Conta Gotas

Frases
“Encontrou-se, em boa política, o segredo de fazer morrer de fome aqueles que, cultivando a terra, fazem viver os outros.” (Voltaire )
“Nada é tão admirável em política quanto uma memória curta.” (John Kenneth Galbraith, economista, filósofo e escritor estado-unidense )

Ideia boa, mas…

O vereador Sergio Desiderá, em um requerimento aprovado na sessão camarária de 22 de junho próximo passado, coloca uma ideia interessante, mas totalmente fora de tempo. O vereador requer que seja oficializada à CBF (Confederação Brasileira de Futebol e à FIFA (Federação Internacional de Futebol Associado) a possibilidade de se construírem estádios para a Copa de 2014 com estruturas desmontáveis visando diminuir custos, além de permitir uma futura adequação às verdadeiras necessidades. Esta reivindicação deveria ter sido colocada nos cadernos de encargos apresentados à FIFA quando da candidatura à sede de uma Copa. Agora, vereador, infelizmente, Inês é morta…

Requerimentos inócuos…

Temos visto na atual Câmara Municipal de Rio Claro, vereadores perdendo seu precioso tempo em enviar requerimento solicitando seja requerido, órgãos que nem sabem da existência de Rio Claro. CBF, FIFA, STJ, Ministérios, ARTESP, e outras entidades não estão nem aí para os vereadores de uma cidade com apenas 120 mil eleitores. CBF e FIFA, por exemplo, não respeitam sequer o Governo Federal, porque darão atenção a um requerimento vindo da Câmara Municipal de Rio Claro. O melhor mesmo é nos preocuparmos com os problemas locais, que já são muitos…

“Tô di mal…”

No dia do desfile de aniversário da cidade, o vereador Valdir Natalino Andreeta (PR) foi chamado para o palanque oficial. O “NOBRE” vereador fez beicinho e declinou do convite, preferindo permanecer junto ao “seu povo”. O vereador deve ter dito lá com seus botões: “Eu si magoei (sic) com o ocorrido lá na ETE Conduta”…

Inchaço da Máquina Pública…

Candidatíssimo a candidato a prefeito na próxima eleição municipal, o médico João Walter caminha pela mesma via de outros tantos que por aqui passaram. Ao prometer que murchará a máquina pública, parece querer dizer exatamente aquilo que o povo quer ouvir. Fazendo coligação com mais três partidos, no mínimo, jamais conseguirá fugir das promessas de cargos e, portanto, continuará a praticar o mesmo que se faz a séculos na política nacional. Lembre-se que não há máquina mais inchada do que o governo de São Paulo, que é de seu partido. É o chamado toma lá, da cá…

Recesso parlamentar – férias, agora oficiais…

Depois de passar cinco meses sem fazer nada, os vereadores poderão finalmente descansar da “dura vida” de um parlamentar. Na última quarta-feira (29) foi realizada a última sessão ordinária. Até que o vereador Carnevale tentou diminuir a mamata, suspendendo um dos recessos. Ninguém lhe deu atenção. Afinal, ninguém é de ferro, não é mesmo. Ser vereador cansa! A população não aguenta…

Dormindo com o inimigo…

O prefeito municipal, antes bem situado no contexto atual político de Rio Claro, parece preocupado com o futuro e com a lealdade dos atuais “amigos”.
Segundo conversas de bastidores está agendada para a próxima semana uma reunião com três partidos considerados, hoje, de oposição. Analisando friamente a situação, o prefeito do PMDB precisa urgentemente se livrar dos “mui amigos” que hoje fazem parte de sua administração. Caso contrário vai continuar sendo o Michel Temer de Rio Claro…

Será que vai…

Segundo informações, a coisa está movimentada lá pelos lados do Schmidtão. Visitas diárias têm levado os rioclaristas a ficarem curiosos quanto ao futuro do Galo Azul. Não se surpreendam se por trás da nova parceria estiver o ex-goleiro sãopaulino Waldir Perez…

Pizza do que mesmo?!…

A Comissão Processante instaurada pela Câmara Municipal é outra atividade daquela casa que deve terminar em pizza. Não porque não haja nada a apurar, mas sim por alguns outros motivos: a) a fonte não é nadinha confiável; b) os legisladores não são nadinha confiáveis e c) dos escolhidos, por sorteio marcado, para a comissão apenas um tem capacidade intelectual para apurar alguma coisa. Portanto, basta apenas escolher o sabor: mussarela, aliche, calabreza…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *