaram os secretários municipais Gilberto Brina (Governo e Desenvolvimento Econômico), Érica Belomi (Assistência Social) e Paulo Roberto de Lima (Obras), além do ouvidor municipal, Carlos Marques, o promotor de Justiça, Gilberto Porto Camargo, entre outras autoridades.

Farufyno agita o Sesi Rio Claro

O SESI Rio Claro recebe no próximo dia 4 de agosto, sexta às 20h, Farufyno, banda com mais de 15 anos de carreira que apresenta os ritmos que marcaram as gerações de 1960, 1970 e 1980, com o MPB, rock, samba e funk. O show é gratuito e os ingressos para esta apresentação estão disponíveis pelo sistema Meu SESI na página www.sesisp.org.br/meu-sesi.
Farufyno vem construindo sua carreira autoral ao longo de quatro CDs lançados, sem ser uma banda-tributo, uma vez que incorpora outras influências como psicodelia, ritmos e rimas em suas composições. O grupo apresenta toda essa história no show Made in Farufyno, resgatando seu repertório original.
Essa mistura de gêneros deu ao Farufyno sua identidade e fez da banda uma plataforma para pesquisa de linguagens e composição, atraindo músicos de diferentes origens. Ao longo de sua carreira, o grupo já teve o privilégio de dividir palco com artistas de renome tão variados como Alcione, Jorge Benjor, George Clinton, Sandra de Sá, Marcelo D2, The Wailers, Trio Mocotó, Jota Quest, Nando Reis, Seu Jorge, Paula Lima, Thaide e DJ Hum, Luís Vagner, Martinho da Vila, Fabiana Cozza e Quinteto em Preto e Branco.

Ficha técnica
Voz e percussão: Rodrigo Ferreira Coelho | Voz e violão: Marcelo Kubagawa | Guitarra: Flavio Ferreira | Baixo: Mario Sousa Pereira Lima | Bateria: Gilberto Favery | Teclado: Leonardo Rodrigues
SESI-SP Música
Criado em 2006, o projeto SESI-SP Música oferece ao público apresentações gratuitas de música erudita, popular, nacional e internacional, em todo o Estado de São Paulo. A programação inclui variadas formações musicais, como duos, trios, quartetos, orquestras de câmara e grupos instrumentais. Entre os diversos gêneros contemplados estão blues, jazz, choro, rock, samba, reggae, hip-hop, soul e world music. O objetivo é promover o acesso do trabalhador da indústria e da comunidade às diferentes linguagens para a formação de público e difusão da cultura e da arte musical.

Violão e dança contemporânea sexta no Centro Cultural

Os movimentos do corpo da bailarina em sintonia com o som do violão resultam em um lindo trabalho de artes integradas em “Quando o corpo toca”, que será atração na sexta-feira (4) no Centro Cultural de Rio Claro. O público poderá conferir gratuitamente as atividades, que além do espetáculo de música e dança, incluem exibição de curta-metragem, a partir das 19 horas, e exposição fotográfica. A apresentação “Quando o corpo toca” está marcada para as 20 horas e tem o apoio da Secretaria Municipal de Cultura.
“Trata-se de uma apresentação bem intimista e intrigante, que une música ao vivo e dança contemporânea, despertando no público encantamento e curiosidade”, comenta Welton Nadai, violonista do espetáculo, que realiza as apresentações ao lado da bailarina Rafaela Caetano.
O espetáculo foi criado a partir de parceria entre Nadai e o diretor do Balé da Cidade de Rio Claro, Hebert Caetano, com intuito de desenvolver um trabalho de artes integradas. A obra conta ainda com um seleto repertório de grandes compositores como J.S. Bach, Mozart, Manuel Pounce entre outros.
Além da dança contemporânea, com coreografia assinada por Herbert Caetano, e da música tocada ao vivo no violão, o espetáculo tem cenografia do artista plástico Renê Mainardi. A mostra fotográfica que estará em exposição é de Paula Caldas e o documentário de Claudia do Canto. “O material exibido no documentário e exposição foi captado durante todo o trabalho realizado nesta temporada de apresentações”, finaliza Nadai.

Prefeitura faz limpeza e amplia iluminação em trecho movimentado da Vila Alemã

Os trabalhos de manutenção, limpeza e ampliação da iluminação pública continuam sendo realizados de forma intensificada em Rio Claro. Na segunda-feira (31) o trecho da Rua 3-A entre as avenidas 24-A e 32-A começou a receber esses serviços.
“Além de deixarmos o local mais bonito, ampliamos a iluminação pública para dar mais segurança aos moradores, especialmente por ser um trecho de bastante movimento de veículos, que serve como parte de trajeto para quem vem do Distrito Industrial”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, que esteve no local vistoriando o trabalho.
Foram realizados limpeza da área, poda de árvores, corte de grama e troca das lâmpadas da iluminação pública.
André Ortegoza, que trabalha em uma loja naquele trecho, aprovou o serviço realizado pela prefeitura. “Fazia algum tempo que essa área estava abandonada e não recebia nenhuma manutenção. A troca das lâmpadas aumenta a sensação de segurança de todos que moram e trabalham aqui nas proximidades”.

Programação de agosto terá música e cinema de graça em Rio Claro

A Secretaria de Cultura de Rio Claro divulgou sua programação mensal para a agosto. Na lista de atividades gratuitas ao público estão cinema, música, exposição e dança.
Na sexta-feira (4), o teatro do Centro Cultural de Rio Claro recebe o espetáculo Quando o Corpo Toca, às 20 horas. Projeto intergeracional será realizado no dia 7, às 13 horas, no Abrigo da Velhice São Vicente de Paulo. As atividades incluem apresentação de fanfarra da escola agrícola, coral do Centro de Referência e Permanência de Vínculos, grupo de dança do Sesi, coral “O Mensageiro” e coreografia do Centro de Treinamento Personalizado Maria Gama.
No dia internacional dos povos indígenas, 9 de agosto, será aberta exposição no Centro Cultural, que poderá ser vista de segunda a sexta, das 8 às 17 horas, até dia 31 de agosto. Haverá ainda conversa sobre a liderança indígena Guarani Mbya, às 15 horas, e palestra sobre o tema às 19h30.
O evento Adora Rio Claro levará ao público no dia 12, das 10 às 22 horas, apresentação de 12 bandas no Centro Cultural. Cinema de Rua será atração no dia 13 e o coral “O Mensageiro” apresenta no dia 19 canções e Requiem de Faurè. A apresentação será às 20 horas no Casarão da Cultura. O Dia do Folclore, 22 de agosto, terá comemoração especial na Feira do Produtor Rural, na Vila Martins, das 17h30 às 20h30.
Nos dias 25 e 26 a Banda Sinfônica União dos Artistas Ferroviários apresenta “O fantástico mundo Life Circo”, sob regência de Fernando Barreto. O evento será às 20h30 no Floridiana Tênis Clube e a entrada é um quilo de alimento não perecível.
A programação inclui ainda duas oficinas organizadas pelo Arquivo Público e Histórico e realizadas na Faculdade Asser. No dia 12 haverá uma oficina de aquarela e outra de colagem e no dia 19 a oficina será de desenho. As inscrições custam 10 reais por oficina. Mais informações pelo telefone 3523-2001.

Fórmula 1: Com vitória na Hungria, Vettel amplia vantagem

E. Cortez

Olá amigos. E a Ferrari interrompeu uma série de quatro corridas sem vitória e ainda por cima fez dobradinha em Hungaroring, com Sebastian Vettel em primeiro e Kimi Raikkonen em segundo lugar.
Com isso, o alemão ampliou para 14 pontos sua vantagem no campeonato sobre o britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, que terminou na quarta colocação, atrás de seu companheiro de equipe, o finlandês Valtteri Bottas.
Em determinado momento, a Mercedes pediu que Bottas cedesse seu lugar para Hamilton, que dizia poder alcançar Raikkonen e Vettel, mas prometendo lhe devolver a posição caso o tricampeão não conseguisse a ultrapassagem. Como o britânico não superou a Ferrari, o finlandês retornou à terceira posição, na última volta, e subiu no pódio.
A zona de pontos foi completada por Max Verstappen (Red Bull), Fernando Alonso (McLaren), Carlos Sainz (Toro Rosso), Sergio Pérez (Force India), Esteban Ocon (Force India) e Stoffel Vandoorne (McLaren).FORMULA I (1)
O outro piloto da Red Bull, Daniel Ricciardo, foi forçado a abandonar por causa de um torque do próprio Verstappen logo depois da largada. “Estou irritado porque quem me tirou foi meu companheiro de equipe. Hoje ele demonstrou ser muito jovem”, atacou o australiano.
Com o resultado, Vettel subiu para 202 pontos na classificação, 14 a mais que os 188 de Hamilton – antes do GP da Hungria, a diferença entre eles era de apenas um ponto. Bottas segue em terceiro na tabela, com 169.
“Estou comovido, muito feliz, essa é a Ferrari que eu quero”, declarou o presidente da escuderia de Maranello, Sergio Marchionne, em meio a abraços e apertos de mão nos boxes da equipe.
Agora a Fórmula 1 inicia uma pausa para as férias de verão na Europa, com a volta às pistas marcada para 27 de agosto, no Grande Prêmio da Bélgica, em Spa-Francorchamps. Com isso, Vettel manterá a liderança por, pelo menos, mais um mês.

Reforma da quadra da Escola Chanceler Raul Fernandes

A Escola Estadual Chanceler Raul Fernandes possui atualmente 348 alunos matriculados no ensino médio, em horário integral, porém, a área ao lado, que hoje pertence a Fundação Paula Souza, encontra-se desativada e em estado de abandono, incluindo uma ampla quadra poliesportiva coberta.

O vereador Julinho Lopes esteve reunido com Ricardo Santana, secretário adjunto da Secretaria de Educação de São Paulo, onde discutiu a possibilidade da soma de esforços entre o Estado e a prefeitura, a fim de promover a reforma e reutilização daquele espaço.

“Os alunos da escola Chanceler, por exemplo, não dispõe de uma área para a prática esportiva. Com a reforma, todos serão beneficiados, além deles, a população, que poderá contar com mais uma área para o desporto e lazer”, explicou Julinho Lopes ao defender a proposta de parceria entre o Estado e o município.

Policia Ambiental de Rio Claro apreende balão

No local dos fatos, realizado apoio a viatura I-37193 que atendia “in loco” o talão n° 7699 no momento da chegada desta equipe, onde pudemos constatar que na residência havia um balão caído entre o muro e a cobertura da garagem, apagado, sem materiais pirotécnicos acoplados.
Segundo o proprietário da residência, ao avistar pessoas tentando invadir seu quintal para capturar o artefato, disse a todos que acionaria a Polícia, sendo o que fez. Neste momento, os baloeiros desistiram do intento e se evadiram tomando sentido ignorado.
Esta equipe juntamente com a da viatura I-37193 auxiliou o morador a remover a estrutura restante do balão para evitar novas tentativas de resgate. O material foi apreendido onde posteriormente será destruído e descartado em local apropriado.
Como não foram surpreendidas quaisquer pessoas suspeitas de participarem da soltura ou resgate do balão, não foram elaborados Autos de Infração Ambiental.
Sendo assim, elaborado o presente documento para registro dos fatos.
A Autoridade de Polícia Judiciária será oficiada para possível investigação com base no artigo 42 da Lei Federal 9605/98 e com base no artigo 261 caput, parágrafos 1º e 2º do Código Penal Brasileiro, que versa sobre atentado contra a segurança de transporte marítimo, fluvial ou aéreo. Vale salientar que soltar balões e crime ambiental e multa de R$5.000,00.


 

GCM captura condenado procurado

Na noite de domingo (30/07), equipe da viatura 487, GCMs Pedro e Cortes, patrulhavam as imediações do Terminal Urbano, quando pela rua 1B c/ avs 1A e 3A avistaram um indivíduo, qualificado como C.R.N., empurrando uma carriola com uma televisão. Sendo abordado não sabendo explicar a procedência do televisor, foi solicitado pesquisa via Cecom onde constou contra o mesmo um Mandado de Prisão. Conduzido até Plantão de Polícia onde a autoridade recolheu o indivíduo à cadeia local e apreendeu os objetos.

Objetos apreendidos pela Policia Militar e o indivíduo com mandado de prisão foi recolhido a cadeira local
Objetos apreendidos pela Policia Militar e o indivíduo com mandado de prisão foi recolhido a cadeira local

 

PM prende infratores por receptação de veículo/lesão corporal

No início da noite do dia (30), policiais militares da Companhia de Força Tática, prenderam dois infratores por Receptação/Lesão Corporal decorrente de Intervenção Policial

Durante patrulhamento no bairro Jardim das Flores, os policiais avistaram um veículo ocupado por dois indivíduos onde após darem ordem de parada o mesmos se evadiram, sendo realizado o cerco policial com o apoio da viatura I-37017, momento em que o condutor colidiu em um alambrado, sendo o passageiro abordado no interior do veículo e o condutor evadido para um matagal, onde foi acompanhado pelos milicianos, o qual portava uma pistola da marca Taurus sem numeração, vindo a efetuar alguns disparos contra a equipe, que em ato contínuo para cessar a injusta agressão revidaram atingindo o indiciado, sendo acionado o resgate onde foi socorrido ao hospital local. Diante dos fatos foi pesquisado o emplacamento do referido veículo EWK 4490 uma Eco Sport constou ser produto de roubo pelo município de Santa Barbara do Oeste.

Na sequência D.F.T.J permaneceu internado e R.C.O foi conduzido ao Plantão Policial, onde foi realizado o registro da ocorrência e encaminhado ao presídio permanecendo à disposição da justiça
Na sequência D.F.T.J permaneceu internado e R.C.O foi conduzido ao Plantão Policial, onde foi realizado o registro da ocorrência e encaminhado ao presídio permanecendo à disposição da justiça

 

Polícia militar prende infrator por porte ilegal de arma

Na madrugada do dia (30), policiais militares da 1º Companhia, prenderam um infrator por porte ilegal de arma / procurado capturado

Durante patrulhamento no Jardim Santa Elisa, os policiais avistaram dois indivíduos em uma motocicleta de marca Honda modelo Fan 150 ESI de cor preta placas de Guarujá/SP, que ao perceberem a presença da viatura tentaram empreender fuga, mais foram abordados em seguida, sendo realizada a busca pessoal logrando êxito em localizar na cintura de um dos indivíduos, um revolver calibre. 38 oxidado com quatro munições intactas marca CBC e com o outro nada de ilícito foi encontrado. Ao realizar a pesquisa dos dados dos indivíduos constou que um deles encontrava-se procurado pela justiça pelo artigo 121 do Código Penal.

Na sequência ambos foram conduzidos ao Plantão Policial, onde foi realizado o registro da ocorrência, onde M.R.S.F foi encaminhado ao presídio permanecendo à disposição da justiça e a arma apreendida
Na sequência ambos foram conduzidos ao Plantão Policial, onde foi realizado o registro da ocorrência, onde M.R.S.F foi encaminhado ao presídio permanecendo à disposição da justiça e a arma apreendida

UFSCar abre concurso para professor do Departamento de Física 

A Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) está com inscrições abertas, até o dia 18 de agosto, para o concurso de professor do Departamento de Física (DF). Está sendo ofertada uma vaga na área de Física da Matéria Condensada Experimental, subárea Materiais Piezoelétricos e Multiferróicos; Cristalografia por Difração de Raios X; Supercondutividade e Magnetismo; Materiais Multifuncionais (híbridos, amorfos e semicondutores bidimensionais); Raman, Fotoluminescência e Transporte Eletrônico. É requisito ter título de doutor em Física ou em Ciências com área de concentração em Física.
O concurso constará das seguintes fases: prova escrita (de caráter eliminatório e classificatório), prova didática (classificatória), arguição do plano de trabalho em ensino, pesquisa e extensão (classificatória) e análise do curriculum vitae (classificatória).
As inscrições devem ser feitas exclusivamente pela Internet, no endereço www.concursos.ufscar.br. Também é preciso acessar o site da Secretaria do Tesouro Nacional do Ministério da Fazenda, no link http://bit.ly/1EIGOrr, e preencher a Guia de Recolhimento da União (GRU), imprimir e efetuar o pagamento em qualquer agência do Banco do Brasil, até a data-limite da inscrição. Após pagamento da taxa de inscrição, o candidato deverá encaminhar, em envelope lacrado, até o dia 18 de agosto, a documentação exigida para efetivação da inscrição: comprovante do pagamento e formulário de inscrição devidamente preenchido e assinado.
O envelope deverá ser entregue pessoalmente, por intermédio de procurador regularmente constituído ou por via postal, na unidade da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (ProGPe), na área Sul do Campus São Carlos da UFSCar.

Piracicaba completa 250 anos nesta terça-feira 1º agosto

Para homenagear os 250 anos de Piracicaba, o Sesc local programou uma série de atividades, externas e/ou gratuitas para toda a família que farão parte das festividades. Entre as atividades comemorativas estão o “Serenata, sempre seresta”, um encontro estadual de seresteiros fazendo cortejos entre ladeiras, travessas e ruas às margens do Rio Piracicaba, até o encontro final no Largo dos Pescadores que tem realização do Sesc juntamente da Irmandade do Divino Espírito Santo, Prefeitura Municipal de Piracicaba e apoio EPTV; lançamento de livro do jornalista José Hamilton Ribeiro e a 6ª edição do Rio das Artes, projeto realizado pelo Sesc em parceria com a Prefeitura Municipal, APAP (Associação Piracicabana dos Artistas Plásticos), Jornal de Piracicaba e Revista Arraso, que circula pelos ateliês abertos da cidade e envolve mais de 100 artistas inscritos, pontos de cultura, centros culturais, museus, salões e galerias de arte da cidade exibindo diversas técnicas como pinturas, aquarelas, fotografias, instalações, esculturas e performances.

Serenata, sempre Seresta 
Na cumplicidade das estrelas e da lua cheia, o encontro estadual de seresteiros homenageia as nostálgicas serenatas e os antigos músicos do gênero, como Cobrinha e Pedro Alexandrino. Cortejos entre ladeiras, travessas e ruas às margens do Rio Piracicaba, até o encontro final no Largo dos Pescadores entoam marchas, ranchos, choros e boleros, celebrando também os 250 da cidade. Em parceria com a Irmandade do Divino Espírito Santo e Prefeitura Municipal de Piracicaba. O evento tem apoio da EPTV.

Psicóloga trata de motivação na Biblioteca da Unesp de Rio Claro

Esta fala ocorreu durante a palestra “Motivação em tempos difíceis”, na manhã dessa segunda-feira (31), e a conversa buscou assim resgatar o sentido do trabalho.
Inspirada por uma postagem de Mariana na rede social sobre a felicidade no trabalho, a diretora da Biblioteca da Unesp RC, Márcia Correa Bueno Degasperi fez o convite como incentivo neste segundo semestre.
A psicóloga explica que há estímulos exteriores no trabalho, como reconhecimento, valorização, uma palavra amiga, aumento salarial, e salienta que há algo anterior ao dinheiro, por isso questiona os participantes da roda: qual seu propósito trabalhando aqui?
Dependo da resposta, a atitude pode ser melhor frente às situações turbulentas, neste caso, no trabalho.
Estes e outros questionamentos terminaram com a fala dos funcionários sobre o assunto e como isso pode melhorar a satisfação neste ambiente. A supervisora de seção do RH do Instituto de Biociências, Raquel Helena Hebling Palatin, disse que deve-se procurar um motivo para se levantar todos os dias e ressalta como o ambiente universitário renova com a presença dos estudantes e histórias diferentes e assim vivifica quem atua nos departamentos.

Sobre Mariana Rapazzo: Psicóloga pela Universidade Metodista de Piracicaba (2012), Orientadora profissional, Especialista de Administração de Empresas pela FGV (2015), atualmente cursando formação em Terapia Cognitivo Comportamental.
Divide o tempo entre sua clínica particular onde presta serviços de psicoterapia na linha cognitivo comportamental, e orientação profissional para jovens e adultos; a ONG Núcleo Artevida em que atua com crianças e adolescentes; e seus canais de comunicação no Youtube, Instagram e Facebook. (texto e foto Emely Gomes)

PÉROLAS PRECIOSAS

Ana Lúcia Missaglia Guarnieri
“O Reino dos Céus é também como um comprador que procurou pérolas preciosas. Quando encontra uma pérola de grande valor, ele vai, vende todos os seus bens e compra aquela pérola”(Mt. 13, 44-52). Leitura do Evangelho de 29/30-07-2017.
*******************************
“Protegei, ó Senhor, aqueles que caminham conosco e ajudai-nos a respeitar a todos, pedestres e transeuntes ,agindo sempre com prudência. (…) Protegei, ó Senhor, nossos jovens para que sejam protagonistas da nova sociedade do terceiro milênio. Confortai, ó Senhor, as famílias que perderam pessoas queridas, vítimas do cruel trânsito brasileiro. Dai-lhes esperança necessária para viverem sem condenação ou rancor. Que possam, Senhor, descobrir vossa presença na Natureza e em tudo que nos rodeia, amando cada vez mais a vida. Amém”.”DIÁRIO DO RIO CLARO”,25/07/2017.
*********************************
Dia 25/07/2017, quando se comemorou o Padroeiro dos motoristas, São Cristóvão, a sua Oração (cujas palavras finais estão repetidas acima) foi comentada com Sr. Odair que nos trazia de volta de um pagamento feito à Loja mais tradicional do Bairro Cidade Nova. Comovido,ele comentou: O bem atrai o bem, é certeza. A realidade da vida é como aquele amigo que comendo uma tâmara e querendo plantar seu caroço, foi advertido por outro, dizendo-lhe que aquela árvore demora cem anos para dar frutos ao que o cultivador da natureza responde:” – Mas para eu comer a fruta, hoje, alguém plantou”.
E o Evangelho sobre as Pérolas Preciosas teve a abertura de Dom Orlando Brandes, na Basílica de Aparecida, com a leitura da mensagem do Papa Francisco, enviada especialmente para o encerramento do Rota300, movimento com a participação de mais de dois mil jovens, vindos de várias regiões brasileiras para a grande comemoração histórica da nossa Padroeira. Enfaticamente Dom Orlando procedeu à sua leitura, aqui resumida:” Com a união da cabeça ao corpo, Ela gerou a unidade em ação (…) Não tenham receio de lutar contra a corrupção nem se deixem seduzir por ela(…) A criatividade responsável será, a partir de agora, a nova aliança do povo com Deus”.
No dia em que a jornalista Claudette Maria Atibaia publicou, no Editorial, apreciação sobre a vida do Prof. Geraldo Leonardo Zanello, Diretor e Presidente do “Diário do Rio Claro”( por ocasião de seu falecimento)destacando-o como defensor da criatividade, do direito de expressão e dos atuais meios de comunicação, também afirmando que ele dizia “no Google se acha de tudo mas não leva a lugar nenhum” , ficamos conhecendo sua visão profética para um futuro tenebroso, caso não se plantem tâmaras nem se cultivem pérolas preciosas.
Os regimes da atual ditadura do Governo não se importam com o desemprego, que tira a dignidade humana, para salvar interesses espúrios, mencionando no futuro(séc. XXI) como donos do tempo e do dinheiro. E isto é anular o Senhor da História, crendo que a cibernética, computadores & Cia tudo farão, no lugar da criatividade dos criados à imagem e semelhança de Deus, quando não se faz mau uso dos dons, que Ele nos dá, a cada um, principalmente aos pequenos.(A luz vem dos que não servem a dois Senhores: todo poder dividido contra si mesmo perece).
O biólogo Luís Ricardo Simone, da USP, explica que “a pérola é o resultado de uma reação natural do molusco contra invasores externos e que quando fica grudada na concha as esféricas são as mais valiosas e demoram 3 anos para uso”.Traduzindo para o reino do HOMO SAPIENS : “pedra que rola não cria limo” , ou seja, usar a crise ou a perversidade para justificar a falta de caráter e o bom senso é abdicar do grande chamado para serem pérolas preciosas ou o povo de Deus.
— Como não levar avante conquistas como direito de votar da mulher, libertação dos escravos, campanhas de educação alimentar como responsabilidade social, cuja ação faz parte do desenvolvimento sustentável? (Na mensagem do Papa Francisco, pelo Rota300, ele previu que “o Brasil tem jeito”).
Talvez já não se lembre mais de “O Maior Vendedor do Mundo”, de Og Mandino, BEST- SELLER pela grandeza de sua visão sobre o dinheiro, moeda de troca por trabalhos que nos fazem chegar o PÃO NOSSO DE CADA DIA a todas as mesas (-todas?) e a grande demanda que está por detrás disso.
Mandino nos apresenta Hafid, homem pobre, que queria ser como Pathros, homem rico. Para isso ele precisaria: adquirir bons hábitos; amar ou saudar ,com amor, o hoje; ter persistência, até vencer; ter-se como milagre -Eu sou o milagre-( que é a proposta atual de Deepak Chopra, no livro Você é o Universo); centuplicar valores; ter fé, suplicar por obtê-la e agir, agora. O desfecho magistral de sua obra é que o legado de Hafid, após a morte de Pathros, é de Paulo, Apóstolo, o convertido do Cristo, como sendo O Maior Vendedor do Mundo no campo da espiritualidade, que define o “para sempre”:- O Amor não acaba, nos diz Paulo, (não Saulo),porque, “para o Pai, todos vivem”.
– Se quem ama chega primeiro, quantos pobres terão sido alimentados, presos visitados, tristes confortados, mortos socorridos? Amar é o Verbo e só Ele nos torna pérolas preciosas uns aos outros.

Por quê Se Enterra Dons?

Por quê se enterra dons? Por qual motivo as pessoas omitem seus talentos, suas potencialidades, capacidades diferenciadas e artísticas? Preferindo elas trabalharem de maneira técnica, regidas por atividades óbvias, as quais toda e qualquer pessoa pode um dia desempenhar?
Garotos bons de bola que muitas vezes não somente pela falta de apoio mas sim pela displicência em relação aos dons e talentos que possuem, perderam a chance de levantarem suas vidas e de seus familiares. Moças que regidas por uma beleza diferenciada, deixaram de explorarem tal recurso desprezando a fama e a boa vida que poderiam ter adquirido através de algo enviado por Deus.
Esses são apenas dois exemplos de tipos de pessoas que desprezaram e desprezam suas potencialidades natas, todavia existem muitos outros que simplesmente por motivos banais como timidez, preguiça ou comodismo jogam seus diferenciais na lata do lixo, preferindo trabalharem de Sol a Sol para receberem então nem a metade do que poderiam receber com a exploração de seus talentos.
Cada um nasce com uma capacidade diferenciada, Deus envia para a Terra empresários bem sucedidos, líderes para um dia governarem o povo, escritores e compositores, músicos, artistas plásticos, craques da bola, pilotos, nadadores, corredores, ginastas, apresentadores, modelos, inventores, desenhistas, enfim, a cada pessoa Ele assinala um dom, cabe a nós o quanto antes encontrarmos, evitando seu sepultamento e explorá-lo como forma de nos tornarmos bem sucedidos na vida.
Seria por acaso que Pelé se tornou o Rei do Futebol, que Roberto Carlos ganhou a coroa de o Rei da Música ou que Emílio de Moraes recebeu a fama de super-empresário com faturamentos impressionantes? É claro que não! Eles nasceram com tal capacidade, porém, a diferença em relação à muitas pessoas é o fato deles terem descoberto tais dons e corajosamente explorado os mesmos sem medo de serem feliz. E o resultado que obtiveram, qual foi? Nós já conhecemos o resultado.
Muita gente lá no futuro quando a vida já não lhes proporciona oportunidades, apenas murmuram e lamentam as chances de se sobressaírem que um dia desperdiçaram. O fato é que o medo de perderem o que já possuem, fazem muitas pessoas se retraírem abandonando seus dons e trabalhando tecnicamente, além do que, muitas das vezes amarguradas, desoladas e adquirindo a cada dia mais um grauzinho de depressão.
Quando tiver uma oportunidade, vá a um asilo e ouvirá de muitos idosos ali presentes relatos amargurados e arrependidos sobre os dons desperdiçados e oportunidades desprezadas por motivos banais sem significado algum. É triste! É doloroso! Saber que poderíamos ter tido mais um grande craque com a camisa da seleção brasileira de futebol, a honra de ver mais uma linda modelo desfilando nas passarelas do mundo todo ou lido aquele livro de um escritor poético que emocionaria toda gente. Mas isso foi culpa sabe de quem? Deles mesmos que em diversos casos por covardia ou medo de arriscarem-se, enterraram os dons que possuíam restando apenas o lamentável ato de choramingar nos dias atuais.
Não se pode enterrar dons. Você o possui, explore-o, arrisque-se, caso não dê certo, fazer o quê? A vida não quis, você tentou e com certeza a amargura recheada de arrependimento não irá lhe incomodar. Porém, é de se ressaltar que dificilmente quem possui a aptidão, capacidade nata para determinada atividade principalmente artística, amargura uma derrota nos caminhos da vida, já que seu talento é a luva e as oportunidades a mão, um encaixa no outro.
Portanto descobriu seu talento? Seu dom? Não o despreze, evite sepultá-lo, pois você poderá ser mais um nome de grandeza em nossa sociedade, orgulhando sua família, a ti mesmo e principalmente a todos de nossa nação.

Autor: Douglas S. Nogueira
Técnico de Manutenção e Integrante das Associações Literárias de Santa Bárbara e Piracicaba – ACIBEL e CLIP
E-mail: douglas_snogueira@yahoo.com.br
BLOG: www.douglassnogueira.blogspot.com

E O FUTURO DOS JOVENS?

Luiz Gonzaga Bertelli é presidente do Conselho de Administração do CIEE
Que os jovens são os mais afetados pelo desemprego nas crises não é novidade, mas as estatísticas crescentes reforçam a urgência de se encontrar uma solução que abra perspectiva de algum tipo para a nova geração. Nesta semana, especialistas estão destrinchando os dados da Pnad, segundo os quais a taxa de desocupação geral foi de 13,7% no primeiro trimestre, enquanto na faixa dos 18 aos 24 anos saltou para 31,8% — e desses, quase 30%, ou seja, 6,6 milhões não estudam nem trabalham.
Reportagem da revista Veja desta semana se debruça exatamente sobre o risco dessa desocupação elevada e remete a um estudo do economista Till von Watcher, da Universidade da Califórnia em Los Angeles (Ucla) que avalia os efeitos da crise dos EUA nos anos 80, com taxa de desemprego da ordem de 11%, sobre os jovens que ingressavam no mercado de trabalho. No início dos dois anos de recessão, a remuneração dos novatos caiu 60%. Nos 20 anos seguintes, quem tinha curso superior conseguiu chegar à média salarial do mercado, mas os que haviam cursado apenas o ensino médio (completo ou não) ainda ganhavam menos do que os contratados antes e depois da crise. Alguns resultados: maior nível de pobreza e busca por assistência social.
No Brasil, caso a tendência se repita, as consequências poderão ser mais graves, pois, além da fragilidade da educação, 70% do total de jovens pertencem a famílias de renda média ou baixa – seguramente os que deverão abandonar em maior número os estudos e engordar, no futuro, o contingente de subqualificados e subempregados. Não se pense que o fenômeno nem-nem se restrinja às classes C, D e E, com 38% de seus  jovens de 19 anos não estudando e nem trabalhando, pois nas classes A e B esse número é de 18%. Para medir os efeitos da crise e da falta de políticas públicas para educação e inserção profissional dos jovens, basta verificar que, em 2005, os percentuais de nem-nem eram de 16% e 7%, respectivamente. É m drama a ser enfrentado por toda a sociedade, a exemplo do que faz o CIEE ao possibilitar formação profissional para milhares de estagiários e aprendizes.
Luiz Gonzaga Bertelli é presidente do Conselho de Administração do CIEE