COLUNA IGREJA EM COMUNICAÇÃO: O pecador encontrando-se com Jesus

527

Por Caio Arthur Borgi

 

“Como eu não sei rezar, só queria mostrar meu olhar…” diz o romeiro caipira de Pirapora… O evangelho de hoje nos mostra assim uma pessoa que só quis encontrar, com seu olhar, o olhar de Jesus: Zaqueu, o chefe dos publicanos, aqueles corruptos que, por comissão, cobravam taxas para o imperialismo estrangeiro… Ora, encontrando o seu olhar, Jesus se convida a si mesmo para jantar na casa dele… A vida de Zaqueu se transforma. Converte-se, doa a metade de seus bens, restitui em quádruplo o que extorquiu (a lei romana obrigava a restituir o dobro). Jesus veio para este encontro. Veio procurar o que estava perdido. Foi um grande dia para ele: Deus se revelou maior que o pecado.

Para nós, este evangelho traz muita esperança. Significa que as pessoas não devem ser, sem mais, identificadas com seu pecado, com o sistema injusto no qual estão funcionando, com o imperialismo romano cobrando impostos por comissão ou qualquer outro sistema. Sabemos hoje cientificamente o que sempre se soube intuitivamente: não basta converter as pessoas, é preciso transformar as estruturas. Ora, Jesus mostra que a conversão da pessoa abala também a estrutura iníqua, pois esta teve que largar sua presa! A conversão de um pecador significa que alguém escapou do sistema do mal; é sinal do novo céu e da nova terra que estão por vir.

Em nossas comunidades existem dois perigos opostos, ambos muito prejudiciais. Ou se condena pura e simplesmente os ricaços e burgueses como inúteis para a Igreja dos pobres, ou se coloca todo o peso nos problemas e nas conversões individuais, sem que isso chegue a atingir a realidade social. Cada verdadeira conversão individual, tanto de um pobre como de um ricaço, mexe com as estruturas do mal e torna o Reino de Deus mais próximo.

E o papel da comunidade em tudo isso é: provocar o encontro do pecador com Jesus – ajudar Zaqueu a subir na árvore.

 

Caio Arthur Borgi é Radialista e membro da Assessoria de Comunicação da Diocese de Piracicaba .

Reflexão baseada na Liturgia Deste Domingo;

1ª Leitura: Sb 11,22 – 12,2
Sl 144
2ª Leitura: 2Ts 1,11 – 2,2
Evangelho: Lc 19, 1-10

NA CLARETIANA FM estou todos os sábados com o programa Tradição Sertaneja , sempre a partir das 5:00 da manhã com muita musica sertaneja.

 

Site : http://www.diocesedepiracicaba.org.br

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA