Bar no Jardim Village é roubado por dupla

Na tarde de sábado (23) dois indivíduos armados de revólveres, ocupando uma moto Honda na cor preta, roubaram por volta das 14h um bar localizado na avenida 80-A, bairro Jardim Village. A dupla rendeu a proprietária do estabelecimento e anunciou o roubo. Após graves ameaças os indivíduos fugiram do local levando isqueiros e a quantia de R$ 100 em dinheiro. PMs efetuaram patrulhamento, sem êxito na detenção dos acusados. 

Ladrões roubam posto de combustíveis

Um frentista que trabalhava no posto de combustíveis localizado na 14, bairro Parque Universitário foi vítima de roubo às 14h de sábado (23). Dois indivíduos armados, ocupando uma moto Honda, preta renderam a vítima e anunciaram o roubo. A dupla fugiu levando a quantia de R$ 80 em dinheiro. Uma testemunha anotou a placa da moto e forneceu dados para a polícia que está investigando o roubo.

Cerâmica em Santa Gertrudes é roubada por quadrilha

Cinco homens armados roubaram na noite de sábado (23) por volta das 23h, uma cerâmica em Santa Gertrudes onde um vigia que trabalhava no local, na Estrada Municipal Horácio Pascon, em Santa Gertrudes. Segundo os PMs foram informados de roubo em andamento, indo para o local e após contato com o vigia que trabalhava na cerâmica, foram informados que os indivíduos estavam todos armados. Após ameaças, os ladrões fugiram levando dois rádios comunicadores e um aparelho Nextel.

Rapaz morre após colidir com moto em um muro  

O almoxarife Robson Oliveira de Brito, de 26 anos, morreu na última sexta-feira (22), após colidir a moto que pilotava, a CG Titan, DNN-6284/Cordeirópolis, contra o muro de uma residência da Avenida Presidentes Vargas, na frente do hospital municipal. Segundo relato dos policiais militares Emidyo e Carlos, na delegacia da cidade, o rapaz subia com seu veículo pela avenida, quando teria perdido o controle e acabou batendo contra o muro. O condutor foi levado ao hospital, onde, segundo o médico plantonista já chegou sem vida. 
O Instituto de Criminalística (IC) esteve no local para os trabalhos da perícia, para o esclarecimento sobre as causas da colisão. Outra hipótese que a polícia trabalha é a do condutor ter se perdido ao passar por cima dos segredadores de velocidade que existem no local. O corpo de Robson foi enterrado no cemitério municipal de Cordeirópolis na sexta-feira. (Fonte: Gazeta de Limeira)

Condenados pela justiça são capturados

A Polícia Militar capturou condenados pela Justiça neste final de semana, dias 23 e 24 de Julho.
A primeira ocorrência se deu no sábado (23) às 16h, na avenida 7 com a rua 14, Centro, RIO CLARO. A equipe policial deparou-se com o indiciado M.G.A., contra o qual existe um Mandado de Prisão expedido pela 3ª Vara Criminal de Rio Claro, pelo Artigo 342 do CP, sendo ele conduzido ao Plantão Policial, permanecendo à disposição da justiça.
Outra captura se deu às 23h40 do mesmo sábado (23), na Rua Jacutinga, Vila Santa Terezinha, RIO CLARO. A equipe em patrulhamento pelo local dos fatos deparou-se com o indiciado E.C.B., onde foi abordado e após pesquisa PRODESP, constatou que o mesmo estava sendo Procurado pela Justiça, através de mandado de prisão preventiva expedido pelo Fórum Distrital da cidade de Itirapina, não consta o Artigo nem a Pena, sendo ele conduzido ao Plantão Policial, permanecendo à disposição da Justiça.
A terceira captura se deu na madrugada de ontem (25) às 02h na rua 2, Centro – Itirapina. A equipe policial em patrulhamento deparou-se com o Indiciado A.R.C., que após abordagem foi constatado via PRODESP que o mesmo era procurado pela justiça, indiciado apresentado no plantão policial onde permaneceu detido.

Quadrilha assalta residência no Jardim das Palmeiras

Seis indivíduos ainda não identificados, dois deles armados, um deles encapuzado roubaram às 22h32 de sábado (23), uma moradora da residência localizada na rua 12, bairro Jardim das Palmeiras. A vítima foi rendida quando chegava na residência. Após graves ameaças, o bando fugiu levando o veículo da vítima, um Fiat Strada com placa de Rio Claro, carregado com aparelho DVD, monitor de vídeo, outros objetos e a quantia de R$ 2 mil em dinheiro. O automóvel foi posteriormente localizado, abandonado nas imediações do bairro Terra Nova, sem os objetos roubados. Integrantes da GCM atenderam a ocorrência.

Trabalho é paralisado e base comunitária não sai do papel

“Quatro homens armados renderam e assaltaram um comerciante de 52 anos por volta das 18 horas de sábado/ Assaltantes invadem residência, na madrugada de domingo, e rendem casal de aposentados/ Empresa é roubada”. Essas são algumas notícias registradas nos últimos anos sobre a criminalidade que ronda o Jardim Mirassol.
Diante do quadro de delitos registrados, a comunidade encaminhou projeto à administração municipal para a instalação de uma base da Guarda Civil Municipal (GCM) no bairro. O prédio já tem local definido: será construída na avenida 8 com as ruas 21 e 22. No entanto, falta definir os critérios para o desenvolvimento dos trabalhos, bem como o prazo de entrega da obra.
Anunciada com 60 metros quadrados e ampla área para estacionamento, até o momento somente foi realizada a terraplanagem no local, trabalho executado em maio de 2010. No entanto, o anúncio da construção da base ocorreu em outubro de 2009.
O objetivo da instalação é oferecer mais segurança e tranquilidade aos moradores dos bairros Jardim São Paulo, Claret e Jardim Mirassol. A prefeitura definiu pela doação de área para construção, equipamentos, efetivo e viaturas para rondas na região. Os moradores se dispuseram a buscar apoio comunitário para conseguir recursos para oferecer o material de construção.

Prefeitura
Consultada, até o fechamento desta edição, a prefeitura não se manifestou

Cristovam Buarque – As Cores da Economia

As Cores da Economia
* Cristovam Buarque

Até recentemente, a ideia de economia verde era tida como um devaneio de ambientalistas, sem base teórica. Com o acirramento da crise ambiental, a economia verde ganhou legitimidade, apesar de ainda ser desconsiderada pelos economistas tradicionais porque, ao buscar alternativas sustentáveis para o processo produtivo, ela desrespeita os fundamentos da teoria atual. A utilização de preços diferentes do mercado de curto prazo e a restrição ao uso de certos recursos naturais, ainda incomoda economistas. Mas a economia do século XXI não pode continuar amarrada, como a do século XX, a ideia de que a estrutura de preços momentâneos é capaz de orientar o futuro. Sabemos que as chamadas externalidades, os impactos externos à economia e ao imediato, precisam ser consideradas.
Keynes dizia que no longo prazo, todos estaremos mortos e por isso, o futuro distante não importava. Mas no seu tempo o problema ambiental não existia e a economia não tinha poder de influir no longo prazo. Daqui para frente, a sustentabilidade ambiental é condição necessária a ser considerada em qualquer economia sólida. A crise ecológica se acirrou de tal forma, e tão rapidamente, que a simples mudança nos preços, justificando a preferência por recursos renováveis, já não é suficiente para enfrentar os problemas adiante. Mesmo assim, antes de ser aceita, a economia verde já nasceu velha: porque não basta o equilíbrio ecológico.
A substituição de combustíveis fósseis por renováveis pode gerar um efeito bumerang: o acomodamento diante da crise; e não basta a economia verde em cada carro, se no nível macro o número de carros cresce tanto que as florestas darão lugar a plantações de cana para alimentar toda a frota.
Também não basta a economia substituir o combustível fóssil por renovável se o perfil da demanda continuar voltado para a minoria de renda superior. A economia que dinamiza seu crescimento produzindo bens caros para a minoria, concentrando a renda, pode ser verde, mas não é a economia que o futuro precisa. Não vale a pena economia verde salvar o Planeta, se salvá-lo apenas para poucos. A economia do futuro precisa ser verde – no uso dos recursos naturais – e vermelha, no destino de seus produtos. Precisamos de uma economia que atenda as necessidades sociais como, por exemplo, a erradicação da pobreza, a diminuição da desigualdade e a ampliação do emprego. Uma economia com valores éticos, capaz de entender que na educação e na saúde a desigualdade é imoral. Enfim, uma economia vermelha.
A economia precisa definir o conceito de riqueza. Uma economia branca voltada para ampliar o bem-estar e não para destruir. A produção de armas não deve ser considerada como resultado positivo da economia, embora seja importante para a defesa. O valor do PIB deve descontar a produção dos bens de destruição e serviços de segurança e também o tempo perdido pelas pessoas na ida e vinda diária de um lugar para o outro.
A economia também precisa ser amarela e manter como símbolo os produtos da ciência e da alta tecnologia. A competitividade pela redução de custos, em geral pelo desemprego, não pode ser indicador da economia do futuro. A competitividade deve estar na capacidade de invenção de novos produtos capazes de elevar o bem-estar das pessoas. Para isso ela deve ter por base os cérebros, não mais mãos e braços.
Finalmente, a economia tem que ser azul e considerar o bem-estar como mais importante do que a produção. A abolição do analfabetismo não pode ser medida apenas pelo aumento de renda do alfabetizado. O PIB baseado em automóveis que engarrafam o trânsito, mesmo com carros elétricos, ou que fluem graças a viadutos construídos em vez de escolas, hospitais e sistemas de água e esgoto, não pode ser considerado como indicador da economia do futuro. Mais importante é uma economia que libere tempo dos trabalhadores e aumente os bens públicos e aqueles imateriais da cultura. A economia azul deve buscar eliminar os entraves que dificultam a busca da felicidade. Pode inclusive optar por um decrescimento do PIB como forma de aumentar o bem-estar.
A economia verde começou a ser aceita, mas ela não representa a metáfora certa. Pelo menos cinco cores são necessárias para definir a economia do futuro: o verde da sustentabilidade ambiental; o vermelho da justiça social; o branco de uma economia produtiva para a paz; o amarelo da criação de bens de alta tecnologia; e o azul da economia comprometida mais com o bem-estar do que com a produção e a renda.
* Cristovam Buarque é professor da UnB e senador pelo PDT-DF

Campanha “Crack, só se for de bola” é lançada hoje

O crack, um dos maiores males da atualidade começa a ser combatido em Rio Claro por uma juventude engajada e atenta às dificuldades de uma sociedade.
Hoje, às 19h, no auditório das Faculdades Claretianas, a Associação Juventude Ativa (AJA) faz o lançamento Político – Institucional da campanha: “Crack, só se for de bola”. O principal intuito da associação é colocar a juventude como protagonista de uma história de resgate de vidas, e tem nesta empreitada a colaboração de entidades, Ong’s e demais setores da sociedade civil.
O crack, considerado como o mau do século, mostrou que veio para destruir vidas, sonhos e famílias. Como Rio Claro não conta com programas para tratar a droga em sua especificidade, principalmente quando o problema envolve a Juventude, a maior parcela atingida por esta “Droga”, este movimento vem para promover debates, juntamente com especialistas em entorpecentes, Governo e sociedade civil, para que a frase de efeito da campanha: “Não há saídas individuais, para problemas coletivos”, seja colocada em prática, e se possa discutir, juntos, soluções para combate às drogas no município.
A AJA conta com o apoio da Comissão de Direitos Humanos da OAB, que mediará o debate e da ONG Miraterra. No lançamento, também serão apresentados as outras etapas da campanha, como a esportiva – provando o esporte ser um viés contra as drogas – e a cultural.
Para esta discussão, toda a sociedade rio-clarense está convidada, a fim de encampar essa luta juntamente com os envolvidos, para que juntos, possam criar uma nova perspectiva de futuro aos jovens, longe das drogas.
Informações outras podem ser colhidas pelos telefones (19) 9721-8853, com Carol Gomes, Presidente da AJA e (19) 9747-3057, com Beatriz de Freitas, Secretaria Geral.

Vândalos desviam de ecoponto para jogar lixo em área particular

Destinado a receber, praticamente, todo tipo de descarte, incluindo materiais recicláveis como plástico, papel, papelão, vidros e ferragens, o Ecoponto do Cervezão está em funcionamento. No entanto, populares preferem despejar, a poucos metros do recinto, lixo e entulho num lote particular na rua 5 com avenida Paulista, Jardim Portugal. Página

Ecoponto para jogar lixo e entulho em área particular

Muitos, ainda, preferem jogar material inservível em qualquer local ao invés de utilizar área reservada ao descarte

Localizado a poucos metros do Ecoponto do Cervezão, um lote particular na rua 5 com avenida Paulista, Jardim Portugal, é alvo de alguns “sujismundos”. Transformada em depósito irregular, a área recebe, diariamente, grande quantidade de resíduos sólidos da construção civil e outros materiais inservíveis.
Apesar de limpezas serem feitas na área pelo poder público, o desrespeito por parte de munícipes e a facilidade na forma como o descarte ocorre superam qualquer medida contra a ação dos infratores. São móveis velhos, lâmpadas, pilhas, baterias, restos de poda de árvore etc. espalhados por diversos pontos.
No entanto, destinado a receber, praticamente, todo tipo de descarte, incluindo materiais recicláveis como plástico, papel, papelão, vidros e ferragens, cuja quantidade não pode ser superior a um metro cúbico, o ecoponto, ainda, parece não fazer parte da nova cultura de alguns cidadãos.
Camila Arena conta que a situação deprecia o bairro e oferece riscos à saúde. “É inadmissível alguém sair de seu bairro só para jogar lixo e entulho na nossa porta. O ecoponto serve para quê?”, indaga a moradora.
Para reverter o quadro, a população deve fazer a sua parte e destinar corretamente o entulho e os restos de vegetação, seja no bolsão do Wenzel ou, também, nos ecopontos do Jardim São Paulo e São Miguel, que atendem das 8 às 16 horas, de segunda a sexta-feira. Além disso, compete ao poder fiscalizador atuar contra essa prática irregular.

CASAMENTO……FOREVER AND EVER ! ! !

CASAMENTO……FOREVER AND EVER ! ! !

Após tempo de ausência, estou dando olhadinha no meu blog. Outra vez, o fato já observado: pelo Feedjit o assunto procurado praticamente em 100% dos acessos, é relacionado a ” Sinais de final de casamento”. Ou “O casamento acabou…e agora?”
Fico me perguntando, se as pessoas sentem tanta carência afetiva, que não vislumbram possibilidades de vida plena, sem alguém do lado o tempo todo (tipo casamento, não simplesmente sair de vez em quando, algo assim). Será que existe diferença entre quantidade de acessos de homens e mulheres?
As mulheres sentem mais solidão que os homens?
Os homens, morando sozinhos conseguem dar conta de viver bem?
O que forma essa camada de vazio que do lado de cá da tela do computador, sinto boiando, à volta das pessoas que procuram o Blog?
Acompanho alguns blogs de artesanato, porque gosto de fazer trabalhos manuais desde sempre. O “tricozinhando” de uma amiga artesã do sul, tem sido um caminho muito usado, para visitantes novos, e o interesse é pelo mesmo assunto.
Gostaria de ter alguma opinião, comentário, dessas pessoas que chegam aqui, lêem o que escrevo. Qual será o pensamento de cada uma? Por que tanto interesse em sinais de desgaste de relacionamento? Tudo bem, existem coisas que, no meu modo de pensar e sentir, jamais são esquecidas. O primeiro toque de mãos, o primeiro beijo, o envolvimento maluco que nos rouba a razão, quando o primeiro namorado aparece e tudo é novo. De repente, hormônios enlouquecidos e a primeira relação sexual; que afinal, é parte de uma iniciação, porque nessa primeira vez, pode-se sentir tantas coisas, que nem dá para pensar direito. Prazer é mais tarde, com mais calma. Apesar de tudo que se inicia ser maravilhoso, seja na idade que for, pode acabar. Não está determinado de modo algum, que seres humanos são como as araras, que acasalam e jamais se deixam. Exemplo bonito de fidelidade, não? Mas outras pessoas chegam às nossas vidas, e podem ser maravilhosas também. Por que tantas preocupações com “casamento acabou….e agora?”, se outros relacionamentos podem perfeitamente surgir, com surpresas agradáveis? Claro, a gente passa por momentos de solidão, chora, sente tristeza, depois levanta a cabeça; primeiro por necessidade, depois por decisão de ir adiante. E vai lavar o rosto, entra num banho perfumado que lava a pele e leva os restos de dores. Com o passar do pente nos cabelos molhados, eliminamos simbolicamente de nossos pensamentos, as lembranças perturbadoras, porque realmente é vida que segue. Cada nova hora é uma interrogação, mas a curiosidade move o mundo. Isso é maravilhoso. Faz com que tudo se mova, a vida é dinâmica e nós seguimos o movimento, indo em frente.
Quando coloco um novo artigo aqui, falo de teorias psicológicas do modo que as entendi e tento transmitir. Se concordei com a ideia de uma amiga de colaborar com artigos relacionados com minha profissão, foi com esse intuito .Mas hoje estou escrevendo minhas indagações. Bem que gostaria de ter respostas a algumas delas, pelo menos.

Tereza Cristina Battiston Psicóloga – CRP – 06/2050

Daae realiza lavagem do floculador da ETA1

O Departamento Autônomo de Água e Esgoto (Daae) de Rio Claro realiza hoje (26), das 19h a meia noite, a segunda etapa da lavagem do floculador da Estação de Tratamento de Água (ETA1), localizada no bairro Cidade Nova. A primeira etapa do serviço foi realizada com sucesso na semana passada. É no floculador que acontece a limpeza da água.
O trabalho é indispensável para manutenção do sistema de abastecimento. Para reduzir os transtornos, o trabalho será efetuado no mais breve período de tempo possível. Devido ao serviço, no período da manhã de quarta-feira (27) poderá haver redução na pressão da água em alguns bairros.

Projeto para transformar centro abandonado em escola segue indefinido

Em março de 2010, o prefeito Du Altimari e a secretária de Educação, Heloísa Maria Cunha do Carmo, visitaram área abandonada que chegou a abrigar, temporariamente, no passado, o Centro Comunitário do Jardim Ipanema. Sem ter qualquer destinação específica e entregue ao abandono há vários anos, cogitou-se aproveitar o prédio numa espécie de operação “casada” projetada pela prefeitura.
A proposta, anunciada no local pelo prefeito e secretária, consistiu em utilizar o espaço para a construção do novo prédio da Escola Municipal Sueli Aparecida Marin, de ensino fundamental, que funciona atualmente no Jardim São João, cujas instalações já não suportam a demanda, somando-se ao fato de que a unidade, também, compartilha espaço com a Escola Municipal Mitiko Nevoeiro, dedicada à educação infantil.
“Queremos inaugurar a nova escola de Rio Claro em 2011”, anunciou a secretária Heloísa à época. No entanto, o Centro Comunitário segue abandonado e a promessa da unidade de ensino permanece no papel, sem que a comunidade seja beneficiada.
Com a inutilização do espaço, o que é oferecido à população é uma quadra cimentada sem condições de uso, pois as traves de futebol e de basquete já não existem mais. Enquanto as instalações permanecem sem cuidados, a alternativa é improvisar brincadeiras nas ruas.

Prefeitura

Consultada, até o fechamento desta edição, a prefeitura não comentou sobre as alegações.

Carbinatti se qualifica para o Panamericano de Guadalajara

No último final de semana (23 e 24) o mesatenista da SEME Carlos Carbinatti esteve disputando com os melhores mesatenistas do Brasil uma das vagas na equipe brasileira que estará em Guadalajara, no México, disputando os próximos Jogos Panamericanos.
A seletiva organizada pela Confederação reuniu todos os mesatenistas em todas as classes de disputa de 1 a 10 e Carbinatti venceu sem dificuldades a classe 10 e garantiu sua passagem para os Jogos Para Panamericanos que serão disputados de 12 a 20 de novembro 2011. Carbinatti venceu na final da seletiva Alexandre Caldeira, de Araçatuba,  após passar por William Almeida de Jundiaí, Mario Ribeiro do Rio de Janeiro e Anderson Mattos também do Rio.
Feliz com a classificação, Carbinatti volta à rotina de treinamentos agora mais focado, pois tem consciência que uma boa participação no Pan de Guadalajara pode garantir vaga nas Paraolimpíadas de Londres 2012.
Outro mesatenista da SEME Marcelo Cardim dos Santos, que também disputou a seletiva, mas na classe 8, não pode jogar com todo seu potencial, pois sofreu um novo acidente nos treinos e quebrou a perna que já era amputada e infelizmente teve que passar por nova cirurgia 40 dias atrás e também uma nova amputação.
“Ainda em recuperação e com muitas dores Marcelo disputou bravamente a seletiva, mas sem treinar corretamente e com dores da cirurgia é muito complicado para qualquer ser humano”, comenta o técnico Francisco Brito Jr.
A composição final da seleção Brasileira no Pan será publicada em breve pela confederação, pois ainda restam as vagas por indicação técnica que são apuradas de acordo com resultados internacionais ou pelo nível técnico e definidos pela comissão técnica da confederação entre outros profissionais envolvidos.

Mano saca seis da Copa América para amistoso contra a Alemanha

Depois de fracassar em sua campanha na Copa América, o técnico Mano Menezes resolveu fazer novas experiências na seleção brasileira. Nessa segunda-feira (25), em São Conrado, na Zona Sul do Rio de Janeiro, o treinador divulgou a lista de 23 convocados da Seleção Brasileira para o amistoso contra a Alemanha, no dia 10 de agosto, em Stuttgart. Dos 23 atletas lembrados para a competição na Argentina, seis ficaram fora: Adriano (Barcelona), Elano (Santos), Jadson (Shaktar Donetsk), Jefferson (Botafogo), Luisão (Benfica) e Sandro (Tottenham). As novidades em relação ao torneio continental foram os zagueiros Dedé (Vasco), os meio-campistas Fernandinho (Shakhtar), Luiz Gustavo (Bayern de Munique) e Renato Augusto, (Bayer Leverkusen) e Ralf (Corinthians) e o atacante Jonas (Valencia).
“Estamos partindo para a segunda etapa depois da Copa América. Temos um jogo de alto nível contra a Alemanha. Já havia sinalizado em relação ao Dedé lá atrás por tudo o que vinha jogando desde o passado e nesse primeiro semestre. A oportunidade se abriu e, por isso, ele aí está. O Ralf é um volante de contenção, temos a situação do Lucas (Leiva) que está em aberto, perdemos o Sandro, que era o segundo jogador da posição e fez uma intervenção cirúrgica. É um jogador que conheço e por isso foi convocado pela primeira vez. O Luiz Gustavo é volante canhoto, tem se destacado no futebol alemão. Esteve no Hoffeinheim, foi para o Bayern e fez grandes jogos na última Champions League. Ele tem uma característica diferente de saída de bola, que às vezes os destros não conseguem fazer – explicou o treinador, que ainda espera uma consulta à Fifa para saber se poderá utilizar Lucas Leiva, expulso contra o Paraguai na Copa América.
Esta é a primeira convocação de Mano Menezes após o fiasco no torneio da Argentina, conquistado no último domingo pelo Uruguai, após vitória por 3 a 0 sobre o Paraguai, algoz do time canarinho.
O amistoso contra a Alemanha, em Stuttgart, será o 13º jogo da era Mano Menezes. Até o momento, sob o comando do treinador, a Seleção Brasileira obteve seis vitórias, duas derrotas (França e Argentina) e quatro empates. A partida está marcada para o dia 10 de agosto, mesma data de Santos x Corinthians pelo Campeonato Brasileiro. Os atletas convocados têm que se apresentar no dia 6, sábado, e só voltam aos clubes no dia 11. Assim, Ganso e Neymar, pelo Santos, e Ralf, do Corinthians, estão fora do clássico.
Após o amistoso contra a Alemanha, o time de Mano tem mais dois compromissos agendados até o momento. Nos dias 14 e 21 de setembro, com um grupo de atletas que atuam no Brasil, a equipe vai encarar a Argentina, pela Copa Rocca. No dia 11 de outubro, o adversário será o México, na cidade de Torreón.
A CBF já teria agendado também amistosos contra a Espanha e a Itália. As datas e os locais da partida, porém, não foram divulgados.
Confira abaixo a lista dos convocados por Mano Menezes:
GOLEIROS: Julio César (Inter de Milão) e Victor (Grêmio).
LATERAIS: Maicon (Inter de Milão); Daniel Alves (Barcelona) e André Santos (Fenerbahçe).
ZAGUEIROS: Lúcio (Inter de Milão); Thiago Silva (Milan); David Luiz (Chelsea) e Dedé (Vasco).
MEIO-CAMPISTAS: Lucas Leiva (Liverpool); Ramires (Chelsea); Elias (Atlético de Madri); Ralf (Corinthians); Luiz Gustavo (Bayern de Munique); Paulo Henrique Ganso (Santos); Renato Augusto (Bayer Leverkusen); Lucas (São Paulo) e Fernandinho (Shakthar Donetsk).
ATACANTES: Alexandre Pato (Milan); Fred (Fluminense); Neymar (Santos); Robinho (Milan) e Jonas (Valencia).

Curtinhas dos paulistas no brasileirão

Corinthians
Muita gente: Os 34.462 pagantes da primeira derrota do Corinthians, nesse domingo, contra o Cruzeiro, foram o maior público do time no Pacaembu neste Brasileiro. O número superou os 33.329 que compraram ingresso para ver a vitória por 1 a 0 sobre o Internacional.
Muito apoio: Tite gostou de ver que os torcedores tiveram a compreensão que ele pediu e aplaudiu o time mesmo na derrota. Mas vê mérito em seus comandados por isso. “O torcedor não aplaude se a equipe não mostra o que mostramos. Só aplaude se dentro de campo jogar bem, ter um bom desempenho, marcar”, elogiou.

Palmeiras
Em defesa: O volante Marcos Assunção e o atacante Luan foram mais uma vez vaiados pela torcida organizada do Palmeiras neste domingo, no Rio de Janeiro. Depois da derrota por 1 a 0 para o Fluminense, o técnico Luiz Felipe Scolari se mostrou inconformado com os protestos contra os dois jogadores e rebateu os torcedores. “Quem os coloca em campo, sou eu. Se querem tumultuar, sou eu o responsável por eles estarem jogando”.
Boa volta: O meia Valdívia voltou ao Palmeiras depois de quase três meses sem defender a equipe alviverde em partidas oficiais. Apesar da derrota por 1 a 0 para o Fluminense, na tarde de domingo, o técnico Luiz Felipe Scolari gostou do desempenho do chileno. “O Valdívia foi bem, mais até do que a gente podia esperar neste primeiro jogo”.

Santos
Não foi pelo pênalti perdido: O técnico Mano Menezes divulgou a escalação da seleção brasileira nessa segunda-feira, no Rio de Janeiro, e logo se apressou para explicar a ausência do meia Elano. De acordo com o comandante brasileiro, que ignorou o pedido do Santos e convocou Neymar e Ganso, o pênalti desperdiçado na eliminação do time na Copa América contra o Paraguai, não foi determinante para vetar o seu retorno à equipe.
De presidente para presidente: Ciente do desejo de diversos clubes do Velho Continente de contar com o futebol do jovem Neymar, o presidente do Santos, Luis Álvaro, em entrevista ao jornal espanhol As, afirmou que pensa em contar com a ajuda da presidente Dilma Rousseff para manter o atacante no Peixe. Questionado sobre manter contato com Florentino Pérez, dirigente do Real Madrid, o mandatário negou ainda qualquer possibilidade de negociação do brasileiro.

São Paulo
Quanta gente: Com 23.487 pagantes, a estreia de Adilson Batista foi a partida que mais levou público ao Morumbi neste Campeonato Brasileiro. Antes, o compromisso com mais pagantes no estádio havia sido a vitória por 3 a 1 sobre o Grêmio, em 11 de junho, que teve 14.671 espectadores comprando ingresso.
Quanta alegria?: Aparentemente, a diretoria não esperava receber tantos torcedores neste sábado. Filas gigantes foram formadas ao longo do estádio e pessoas entraram já com a partida em andamento, mesmo depois do gol de Rhodolfo, reclamando que haviam poucos guichês para tantas pessoas.

Quinteto Sopra-5 faz show 5ª-feira no Casarão da Cultura

O Quinteto Sopra-5 é a atração de quinta-feira (28) no Festival de Música de Inverno de Rio Claro. Aberta ao público, a apresentação começa às 20h30 e promete levar emoção e qualidade musical ao público.
O Sopra-5 possui formação clássica, com os instrumentos flauta, oboé, clarinete, fagote e trompa. O quinteto existe desde o ano 2000 e foi formado com o intuito de pesquisar e divulgar as obras de câmara existentes para formações similares.
O repertório abrange do período clássico ao contemporâneo e os programas apresentados ressaltam obras de compositores brasileiros e estrangeiros, com o intuito de divulgar composições eruditas pouco conhecidas no Brasil.
O grupo é formado por Sérgio Cerri (flauta), João Carlos Goehring (oboé), André Luis Zocca (clarineta), Francisco José Amstalden (fagote) e Evandro Daniel das Neves (trompa).
O 3º Festival de Música de Inverno é uma verdadeira maratona musical, que durante 20 dias oferece 28 apresentações e oito atividades educativas (duas apresentações didáticas, cinco workshops e uma oficina). Inúmeros estilos têm vez: música clássica e erudita, canto lírico, canto coral, modinhas, músicas de seresta, chorinho, samba raiz, samba antigo, mpb, bossa nova, jazz clássico e contemporâneo, baladas, pop-rock nacional e internacional, black music, soul, soul-samba, ska e world music.

26 de julho – Dia da Vovó

Toda a mulher gosta de se cuidar e isso não muda com a idade, talvez até se intensifique porque cada pessoa vai conhecendo sempre mais o que é melhor para o seu corpo.
Com o passar dos anos é comum o aparecimento de ressecamento,  rugas,  marcas de expressão, manchas, flacidez e opacidade da pele. No entanto a cosmetologia,  cada vez mais adiantada, possibilita algumas recuperações para a pele facial danificada pelo tempo. Procedimentos e tratamentos de última geração garantem uma substancial melhora desses aspectos característicos da terceira idade.
De acordo com dermatologista agora existe o Manthus, um equipamento computadorizado, extremamente preciso e versátil, que “através das correntes estéreo-dinâmicas acelera o sistema linfático, diminuindo a célula de gordura e as toxinas que foram expulsas com a realização do ultrassom”. As correntes polarizadas permitem que o aparelho realize a introdução de princípios ativos específicos para redução de gordura localizada, celulite e flacidez de pele. São necessárias cerca de 10 sessões, e para a sua avó todo o investimento vale pena.
 
Para complementar o cuidado estético da sua Vovó, uma escolha que não vai falhar são os esmaltes perolados e metalizados que hoje existem pode também fazer a cabeça da sua avó. Uma manicure de Rio Claro acredita que a escolha da cor depende de cada pessoa, de cada cabeça e de cada humor, “a regra é ousar e não importa a idade”.
Além de um beijo bem apertado, um pacote de sessões estéticas e um conjunto de esmaltes podem tornar o dia da sua avó ainda mais especial, mesmo porque as vovós de hoje não são mais consideradas idosas, pois muitas ainda trabalham fora do lar, passeiam, vão para baladas nem de longe passam aparência de ser avó.
 
Dia da Vovó é lembrado devido
a Sant´Ana avó de Jesus

Os avós são pessoas ligadas a nós através de laços consanguíneos, pois são os pais dos nossos pais.
Assim, cada pessoa tem quatro avós, sendo uma avó e um avô paterno e uma avó e um avô materno.
Os avós merecem consideração e respeito, pois já viveram muito, possuem grande experiência de vida e podem transmitir muitos ensinamentos a todos de sua família. Por isso, ganharam uma data especial, para que fossem homenageados, o dia 26 de julho, que é mais conhecido como o dia da vovó.
O surgimento e criação dessa data foi em homenagem aos avós de Jesus Cristo, Joaquim e Ana, cujas pequenas informações aparecem no evangelho de Tiago. Registros históricos mencionam que em 1889, na cidade de Jerusalém, foram encontrados os túmulos onde Joaquim e Ana foram enterrados.
No dia da vovó podemos fazer várias programações para distraí-los, além de se tornar uma diversão para a família, como: fazer um passeio num parque, assistir a um filme do gosto deles, fazer uma reunião de família onde todos possam expressar seu amor e carinho pelos mesmos, etc.
Além disso, oferecer lembrancinhas e presentes para agradá-los também é uma forma de mostrar que são amados e que recebem consideração. Os objetos a serem oferecidos devem estar de acordo com as idades e os interesses dos avós, para não ficarem guardados. Normalmente gostam de perfumes suaves, cremes, sabonetes, pijamas ou camisolas de malhas confortáveis, roupões de banho, chinelos que acondicionem bem os pés, sapatos baixos e confortáveis com solado antiderrapante, dentre vários outros.
Os idosos também gostam muito de ser ouvidos. Quando encontram pessoas que lhes dão atenção, gostam de relembrar os tempos passados, da época em que eram jovens e contar casos engraçados e interessantes.
Hoje em dia existem leis que favorecem os idosos, isso é questão de respeito com os mesmos e devemos acatá-las. Assim, os idosos têm o direito de entrar na frente das filas, não pagam passagens de ônibus, possuem vagas especiais em estacionamentos, dentre outros. É muito justo que isso aconteça, pois seus corpos já não são mais capazes de suportar o cansaço que pessoas mais novas conseguem.