Prefeitura estuda mudanças para fortalecer ações da Defesa Civil em Rio Claro

Objetivo é ter maior autonomia para tomar medidas preventivas ou reativas em caso de crises  

471
Rio Claro, Wagner Araújo, também presente à reunião, da qual participou também o diretor municipal de Mobilidade Urbana, Adilson Marques  

A prefeitura de Rio Claro quer fortalecer a atuação da Defesa Civil no município. O assunto foi discutido na sexta-feira (28) pelo prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, e o secretário de Segurança, Defesa Civil e Mobilidade Urbana, Marco Antonio Bellagamba. “O modelo de Defesa Civil existente em Rio Claro precisa ser atualizado para que possamos oferecer um serviço cada vez melhor para a comunidade”, comenta Juninho.
De acordo com Bellagamba, o município está fazendo minuciosa avaliação das legislações estadual e federal para que a atuação da Defesa Civil local seja reestruturada. “Queremos maior autonomia do município para decisões que são fundamentais à segurança da população”, explica. “Nos casos de áreas de risco, por exemplo, a Defesa Civil local precisa de normatização que permita mais rapidez nas ações preventivas ou reativas”, acrescenta.
Um dos objetivos da prefeitura é justamente tornar mais eficientes e eficazes os trabalhos preventivos desenvolvidos pela Defesa Civil. “Também temos que criar regras claras que nos permitam acionar outros órgãos da sociedade em caso de crise”, diz o diretor da Defesa Civil de Rio Claro, Wagner Araújo, também presente à reunião, da qual participou também o diretor municipal de Mobilidade Urbana, Adilson Marques.
A Defesa Civil de Rio Claro conta atualmente com 14 integrantes e pode ser acionada 24 horas pela linha 199, inclusive nos sábados, domingos e feriados. Além do monitoramento de áreas de risco, a Defesa Civil municipal desenvolve ações como a operação De Olho nas Queimadas, para prevenir incêndios durante a estiagem, a Operação Verão voltada aos riscos dos períodos de chuvas fortes, vistorias para verificar a situação estrutural de imóveis, entre outras.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA