Iluminação Pública

O prefeito eleito de Rio Claro, João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, solicitou o apoio senador Ronaldo Caiado (DEM) para aprovação do Projeto de Decreto Legislativo (PDS 85/2015), em trâmite no Senado e que revoga a resolução da Agência Nacional de Energia Elétrica  (Aneel) que transferiu às prefeituras a manutenção da iluminação pública. 
Segundo Juninho, o senador assumiu o compromisso de dar atenção especial ao pedido, uma vez que o assunto é de abrangência nacional e interessa a todos os municípios brasileiros.
O encontro com Caiado aconteceu durante o Seminário Prefeitos 2016, promovido nessa sexta-feira (02) pelo Democratas em São Paulo. Juninho participou do evento a convite do deputado estadual Aldo Demarchi.

iluminacao-publica

De autoria do deputado federal Nelson Marquezelli (PTB), a proposta já foi aprovada na Câmara Federal e atualmente está sob análise da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado, da qual Caiado é um dos membros. 
Em trâmite pelo Senado desde abril de 2015, a matéria chegou a ser incluída entre os projetos do chamado Pacto Federativo, que teriam prioridade na votação por tratar de temas de interesse dos estados e municípios. Na época, o presidente do Senado Renan Calheiros (PMDB) chegou a afirmar que o Congresso assumiu um compromisso com os governadores e prefeitos e iria honrá-lo.
Como agravamento da crise política, que culminou com o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), a proposta acabou sendo relegada ficando paralisada na CAE.
Em Rio Claro, a transferência dos serviços de manutenção do sistema de iluminação pública ao município a partir da resolução da Aneel, serviu de pretexto para a criação da Taxa de Iluminação.

Árvore Solidária do Shopping Rio Claro

Até 24 de dezembro, as pessoas podem presentear crianças atendidas pelo Fundo Social de Solidariedade retirando cartões que estão na árvore localizada na Praça de Alimentação

O Fundo Social de Solidariedade de Rio Claro e o Shopping Rio Claro se unem para uma grande ação em prol da infância e adolescência da cidade. Como em anos anteriores, a Árvore Solidária do Shopping Rio Claro arrecadará brinquedos, roupas e sapatos para crianças atendidas pelo Fundo Social.
Participar é fácil: basta pegar um cartão da Árvore Solidária montada na Praça de Alimentação com dados da criança, como sexo, idade, tamanho de roupa e de sapato. O participante pode entregar um único presente ou montar um kit de Natal para presentear as crianças das entidades Aldeias Infantis (crianças abrigadas) e Cooper Viva –  Cooperativa de Reciclagem (filhos e netos dos cooperados).
As doações serão recebidas na administração durante o horário de funcionamento do centro de compras, mas é importante anexar na sacolinha o cartão escolhido. A Árvore Solidária está disponível na Praça de Alimentação do Shopping Rio Claro.
“Esta ação solidária ocorre pelo terceiro ano consecutivo e nas primeiras edições presenteou mais de 200 crianças carentes atendidas pelo Fundo Social de Solidariedade de Rio Claro, e mais uma vez contamos com a colaboração de nossos clientes para promovermos um Natal mais feliz para essas crianças”, destaca Sibelly Paganotti, analista de marketing do Shopping Rio Claro.

arvore-solidaria-2 arvore-solidaria-3

Natal Luz tem apresentação de piano no domingo

A partir das 9 horas, músicas natalinas serão interpretadas pelo pianista Claudionor Fonseca e devem acentuar o clima de emoção que toma conta da população neste período de festas. A Igreja Bom Jesus fica na Via da Saudade, entre ruas 11 e 12, Bairro do Estádio.
Com música, teatro, dança, exposição e festa, a programação do Natal Luz 2016 tem entrada franca e vai até o dia 23 de dezembro. Um dos destaques é a festa que acontece no dia 8 na Praça do Ferroviário (Rua 1 com Avenida 5, Centro), com feira de artesanato, casa do Papai Noel e atrações musicais. 
Nos dias 8 a 11 e 14 a 23 de dezembro a programação inclui mega festival de food truck, que terá música ao vivo em todos esses dias. O festival acontecerá na Praça do Ferroviário, funcionando nos dias de semana das 17 às 22 horas e aos sábados e domingos das 11 às 22 horas. Será disponibilizado estacionamento com cobrança de entrada. A arrecadação será destinada ao Grupo de Apoio à Criança com Câncer (Gacc).
O Natal Luz 2016 é realizado pela prefeitura de Rio Claro, por intermédio do Fundo Social de Solidariedade e das secretarias de Turismo e Cultura. O apoio é das igrejas católicas do município, Gacc, Rio Claro Solidária, Abrigo da Velhice São Vicente de Paulo e “food trucks”.

Senseis fazem entrega de faixas para formandos de judô em RC

O evento aconteceu no Ginásio Municipal de Esportes “Felipe Karam” e reuniu cerca de setecentas pessoas entre alunos, seus familiares e amigos. A entrega foi realizada pelos professores Patrícia Baungartner Diniz e Rodolfo Mathias. 

O evento contou com a presença do sensei Luiz Carlos Mubarac, sensei Sidnei Paris, da 8ª Região da Federação Paulista de Judô, o vereador Geraldo Voluntário e senseis faixas pretas da associação. 

senseis-fazem-entrega-de-faixas2

A atração da noite foi a apresentação de técnicas obrigatórias para exame de graduação da categoria. A apresentação foi feita pelos senseis faixas pretas Eudes Gabriel e Patrícia Diniz. Os senseis Rodolfo e Eudes apresentaram técnicas de defesa pessoal. Alunos faixas roxas também fizeram apresentações concluídas com o evento “Judô Show”.

Ao destacar a importância do judô como esporte que promove o equilíbrio entre corpo e mente, Geraldo Voluntário assinalou o espírito  ético estimulado pela modalidade. Ele parabenizou os professores e participantes. 

As aulas de judô são gratuitas e oferecidas pela Secretaria Municipal de Esportes na academia “Uadi Mubarac”. Atualmente na Rua 12 entre as avenidas 1 e 3, a academia conta com 160 alunos divididos em sete turmas. Novas  matriculas estarão abertas em fevereiro e poderão ser efetuadas no Ginásio Municipal de Esportes.

Rio Claro premia campeões estudantis de xadrez

A competição, realizada pela Secretaria Municipal de Esportes, teve 10 etapas e se estendeu por diversas sedes e regiões da cidade, de fevereiro a novembro, reunindo 1.200 estudantes, de seis a 16 anos.
“O xadrez é uma tradição na cidade, como prova o elevado números de crianças que participaram do campeonato. Isso se deve ao incentivo das escolas, dos diretores e professores, dos pais, avós, das secretarias de Esporte e Educação, da prefeitura, que sempre nos apóiam”, afirmou o professor e técnico de xadrez Marcos Antonio Lopes, mais conhecido por Marcão.     

rio-claro-premia-campeoes-de-xadrez-2

A vereadora Maria do Carmo Guilherme, que representou a Câmara Municipal, destacou que o xadrez “precisa estar presente também nos bairros mais afastados e convidou os presentes a trabalharem por este objetivo”. Na avaliação do prefeito Du Altimari, a premiação dos enxadristas que ocorre há vários anos na prefeitura, evidencia o quão este esporte é apreciado e difundido entre as crianças e jovens. “É um jogo de estratégia, de escolhas, de disciplina, que tem muita semelhança com a nossa vida, e podemos aprender com o xadrez para orientar nossas ações”, disse, dirigindo-se às crianças.  
Os campeões, vices e terceiros colocados deste ano foram, pela ordem: Na categoria Sub 8 masculino – Matheus Moreira Martelli, Matheus Carneiro Takaoka e Vinicius Vitti de Castro, e, no feminino, Maria Eduarda Quintino Zanardo, Raica Pavole Rodrigues e Suzana Jeani S. Caetano, todos do Colégio Objetivo; na categoria Sub 10 masculino – Pedro Leão (Colégio Koelle), Guilherme Braseliano Gomes (Objetivo) e Guilherme Sittolin (Koelle), e, no feminino, Vitória Borin Simões, Maria Clara Fernandes Oliveira e Lara Mussareli Marchezin, todas do Objetivo; na categoria Sub 12 masculino, Victor de Lima (Koelle), João Pedro Machado Negri e Felipe Jardim Pinhatti, os dois últimos do Objetivo, e entre as meninas, Isabela Duarte Vicente (E.M. Monsenhor Martins), Maria Eduarda P. Rissi (Objetivo) e Alexandra Marlene Marinho Barreto (E.M. Luiz Martins Rodrigues Filho); na categoria Sub 14 masculino – Vinicius Eduardo Moreira Pittoli (Koelle), Lucas Yan Albertin (Koelle) e Murilo Christofoletti (Objetivo), e, no feminino, Giulia Raphaela de Morais (Objetivo), Vivian Freitas Francisco (Objetivo) e Ana Júlia Fernandez (Koelle).
Participaram do campeonato as seguintes instituições de ensino, pela ordem de classificação: Colégio Objetivo, Colégio Koelle, E.M Luis Martins Rodrigues Filho, E.M Monsenhor Martins, E.M. Antonio Sebastião da Silva, Colégio Claretiano e Colégio Puríssimo.  
Participaram da solenidade o vereador Geraldo Voluntário, grande incentivador do xadrez no município, as diretoras e representantes das escolas citadas, os secretários municipais de Esportes, Sérgio Ferreira e de Educação, Heloisa do Carmo, entre outros.

Eleitos da Cipa da Fundação de Saúde assumem dia 7 de dezembro

A solenidade está marcada para as 9 horas, no auditório da Associação Comercial de Rio Claro, quando será empossada presidente a psicóloga do Núcleo de Educação em Saúde, Treinamento e Desenvolvimento (Nestd), Marta Teresa G. Linardi Bianchi. Na vice-presidência tomará posse o agente de combate às endemias do Centro de Controle de Zoonoses, Marcio Rodrigo De Amo.
A comissão é regulamentada pela NR-5. A posse é de caráter anual. A Cipa tem como objetivo a prevenção de acidentes e doenças decorrentes do trabalho, de modo a tornar compatível permanentemente o trabalho com a preservação da vida e a promoção da saúde do trabalhador, visando multiplicar os conhecimentos referentes à segurança, higiene e saúde dos trabalhadores.

EM CUBA, COM OU SEM VOLTA?

Carlos Chagas

Agora que 70 executivos da Odebretch assinaram os pedidos de delação premiada e começarão a denunciar perto de 200 políticos envolvidos com a roubalheira, a moda é especular quais os “peixes grandes” que cairão na rede.
A grande indagação é se o Lula será ou não premiado. Os vazamentos já estão no forno, mas resposta ainda não há. Como o ex-presidente viajou ontem para Cuba, a fim de participar dos funerais de Fidel Castro, a bolsa de apostas está em aberto. No PT, há quem se organize para tratar da defesa, como também existem os companheiros empenhados em deitar gasolina no fogo.
Para o governo Temer, seria o que de pior poderia acontecer.
O Lula já declarou que se aparecer uma mínima insinuação de que participou da lambança, irá a pé para a primeira delegacia da Polícia Federal que encontrar, entregando-se à Justiça.
Divide-se o país. Metade, ávida de receber uma carta de alforria para o primeiro companheiro, o resto torcendo para ele ser definitivamente afastado da corrida sucessória.
Como vazamentos são inevitáveis, é possível que antes de retornar de Cuba o ex-torneiro-mecânico já tenha definida sua sorte. Há quem o aconselhe, até, de que se for incluído na lista dos acusados, poderá pedir asilo a Raul Castro. Aguardaria a decisão da justiça instalado numa das casas de visita nos arredores de Havana.
A História tem dessas reviravoltas. Registra-se uma situação daquelas consideradas inimagináveis há um ano atrás. Haverá que aguardar, especulando-se apenas a quantidade de malas que o primeiro-companheiro levou para Cuba.

Para não se misturar alhos com bugalhos

Borbulham notícias de Brasília sobre as articulações do Presidente do Senado e parlamentares envolvendo as mudanças legislativas que se quer implantar a toque de caixa, num momento de grande tensão entre os poderes da República e de grande mistura de temas e assuntos que acabam confundindo a todos.
Quando se fala de controle, limitações e responsabilização das atividades de magistrados e representantes do Ministério Público, é importante deixar bem claro que a única bandeira que a Ordem dos Advogados do Brasil defende é a criminalização dessas autoridades exclusivamente nos casos de violação das prerrogativas de advogados. Não se quer atingir a independência de juízes e promotores e procuradores, muito menos enfraquecer as decisões e investigações contra qualquer que seja o acusado ou envolvido. Pipocam comentários e críticas à OAB totalmente equivocadas, maliciosas e deturpadoras, não se sabe com que finalidade!
Há mais 15 anos (não é de agora, portanto, no contexto desse lamentável cenário conturbado que assola Brasília) a OAB vem lutando para que a violação às prerrogativas dos advogados, por abuso de autoridade, seja considerada crime, em verdadeira defesa da cidadania, na medida em que os advogados, essenciais à administração da justiça, conforme assim estampado no artigo 133 da Constituição Federal, são os únicos aptos a postular direitos e garantias fundamentais de cada brasileiro.
Asseguradas por um conjunto de dispositivos legais, pelo Estatuto da Advocacia e pela própria Constituição Federal, essas prerrogativas são , na verdade, garantias aos próprios cidadãos brasileiros. As prerrogativas não são privilégios, mas sim garantias para o pleno exercício profissional. O advogado só tem como escudo a Constituição e a Lei, que lhe garantem o pleno exercício se seu papel social e profissional, essencial que é à administração da Justiça.
As prerrogativas e os direitos dos advogados constituem dever imposto a todas as autoridades – judiciárias, policiais, administrativas e legislativas -, e a violação ao bem jurídico tutelado, ou seja, direitos e prerrogativas profissionais, compromete o estado democrático de direito e, especialmente, os direitos correspondentes às liberdades individuais, impedindo o ministério privado do advogado que, no exercício da profissão, presta serviço público e exerce função essencialmente social.
A função do advogado é a construção da justiça social (que pressupõe a compatibilização dos interesses particulares com os interesses sociais e o bem comum), e só é plenamente atingidas com o manuseio de suas prerrogativas profissionais, ferramentas que asseguram a plenitude de seu papel. Na visão do ministro do Supremo Tribunal Federal, Celso de Mello, as prerrogativas profissionais dos advogados, considerada a finalidade que lhes dá sentido e razão de ser, compõem, em nosso sistema jurídico, o próprio estatuto constitucional das liberdades públicas. A proteção de tais prerrogativas, quando injustamente atingidas pelo arbítrio estatal, representa um gesto de legítima resistência à opressão do poder e à prepotência de seus agentes e autoridades.
Estão redondamente enganados os que encaram o desrespeito às prerrogativas como simples afronta a pretensos privilégios dos advogados. Em verdade, quem perde é o cidadão, que na pessoa do advogado entrega seus direitos e sua liberdade, até porque o desrespeito às garantias e prerrogativas da advocacia significa desrespeito às pessoas que serão pelos advogados representadas.
O Estado mostra-se por vezes forte e arbitrário, tocado por autoridades que ainda relutam em respeitar as prerrogativas profissionais dos advogados. A Advocacia Brasileira e a cidadania como um todo precisam que o Congresso Nacional criminalize, o quanto antes, o ato de violar direito ou prerrogativa do advogado, impedindo ou limitando sua atuação profissional. O projeto tramita em Brasília e já foi aprovado pela Câmara, indo ao Senado para apreciação.
Se parlamentares e autoridades querem minimizar o poder e força do Judiciário e do Ministério Público nas operações de caça aos corruptos e malfeitores, nas quais centenas deles estão envolvidos, não é isso que a OAB compartilha ou apoia. Muito ao contrário. A OAB condena o “Caixa 2”, as bandalheiras investigadas na Lava Jato e outras operações, repugna privilégios e salários acima do teto constitucional e outras artimanhas e defende sempre o fortalecimento das funções dos juízes, delegados, promotores e procuradores.
Compreendido o que a OAB quer, importante não misturar alhos com bugalhos.
William Nagib Filho – Advogado

Conta Gotas: 04/12/16

Por: Eduardo Sócrates Bergamaschi

Caindo na real…
Desde a época de campanha, quando o prefeito eleito João Teixeira Junior apregoava que iria revogar a lei da taxa de iluminação, nós dizíamos aqui nesta coluna que seria um tiro no pé. Tudo, simplesmente pela lógica, já que a situação financeira das prefeituras estavam em situação precária e renunciar a receita seria loucura total. Hoje recebemos um comunicado do Democratas de Rio Claro, onde somos informados que o prefeito eleito pediu ao senador Ronaldo Caiado a aprovação de projeto de lei, em trâmite no senado, que revoga a resolução da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) que transferiu às prefeituras a manutenção da iluminação pública

Institucionalizado…
Fala-se muito sobre a corrupção e aponta-se os dedos somente para os políticos e grandes empresários. Pois então, vejam uma denúncia do prefeito de Santa Gertrudes, cidade vizinha de Rio Claro: “o município perdeu 10 anos em licenças médicas do funcionalismo público municipal”. E Santa Gertrudes não é a única, isto é muito comum. E Rio Claro não é diferente. Basta ver a movimentação nas unidades médicas do município. Toda segunda-feira as unidades de saúde enchem de pessoas que não têm nada aparente, que vão aos locais apenas para conseguir atestado médico ou justificativa de ausência do trabalho. Estes funcionários, públicos ou não, são menos corruptos que aqueles políticos? É claro que não, só dão menos prejuízo aos cofres públicos, mas são tão desonestos quanto. E pior é que estes são os primeiros a irem às ruas protestar ou fazer greve. #prontofalei…

Fidel: bom ou ruim…
O líder cubano, falecido há poucos dias tem sido discutido em muitos lugares e em vários níveis. Recentemente vimos uma celeuma sem explicação na Câmara Municipal de Rio Claro, quando alguns vereadores solicitaram um minuto de silêncio por sua morte. Eu volto a afirmar que não morria de amores pelo ditador cubano e muito menos pelo regime castrista de seu país. Mas somos obrigados, pelo bom senso e reflexão sem lado partidário que o líder cubano pode e deve ser reconhecido positivamente como uma das figuras mais marcantes da história na tentativa de concretizar o ideal de justiça social plena, de superação das opressões e explorações no convívio social. Mas também deve ser reconhecido negativamente como protagonista de um caminho que não deve ser trilhado. Simples assim

Varre, varre vassourinha…
Confesso que tenho me lembrado muito da musiquinha de campanha de Jânio Quadros, “Varre, varre, vassourinha”, ao ver as operações da Policia Federal chegar ao fim e punir, mesmo que não fosse como nós queríamos, os culpados. Principalmente agora que a Polícia Federal (PF) concluiu inquérito da primeira fase da Operação Calicute, que investigou crimes de corrupção na gestão do ex-governador Sérgio Cabral, atualmente preso no Complexo Prisional de Bangu. Foram indiciadas 16 pessoas por crimes que incluem corrupção passiva e ativa organização criminosa e lavagem de dinheiro. A PF ainda vai instaurar outros inquéritos para aprofundar as investigações. Segundo apurado nas investigações, os crimes chegam a R$ 220 milhões, valor pago por grandes empreiteiras como propina para garantir obras públicas. Agora só vamos esperar que nos devolvam todo este dinheiro.

Começou…
E os fatos começam a vir à tona. Segundo a Odebrecht foi feito um pagamento de R$ 5 milhões de caixa dois à campanha de candidato à Presidência da República de El Salvador. O relato faz parte do acordo de delação premiada assinado nesta semana por 77 executivos do grupo empresarial baiano. Segundo a delação o dinheiro foi pago em 2008 pela Odebrecht ao marqueteiro João Santana. O montante teria sido descontado do caixa do PT junto à empreiteira, no qual eram feitos pagamentos de valores ilícitos, segundo disseram os delatores às autoridades. E disseram mais: o abatimento tivera a autorização do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Imaginem o que virá pela frente…

Descarte ilegal de resíduos

A viatura 4.86 com os GCMs Andrade e Gonçalves depararam pela Estrada Velha de Araras, no entorno da Floresta Estadual Edmundo Navarro de Andrade com uma área de descarte de resíduos sólidos.  Dentre os resíduos descartados haviam monitor CRT, embalagem de óleo para motor, fonte de alimentação para notebook, isopor, pneu de caminhão, além de entulhos de sobras de material de construção. O local do descarte foi informado ao Sepladema para a posterior limpeza, pois fica a margem de uma nascente afluente do Ribeirão Claro que passa pela FEENA, onde há uma estação de captação do DAAE. Foi elaborado o RO/GCM nº 1639.

Guarda civil localiza motocicleta roubada pelo São Miguel

Ao solicitarem pesquisa no emplacamento HGQ-6881 trata-se de uma YAMAHA/LANDER  XTZ 250 de cor preta de Rio Claro roubada na data de 30/11/2016 próximo ao posto Pálito. Conduzida ao Plantão Policial a autoridade plantonista elaborou BOPC 13494/16 juntamente com o Auto de Exibição / Apreensão/Entrega de veículo pois a proprietária compareceu pelo Plantão.

Em clima natalino, cão visita pacientes da AACD

Isso porque o cão Magnus, vestindo um gorro de Papai Noel, fará uma visita à instituição na próxima quarta-feira, 7 de dezembro, das 9h às 12h, pronto para brincar com pacientes de todas as idades.

Da raça Bernese, o animal é extremamente dócil e convive muito bem com crianças ou pessoas em tratamento. “Essa é a quarta visita do nosso mascote à AACD neste ano, todas elas um sucesso absoluto. É gratificante notar a emoção nos olhos das crianças, que ficam encantadas com a simpatia do Magnus, e podemos perceber também o quanto ele se diverte”, comenta João Paulo Piza, gerente de marketing da Magnus, fabricante de alimentos para cães e gatos.
 
O Magnus foi selecionado ainda filhote e passou por adestramento e situações de sociabilização desde então. Ele é presença constante em ações sociais promovidas pela empresa e também em asilos e hospitais, como o Grupo de Pesquisa e Assistência ao Câncer Infantil (GPACI), de Sorocaba (SP), e a própria AACD.
 
Sobre a AACD
A AACD, com 66 anos de história, é uma Instituição filantrópica e sem fins lucrativos — presidida por Regina Helena Scripilliti Velloso —, que tem como crença o estabelecimento de uma sociedade que convive com as diferenças porque reconhece em cada indivíduo sua capacidade de evoluir e contribuir para um mundo mais humano.

Personagens retornam para temporada de encontros gratuitos no Shopping Piracicaba

As personagens de Toy Story (Disney-Pixar) retornam à Praça de Eventos Norte (expansão) para receber os clientes junto à decoração principal, a até terça-feira (6) e seguem com muita interação
 
Sempre das 15 às 18h30, os encontros são gratuitos e em sessões de 30 minutos, intercalando as presenças de Woody e Jessie com a participação do Buzz. As senhas para garantir mais conforto ao público serão distribuídas no piso L2, em uma loja especial, no corredor do Chiquinho Sorvetes e Horácio Cabeleireiros. Quem passar por lá pode garantir fotos com seus próprios celulares ou câmeras fotográficas.

shopping-piracicaba

 
Além de conhecer de perto Buzz, Woody e Jessie, os visitantes podem conferir cada detalhe da decoração de Natal Toy Story, já que as apresentações ocorrem junto à decoração principal.
 
O cenário é composto por uma grande árvore de Natal, de cerca de 10 metros, enfeitada com itens referentes ao filme, além da exposição de gigantografias do Buzz, Woody e a cadeira do quarto do Andy.
 
A garotada também pode se divertir com um gira-gira e o baú Tire Fotos, atrações gratuitas que prometem recordações inesquecíveis. Outras árvores menores de 2 e 3 metros de altura, aproximadamente, complementam a decoração.

Mortalidade por Aids cai mas infecção entre jovens gays cresce em SP

Levantamento da Secretaria de Estado da Saúde, realizado por meio de seu Centro de Referência e Treinamento em DST/Aids (CRT/DST-Aids) mostra que, embora a mortalidade por Aids esteja diminuindo no Estado, a detecção das novas infecções pelo HIV cresceu exponencialmente entre jovens gays em SP. 
A taxa de mortalidade pela doença em 2015 foi de 6 por 100 mil habitantes, 23,5% a menos do que em 2006 e 73,8% inferior à registrada desde 1995. No ano passado morreram 2.573 pessoas com Aids em todo o Estado, o que representa uma média de sete óbitos por dia.
Já a detecção de novas infecção pelo HIV entre homens que fazem sexo com homens apresentou aumento de 121% desde 2010, passando de 1.686 casos para 3.728 em 2015. No mesmo período a detecção entre homens heterossexuais também cresceu, mas em uma proporção bem menor: 28%.
As taxas de detecção do HIV na população como um todo cresceram 4,2 vezes entre 2000 e 2015, passando de 4,2 para 17,6 casos por 100 mil habitantes no período. Mas entre os homens o crescimento no período foi muito maior: 6,5 vezes, contra 1,8 no caso das mulheres. 
Em relação à idade, as maiores taxas de detecção do vírus em homens concentram-se entre jovens de 20 a 24 anos. Nessa faixa etária o índice de detecção subiu de 30,8 para 79,4 casos por 100 mil habitantes no período de 2010 a 2015.
Entre os homens de 25 a 29 anos a taxa de detecção passou de 35,9 para 70,5 no mesmo período. Mesmo entre os jovens do sexo masculino de 15 a 19 anos há uma tendência crescente de detecção do HIV. A taxa para essa faixa etária cresceu de 7,4 para 20,6 casos entre 2010 e 2015. 
Desde 1980 o Estado de São Paulo registrou 251.133 casos de Aids. A razão de sexo (homem/mulher), que apresentava declínio, desde 2008 vem crescendo, de 1,7 caso por 1 para 2,8 por 1 em 2015. (fonte – Centro de Referência e Treinamento DST/Aids-SP).