Segunda etapa do Projeto Alimentação Saudável: Escola Municipal Dom Pedro I

O tema alimentação é motivo de preocupação de pais e educadores, visto que o mercado oferece uma enorme quantidade de produtos alimentícios que, através da mídia, invadem as casas e tornam os hábitos alimentares inadequados.
Neste sentido faz-se necessário estimular o consumo de alimentos orgânicos, que são isentos de substâncias químicas (agrotóxicos). Os alimentos orgânicos também contribuem para saúde, visto que garantem melhor qualidade de vida.
Pensando neste parâmetro a Escola Municipal Dom Pedro I há dois anos realiza o Projeto Alimentação Saudável com os alunos do Maternal II, turma B e F, atualmente em sua segunda etapa, que estimula os alunos ao consumo de alimentos saudáveis.
Segundo a Professora Luciana, responsável pelo projeto, o objetivo é incentivar o consumo de frutas e verduras nos hábitos alimentares diários dos alunos, de forma lúdica e educativa, contando histórias, fazendo experimentações sensoriais com diferentes frutas que aparecem na merenda escolar, aprendendo receitas de sucos, e até sorvetes naturais com as mesmas. Estas atividades são muito apreciadas pelas crianças.
Além do contato e utilização de alimentos orgânicos, e sua utilização, os alunos também aprendem como parte integrante, a cultivar estes alimentos, desenvolvendo hortas na escola, tendo contato com a terra, acompanhando o crescimento das verduras, cuidando, regando, e colhendo estas que irão consumir o que incentiva cuidados com o meio ambiente.
Segundo a Professora Luciana, o trabalho ainda contará com a socialização de várias receitas saudáveis, previamente selecionadas, que formarão um livro de receitas, e que serão distribuídos aos pais como uma forma de incentivo ao consumo de alimentos orgânicos.
As ideias para o projeto na escala faz parte de uma experiência enriquecedora adquirida pela professora responsável, junto ao grupo de estudos de Educação Ambiental e Valores, ministrado pela Professora Dalva Bonotto na UNESP campus de Rio Claro – SP, roda de conversa com o atual secretário de agricultura e um comerciante do mercado municipal que trabalha com alimentos orgânicos, bem como, auxilio de alunos da UNESP campus de Rio Claro – SP.
Assim, este projeto além de transmitir informações para os alunos, e promover a interatividade com a terra, proporciona aulas práticas, inclusive de degustação dos alimentos orgânicos e consegue-se transmitir a importância e dimensão de incentivar práticas alimentares saudáveis em todo âmbito escolar.

Alunos recebendo as mudas das hortaliças para plantação
Alunos recebendo as mudas das hortaliças para plantação
Plantação de hortaliças pelas crianças da Escola Dom Pedro I
Plantação de hortaliças pelas crianças da Escola Dom Pedro I
Professora Luciana da Escola Dom Pedro - Auxiliando os alunos no plantio das hortaliças.
Professora Luciana da Escola Dom Pedro – Auxiliando os alunos no plantio das hortaliças.
Professora Preparando o Sorvete de Mamão  para as crianças
Professora Preparando o Sorvete de Mamão  para as crianças
Sorvetes feitos das Frutas da Escola
Sorvetes feitos das Frutas da Escola
Aluna da Escola Dom Pedro Saboreando o Sorvete feito de Mamão
Aluna da Escola Dom Pedro Saboreando o Sorvete feito de Mamão
Dinâmica sensorial, tentando adivinhar qual é a fruta
Dinâmica sensorial, tentando adivinhar qual é a fruta
Canteiro de Alface cultivado pelas crianças da Escola Dom Pedro I
Canteiro de Alface cultivado pelas crianças da Escola Dom Pedro I

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *