Projeto de inclusão digital procura voluntários

Reunião será realizada dia 18 de maio na sede da Udam, das 14h às 15h30

499
Reunião na Sede da Udam, na Avenida 23, 1483 (esquina coma Rua 15, Próximo ao Velório Municipal), dia 18 de maio das 14h às 15h30. Para mais informações: divulgação@udam.org.br. Contato: (19)3532-4408 / 3523-1926

O projeto “Inclusão Digital Colaborativa: Tecnologia e Educação” promovido pela ONG Udam (União de Amigos) juntamente com o Instituto de Geociências e Ciências Exatas (IGCE) da UNESP e a Secretaria Municipal de Assistência Social, convidam pessoas da comunidade a serem voluntários em capacitação de monitores do projeto. Os interessados para capacitação podem comparecer em reunião na quinta-feira (18) na sede da Udam, das 14h às 15h30.
O projeto oferece o curso denominado “Inclusão Digital e Cidadania” a turmas de crianças, adolescentes/jovens e adultos/terceira idade de Rio Claro. O objetivo é promover a inclusão digital de forma funcional, que vai além do uso do mouse e acesso à Internet, inserindo aspectos de cidadania na construção do saber. Para os adolescentes e jovens, o projeto colabora na formação para o mercado de trabalho, com ênfase em orientações sobre o comportamento em sociedade, além das habilidades técnicas. Para as demais idades, o projeto faz uso das experiências de vida, promovendo um ambiente de interação e construção do conhecimento técnico. O projeto utiliza uma metodologia própria, denominada “Indinia”, desenvolvida pela Profa. Dra. Hilda Carvalho de Oliveira, que atua na Graduação e Pós-graduação em Ciência da Computação da Unesp.
Requisitos para ser um voluntário no projeto: Ter idade entre 14 e 75 anos; ter conhecimentos básicos de Informática, incluindo alguns recursos do sistema Windows e algumas ferramentas do MS-Office; ser uma pessoa determinada e dinâmica, que acredite em ações práticas para transformações construtivas da nossa sociedade.

Capacitação dos voluntários
O projeto inclui um curso de capacitação para os voluntários, que será oferecido uma vez por semana, de maio a julho, com emissão de certificados. Essa capacitação visa orientar os voluntários a entenderem os aspectos metodológicos e recursos utilizados. Após a capacitação, o voluntário poderá colaborar com pelo menos uma aula por semana em uma turma do curso “Inclusão Digital e Cidadania”, a ser oferecido de agosto a dezembro.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA