Escola Municipal Mitiko Nevoeiro realiza Olimpiadas do Óleo de Cozinha

A importância do descarte correto do óleo de cozinha usado tem sido alvo de inúmeras campanhas pela cidade, seja em comércios, setores públicos, escolas, residências, incentivando sua devida reutilização, evitando-se com isso sérios riscos e impactos no ambiente.

736
Alunas Kemily Vitoria da Silva Helloa e Fernanda Gomes de Lima, participantes das Olimpíadas do Óleo de Cozinha

Neste sentido a Escola Municipal Mitiko Matsuchita Nevoeiro, uma das colaboradoras na campanha, aproveitou o período olímpico e institui a partir do começo deste mês a 1ª Olímpiada do Óleo de Cozinha , que será coordenada pela Direção, Coordenação e Professores da Unidade, e se estenderá até o mês de Outubro, promovendo o recolhimento do óleo na unidade.

De acordo com as regras da olimpíada, a classe que arrecadar maior quantidade de óleo usado receberá um prêmio coletivo, seja material ou mesmo um passeio ecológico, a fim de valorizar o comprometimento dos alunos com a causa, pois acredita-se que a consciência é algo que precisa estar presente no dia-a-dia de cada um, e as crianças fazem uma grande diferença neste contexto.

A Coordenadora da unidade Samira Lautenschlager, informa que somente nestes quinze primeiros dias de competição , os alunos já arrecadaram 220 litros de óleo, e segundo os pais, os alunos estão funcionando como verdadeiros vigilantes, orientando os mesmos sobre os perigos de não despejar óleo na pia de maneira alguma, se atentando para as catástrofes ecológicas, ajudando-os na separação deste líquido para o destino adequado.

Percebe-se com esta atitude dos discentes uma contribuição valiosíssima ao ambiente, pois quanto menor for a quantidade de óleo descartado irregularmente, teremos um menor entupimento de tubulações, redução de gás responsável pelo efeito estufa, bem como menor interferência na vida marinha, garantindo a sobrevivência dos seres aquáticos por exemplo.
No entanto as olímpiadas vêm para reafirmar o compromisso desses alunos com a questão do óleo e valorizar esta atitude positiva que já é vista nas casas com seus familiares, promovendo a sensibilização e mostrando métodos alternativos de como reaproveitar este produto, destaca a Direção da Escola.

A pontuação para premiação será controlada pelos professores, através de listas em sala de aula, para uma melhor verificação da quantidade de óleo entregue por aluno. E juntamente com o material coletado, as crianças confeccionarão desenhos alusivos ao tema proposto. Posteriormente a seleção dos melhores trabalhos desenvolvidos por sala, ficará a cargo de uma comissão julgadora, composta por membros da direção e coordenação da unidade.

Painel de Fotos confeccionado durante as Olimpíadas do Óleo
Painel de Fotos confeccionado durante as Olimpíadas do Óleo
 Aluno Ethan Teodoro de Souza, chegando a escola com o óleo arrecadado
Aluno Ethan Teodoro de Souza, chegando a escola com o óleo arrecadado
Alunos do Infantil 2A - Professora Andrea de Cassia Pontes Balioti , em frente ao tambor de arrecadação do óleo na unidade escolar
Alunos do Infantil 2A – Professora Andrea de Cassia Pontes Balioti , em frente ao tambor de arrecadação do óleo na unidade escolar

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA